UOL Notícias Notícias
 

11/03/2008 - 13h36

No plenário do Senado, Dilma chora ao lembrar de prisão

Da Redação

Em São Paulo
Conhecida pelo seu estilo "durão", lembrado no discurso feito pelo presidente Luiz Inácio Lula da Silva na semana passada, quando a chamou de "mãe do PAC", a ministra da Casa Civil, Dilma Rousseff, chorou nesta terça-feira durante uma cerimônia em homenagem ao Dia Internacional da Mulher, no plenário do Senado.

Reprodução de Vídeo
A ministra Dilma Rousseff (Casa Civil) chora durante sessão no plenário do Senado
VEJA O VÍDEO
MINISTRA DESCARTA CANDIDATURA
LULA DIZ QUE DILMA É "MÃE DO PAC"
LULA: "GOVERNO COMO UMA MÃE"
Dilma foi às lágrimas quando falou sobre sua amiga Terezinha Zerbini, uma das homenageadas e com quem ficou presa durante a ditadura militar.

Depois, Dilma entregou uma placa para homenagear a amiga. Terezinha Zerbini elogiou a ministra. "Deus quer quando a mulher quer. Por isso, vamos querer", afirmou a homenageada.








Siga UOL Notícias

Tempo

No Brasil
No exterior

Trânsito

Cotações

  • Dólar comercial

    11h00

    0,11
    5,560
    Outras moedas
  • Bovespa

    11h04

    0,94
    97.916,02
    Outras bolsas
  • Hospedagem: UOL Host