PUBLICIDADE
Topo

Conteúdo publicado há
5 meses

Brigitte Macron diz não saber sobre planos do marido para reeleição

12/01/2022 12h16

PARIS (Reuters) - Brigitte Macron pode ser a esposa do presidente da França, mas até ela está esperando para saber se o marido vai concorrer à reeleição em abril, segundo disse a primeira-dama francesa na quarta-feira. 

"Eu ouvi dizer que ele quer. Mas assim como vocês, estou esperando a decisão", disse Brigitte Macron ao canal francês TF1. 

Presidente da França desde 2017, Emmanuel Macron tem feito pouco para disfarçar seu desejo de concorrer novamente. Mas, como muitos candidatos antes dele, o atual presidente segura o anúncio formal de sua candidatura para encurtar a campanha e minimizar os riscos de derrota. 

Macron, que ao ser eleito foi o líder mais jovem do país desde Napoleão, é o favorito para vencer a eleição em dois turnos nas urnas. Entretanto, a candidata conservadora Valerie Pecresse representa uma ameaça ao político de 44 anos se conseguir derrotar a extrema-direita no primeiro turno e chegar ao segundo turno contra o atual presidente. 

A relação do presidente com a primeira dama fisgou a imaginação do público na França e além das fronteiras do país. O romance desabrochou em um Colégio de Jesuítas em uma cidade no norte da França, quando ele era um aluno adolescente e ela uma professora de Teatro 24 anos mais velha. O dois se casaram em 2007, depois que Brigitte se divorciou do então marido. 

"Todos os dias têm suas surpresas", disse Brigitte ao ser perguntada sobre a relação. 

Advogados de Brigitte Macron afirmaram no mês passado que ela está abrindo um processo contra a propagação de boatos sem fundamento de que ela seria uma mulher transgênero, que teria nascido homem.

"Claramente são mentiras", disse a primeira dama ao canal de televisão. 

(Reportagem de Blanding Henault)