UOL BichosUOL Bichos
UOL BUSCA
ÚLTIMAS NOTÍCIAS

07/06/2007 - 17h24

Mostra documenta fim da tradição dos ursos dançarinos; veja fotos

Albim Biblom

Mostra de fotografias documenta fim da tradição dos ursos dançarinos

Mostra de fotografias documenta fim da tradição dos ursos dançarinos

Marcelo Crescenti
de Frankfurt

Uma mostra na cidade alemã de Braunschweig documenta o fim de uma tradição centenária da Europa: a dos ursos dançarinos.

O fotógrafo Albin Biblom acompanhou treinadores de ursos dançarinos na Europa do leste durante vários anos e registrou cenas inusitadas de seu cotidiano.

A tradição dos ursos dançantes tem centenas de anos e foi passada de pai para filho pelos ciganos em países como Bulgária e Sérvia.

Ela foi proibida oficialmente na União Européia no ano passado por ser cruel e prejudicial aos animais. O fotógrafo Biblom mostra algumas famílias ciganas que tiveram que se separar de seus ursos e ficaram sem seu ganha-pão.

Marginalização

Elas receberam uma indenização, mas segundo o fotógrafo isso acabou aumentando a marginalização dos ciganos no Leste Europeu. Organizações de proteção aos animais, entre elas a da atriz francesa Brigitte Bardot, criaram reservas especiais para os animais.

Os ativistas ecológicos dizem que o treinamento dos ursos é brutal e muito doloroso para os animais. Os ursos dançarinos são mantidos sob controle com o auxílio de um anel no focinho e muitas vezes aprendem a "dançar" e pular de um pé para outro em cima de uma placa quente de metal.

Segundo Alain Biblom ele queria documentar essa tradição "de um ponto de vista neutro." As fotos de Biblom ficam expostas no Museu de Fotografia de Braunschweig até 29 de julho de 2007.

Hospedagem: UOL Host