UOL Últimas NotíciasUOL Últimas Notícias
UOL BUSCA


 

11/11/2004 - 18h13
ESTRÉIA-Policiais negros fazem comédia virando "As Branquelas"

Por Kirk Honeycutt

HOLLYWOOD (Hollywood Reporter) - A proposta mais maluca até agora para comédias sobre trocas de sexo veio dos irmãos Wayans: dois agentes negros do FBI se disfarçam, fazendo-se passar por garotas brancas.

"As Branquelas", estréia da sexta-feira, não apenas troca raças e gêneros, mas também brinca com questões de classe, sexo, etiqueta, alta sociedade e brigas inacreditáveis entre mulheres.

Dispostos a praticamente qualquer coisa para arrancar uma gargalhada da platéia, o diretor Keenen Ivory Wayans e seus colegas conspiradores -- seus irmãos, os co-roteiristas e atores Shawn e Marlon -- experimentam de tudo para ver o que vai "colar" com o público. Resultado: muita coisa cola, sim.

É uma comédia de situações e esquetes que explora estereótipos até mais não poder e não hesita em momento algum em emprestar elementos de filmes muito melhores, que variam de "Quanto Mais Quente Melhor" a "Tootsie".

Num momento em que estão em cartaz comédias "brancas" como "Com a Bola Toda" e "O Terminal", esta comédia urbana -- que, na verdade, tem mais atores brancos do que negros -- deve funcionar como contrapeso inteligente.

Seja como for, é um filme muito mais inteligente do que a série "Todo Mundo em Pânico", também dos irmãos Wayans, de modo que as perspectivas são promissoras.

Shawn e Marlon Wayans representam dois irmãos, ambos desajeitados agentes do FBI, Kevin e Marcus Copeland, que possuem talento para disfarces, mas nenhum para prender bandidos.

Mais ou menos a única coisa que seu chefe (Frankie Faison) confia que possam fazer direito é escoltar duas herdeiras socialites, Brittany e Tiffany Wilson (Maitland Ward e Anne Dudek).

As duas são potenciais alvos de um sequestro, que deverá acontecer durante o fim de semana, em um baile de debutantes no elegante balneário de The Hamptons.

PENSE NAS IRMÃS HILTON

Uma sequência hilária envolvendo um cão mimado e um acidente de trânsito deixa as irmãs Wilson sem condições de ir ao baile. Os irmãos decidem passar-se por elas e ir em seu lugar.

Depois de mergulharem em camadas de maquiagem, perucas, máscaras e roupas, eles começam de fato a falar e parecer-se com as duas loiras tolinhas que estão representando (pense nas irmãs Hilton).

Dessa maneira, partem para The Hamptons, onde Brittany e Tiffany encontram suas odiadas rivais, Heather e Megan Vandergeld (Jaime King e Brittany Daniel), e suas melhores amigas (Busy Philipps, Jennifer Carpenter e Jessica Cauffiel).

A suposta trama percorre uma série de situações que destacam pontos de vista diferentes -- brancos x negros, homens x mulheres -- com relação a questões como música, moda, compras, engordar/emagrecer, dançar, namoro, alpinismo social.

A lógica vai para o espaço, e muitos personagens que deveriam ser inteligentes -- por exemplo, uma jornalista de TV que atrai a atenção de Kevin/Brittany -- precisam parecer burros para que a farsa funcione.

Em papéis que conceberam para eles próprios, Marlon e Shawn Wayans fazem garotas branquelas bastante convincentes. Mas é preciso consultar um programa para lembrar qual deles/as é Tiffany ou Brittany. Marlon possui uma fala, talvez a mais engraçada do filme, que só pode ter graça se dita por um negro que está se fazendo passar por branca.

Merecem elogios os maquiadores Greg Cannom e Keith Vanderlaan, que conseguiram transformar dois negros magros em mulheres brancas e sensuais. E o diretor de fotografia Steven Bernstein, que consegue nos convencer que Vancouver no outono é The Hamptons no verão.

ÍNDICE DE ÚLTIMAS NOTÍCIAS  IMPRIMIR  ENVIE POR E-MAIL

Folha Online
Reforma visual da Folha facilita a leitura; conheça as mudanças
UOL Esporte
Após fiasco de público, CBF reduz preços de ingressos para partida
UOL Economia
Bovespa reduz ritmo de perdas
perto do fim dos negócios

UOL Tecnologia
Fãs do iPhone promovem encontro no Brasil; veja mais
UOL Notícias
Chuvas deixam quatro mortos e afetam mais de 4 mil no Paraná
UOL Vestibular
Cotista tem nota parecida com de não-cotista aponta Unifesp
UOL Televisão
Nova novela da Record terá máfia e Gabriel Braga Nunes como protagonista
UOL Música
Radiohead entra em estúdio para trabalhar em disco novo
UOL Diversão & Arte
Escritor indiano Aravind Adiga ganha o Booker Prize
UOL Cinema
Novo filme dos irmãos
Coen tem maior bilheteria nos EUA