PUBLICIDADE
Topo

Tanzânia: naufrágio de balsa no lago Vitória deixa dezenas de mortos

21/09/2018 06h35

Pelo menos 86 pessoas morreram nesta quinta-feira (20) no naufrágio de uma balsa no sul do lago Vitória, localizado na parte ocidental do Grande Vale do Rift, na África Oriental. As equipes de resgate, que precisaram interromper as buscas durante a noite, voltaram a procurar sobreviventes nesta sexta-feira (21).

Segundo informações divulgadas pela TV estatal do país, cerca de 200 passageiros estavam a bordo da balsa MV Nyerere no momento do acidente. Segundo o governador da região de Mwanza, John Mongella, há pelo menos 40 sobreviventes. A embarcação virou a algumas dezenas de metros do cais, perto da parada final, situada na ilha de Ukara, de acordo com a empresa que administra o serviço.

“Meu filho e minha nora morreram no naufrágio, mas o corpo dela ainda não foi encontrado. O que eu fiz para merecer isso”, disse uma testemunha ouvida pela imprensa. A balsa fazia a ligação entre a ilha de Ukara e de Ukerewe, onde fica o vilarejo de Bugolora.

Causas do acidente ainda são desconhecidas

As autoridades da Tanzânia ainda estão investigando as causas do acidente, mas outras tragédias similares ocorridas no passado foram provocadas pelo excesso de peso. Várias pessoas ouvidas pela imprensa disseram que os passageiros foram para a parte da frente da balsa na hora do desembarque, o que desequilibrou a embarcação.

Além disso, o MV Nyerere ainda carregava mercadorias. As balsas que circulam no lago em geral são antigas e não passam por controles periódicos. Segundo a Cruz Vermelha, em 1996 cerca de 800 pessoas morreram no naufrágio da balsa Bukoba, a várias milhas náuticas da costa de Mwanza.