Câmara dos Lordes britânica dá mais um passo contra o Brexit

A Câmara dos Lordes britânica deu mais uma prova de sua resistência ao Brexit, ao adotar, nesta segunda-feira (30), uma emenda ao projeto de lei sobre a saída do país ...

A emenda dá aos parlamentares a possibilidade de "sugerir novas negociações", ou mesmo decidir sobre uma permanência na UE, explicou o conservador Douglas Martin Hogg, um dos signatários do texto. A proposta dos Lordes foi adotada por 335 votos a favor contra 244.

Esta votação representa mais um obstáculo para o governo desde que o projeto de lei foi debatido pela primeira vez pela Câmara dos Lordes, em sua maioria pró-UE, e ilustra as divisões do governo em relação ao Brexit. Mesmo antes de sua adoção, o Executivo havia alertado que tal proposta iria "enfraquecer a mão do Reino Unido nas negociações" sobre a saída do país da União Europeia, de acordo com uma porta-voz de May.

Em abril, os Lordes já haviam votado para manter a Carta dos Direitos Fundamentais da União Europeia na Constituição britânica e adotaram uma emenda questionando o plano do governo de deixar a união aduaneira.

Após ser discutido pelos Lordes, o texto deve retornar em maio para os deputados, que podem suprimir ou modificar esta emenda embaraçosa para o Executivo. O governo conservador de Theresa May havia indicado que deixaria o Parlamento votar o acordo de divórcio. Mas, no caso de rejeição, a única opção restante seria uma saída sem acordo, uma perspectiva que preocupa particularmente as empresas britânicas.

(Com informações da AFP)

Receba notícias do UOL. É grátis!

Facebook Messenger

As principais notícias do dia pelo chatbot do UOL para o Facebook Messenger

Começar agora

UOL Newsletter

Para começar e terminar o dia bem informado.

Quero Receber

UOL Cursos Online

Todos os cursos