PUBLICIDADE
Topo

Internacional

Conteúdo publicado há
4 meses

Quatro morrem congelados no Canadá perto da fronteira com os EUA

A polícia da província de Manitoba encontrou os corpos perto da pequena comunidade agrícola de Emerson - Chris Wattie/Reuters
A polícia da província de Manitoba encontrou os corpos perto da pequena comunidade agrícola de Emerson Imagem: Chris Wattie/Reuters

20/01/2022 18h15

Quatro pessoas, incluindo um bebê, morreram congeladas em uma parte remota do Canadá, muito perto da fronteira com os Estados Unidos, e, segundo disse a polícia nesta quinta-feira, contrabandistas de seres humanos podem ter contribuído para a tragédia.

A polícia da província de Manitoba encontrou os corpos perto da pequena comunidade agrícola de Emerson, depois que colegas dos EUA detiveram um grupo que veio do Canadá e encontraram evidências de que outros poderiam ter tentado fazer a mesma jornada.

As vítimas — um homem, uma mulher, um adolescente e um bebê — foram encontradas no lado canadense na quarta-feira, a cerca de 12 metros da fronteira com Minnesota. As primeiras indicações são de que morreram por exposição ao frio.

"Estamos muito preocupados que esta tentativa de travessia possa ter sido facilitada de alguma forma, e que esses indivíduos... foram deixados sozinhos no meio de uma nevasca", disse a comissária assistente da Polícia Montada do Canadá, Jane MacLatchy, em entrevista coletiva em Winnipeg, Manitoba.

"Essas vítimas enfrentaram não apenas o clima frio, mas também campos sem fim, grandes nevascas e escuridão total", acrescentou ela, dizendo que o vento frio reduziu a temperatura para -35°C.

MacLatchy disse que as autoridades de ambos os lados da fronteira estão tentando confirmar detalhes do que aconteceu. As vítimas ainda não foram identificadas.

(Reportagem de Ismail Shakil em Bengaluru e David Ljunggren em Ottawa)

Internacional