Após encontro com Préval, Obama diz que condições no Haiti permanecem terríveis

Do UOL Notícias*
Em São Paulo

  • Mandel Ngan/AFP

    Presidente do Haiti, Rene Preval, acompanha o discurso do presidente dos Estados Unidos, Barack Obama, em Washington

    Presidente do Haiti, Rene Preval, acompanha o discurso do presidente dos Estados Unidos, Barack Obama, em Washington

O presidente Barack Obama disse nesta quarta-feira (10) que as condições no Haiti pós-terremoto permanecem terríveis e prometeu que os Eestados Unidos serão um parceiro de confiança nos esforços para a reconstrução do país.

Ao lado do presidente do Haiti, René Préval, na Casa Branca, Obama disse que apenas uma resposta global à crise do país ajudaria na sua recuperação.

"A situação no local permanece terrível e as pessoas deveriam não ter ilusões de que a crise acabou", afirmou Obama, ao lado de Préval. O presidente norte-americano lembrou que é necessário evitar “um segundo desastre” com a chegada da temporada de chuvas no país. Obama reiterou ainda que os Estados Unidos são um parceiro “firme e confiável” para o Haiti.

"O desafio agora é evitar um segundo desastre e é por isso que neste momento milhares de americanos, tanto civis como militares, permanecem no local a convite do governo haitiano", afirmou.

Obama não propôs nenhuma quantia para uma futura ajuda financeira dos EUA ao Haiti. A secretária de Estado norte-americana, Hillary Clinton, afirmou na terça-feira que os EUA já colocaram cerca de US$ 700 milhões nos esforços de reconstrução do Haiti.

  • Veja trecho do discurso (original em inglês)

O presidente americano qualificou o terremoto que atingiu o Haiti em 12 de janeiro como “uma das tragédias mais devastadoras que já atingiu o continente”.

Préval elogiou a velocidade e o tamanho da resposta internacional ao desastre e expressou gratidão a Obama por fazer do esforço de resgate dos EUA uma prioridade. O presidente do Haiti afirmou que, além do auxílio material, o apoio moral foi importante para mostrar que os atingidos pelo terremoto não estavam sozinhos.

Preval também defendeu que é hora para o mundo aprender com a tragédia, e sugeriu à ONU que crie uma equipe de resposta rápida para desastres naturais.

* Com agências internacionais

Receba notícias do UOL. É grátis!

Facebook Messenger

As principais notícias do dia pelo chatbot do UOL para o Facebook Messenger

Começar agora

Receba por e-mail as principais notícias, de manhã e de noite, sem pagar nada. É só deixar seu e-mail e pronto!

UOL Cursos Online

Todos os cursos