Topo

Forte onda de calor mata três nos Estados Unidos

21/07/2019 07h30

Os americanos enfrentam um segundo dia de calor extremo neste domingo, com temperaturas próximas de 38°C em várias partes do país. As altas temperaturas já deixaram três mortos.

Os americanos enfrentam um segundo dia de calor extremo neste domingo, com temperaturas próximas de 38°C em várias partes do país. As altas temperaturas já deixaram três mortos.

Quase 150 milhões de pessoas são afetadas pela onda de calor que atinge do meio-oeste do país até a costa atlântica, sinalizou o Serviço Nacional de Meteorologia.

Em Nova York, a prefeitura declarou emergência por causa do calor. A cidade abriu 500 centros refrigerados para que pessoas sem abrigo ou ar condicionado possam se refugiar do calor.   

"As temperaturas na cidade podem ser as mais altas dos últimos anos, por isso tomem cuidado", alertou pelo Twitter o prefeito de Nova York, Bill de Blasio.

O Triatlo da Cidade de Nova York, que deveria acontecer neste domingo, foi cancelado pela primeira vez desde que foi criado, em 2001. O festival OZY, de comida, shows e música, no Central Park, também foi suspenso.

Não esquecer crianças e animais em carros

A onda de calor deve se estender por todo o domingo, consequência de um sistema de alta pressão vinda da costa Atlântica.

As autoridades pedem que as pessoas se mantenham hidratadas, com atenção especial para idosos e doentes, que procurem não se expor e que não esqueçam crianças e animais dentro de carros.

Duas pessoas morreram no começo da semana no estado de Maryland, no leste do país. Em Arkansas, um ex-jogador de futebol americano de 32 anos teve uma parada cardíaca.

A França também deve enfrentar uma nova onda de calor nesta semana, com previsões de até 39°C em Paris.

 

 

Mais Notícias