UOL Últimas NotíciasUOL Últimas Notícias
UOL BUSCA



 Internacional

08/12/2004 - 23h14
Principais pontos da Declaração de Cuzco

CUZCO, Peru, 8 Dez (AFP) - A Declaração de Cuzco, que acaba de ser assinada por presidentes ou representantes do Brasil, Argentina, Bolívia, Colômbia, Chile, Equador, Guiana, Paraguai, Peru, Suriname, Uruguai e Venezuela, criou nesta quarta-feira a Comunidade Sul-Americana de Nações (CSN).

O texto começa ressaltando que "os presidentes dos países sul-americanos reunidos na cidade de Cuzco, interpretando as aspirações e desejos de seus povos em favor da integração, unidade e construção de um futuro comum, decidiram conformar a Comunidade Sul-Americana de Nações".

O espaço sul-americano se desenvolverá e aperfeiçoará, impulsionando a "coordenação política" e "o aprofundamento da convergência entre o Mercosul, a Comunidade Andina das Nações (CAN) e o Chile, por meio da zona de livre comércio".

Também se estimulará "a integração física, energética e de comunicações na América do Sul sobre a base das experiências bilaterais, regionais e sub-regionais existentes, com a consideração de mecanismos financeiros inovadores".

O texto destaca a necessidade de impulsionar a "transferência de tecnologia e de cooperação horizontal em todos os âmbitos da Ciência, Educação e Cultura" e aponta que a CSN "estabelecerá e implementará progressivamente seus níveis e âmbitos de ação conjunta, promovendo a convergência sobre a base da institucionalidade existente, evitando a duplicação e sem que implique novos gastos financeiros".

Isso significa que o nascimento deste novo ente não vai gerar organismos, nem burocracia adicional.

Os presidentes ressaltaram "sua determinação de desenvolver um espaço sul-americano integrado no político, social, econômico, ambiental e de infra-estrutura, que fortaleça a identidade própria e lhe outorgue uma maior gravitação e representação nos foros internacionais".

Finalmente, a Declaração de Cuzco acrescenta que "o Governo do Peru exercerá a secretaria pró-tempore até a realização da Cúpula da Comunidade Sul-Americana de Nações, que será no Brasil, no primeiro semestre do ano 2005".

ÍNDICE DE ÚLTIMAS NOTÍCIAS  IMPRIMIR  ENVIE POR E-MAIL

Folha Online
Reforma visual da Folha facilita a leitura; conheça as mudanças
UOL Esporte
Após fiasco de público, CBF reduz preços de ingressos para partida
UOL Economia
Bovespa reduz ritmo de perdas
perto do fim dos negócios

UOL Tecnologia
Fãs do iPhone promovem encontro no Brasil; veja mais
UOL Notícias
Chuvas deixam quatro mortos e afetam mais de 4 mil no Paraná
UOL Vestibular
Cotista tem nota parecida com de não-cotista aponta Unifesp
UOL Televisão
Nova novela da Record terá máfia e Gabriel Braga Nunes como protagonista
UOL Música
Radiohead entra em estúdio para trabalhar em disco novo
UOL Diversão & Arte
Escritor indiano Aravind Adiga ganha o Booker Prize
UOL Cinema
Novo filme dos irmãos
Coen tem maior bilheteria nos EUA