UOL BichosUOL Bichos
UOL BUSCA
ÚLTIMAS NOTÍCIAS

27/04/2007 - 13h59

Mostra na Alemanha celebra interação entre homem e cavalo; veja fotos

Marcelo Crescenti
de Frankfurt

Museu Reiss-Engelhorn de Mannheim/Divulgação

Fóssil de cavalo primitivo

Fóssil de cavalo primitivo

Uma exposição na cidade alemã de Mannheim mostra a história da interação entre homens e cavalos.

A mostra intitulada Pferdestärke (Cavalos de Força, em tradução livre) reúne objetos de museus de toda a Europa e deixa claro que nenhum outro animal influenciou a evolução do homem como o cavalo.

A exposição no renomado museu Reiss-Engelhorn em Mannheim traz desde pinturas e esculturas até partes de carruagens e carroças antigas que documentam o começo do uso do cavalo como animal de tração.

Os cavalos já existiam muito antes do ser humano habitar a Terra, como mostra o fóssil de um cavalo primitivo que data de 50 mil anos atrás, também exposto em Mannheim.

O animal pré-histórico era do tamanho de um cachorro atual e media cerca de meio metro.

O primeiro contato entre o homem e o cavalo ocorreu cerca de 350 mil anos atrás.

Revolucionário

A mostra explica como o uso do cavalo revolucionou o mundo antigo, e compara a domesticação do animal ao invento do trem ou do automóvel.

O museu também mostra o uso do cavalo em guerras. O animal já era usado em manobras militares pelos antigos egípcios.
Na mitologia, o cavalo foi visto por muitos povos como divindade ou como entidade demoníaca, o que mostram várias pinturas antigas.

A idéia da exposição em Mannheim surgiu quando a cidade decidiu sediar o campeonato europeu de equitação, que em ocorre em agosto deste ano.

A mostra "Cavalos de força" fica em exposição até o dia 19 de agosto de 2007.

Hospedagem: UOL Host