UOL BichosUOL Bichos
UOL BUSCA
ÚLTIMAS NOTÍCIAS

08/01/2008 - 15h40

Aeroporto na Itália usa águia para afastar animais da pista

A operadora do aeroporto de Bari, na Itália, recrutou uma águia dourada para manter a pista de decolagem livre de animais indesejáveis.

Nos últimos meses, vários aviões foram impedidos de levantar voo na última hora, porque uma raposa estava perigosamente perto da pista, atrás de um coelho, ou rato.

De manhã e ao anoitecer, o campos próximos ao aeroporto se tornam ricos campos de caça para os animais.

Mas agora, além dos aviões, uma nova sombra que aterroriza as raposas desce sobre os animais - a da águia.

Controle

O animal já foi o símbolo das poderosas legiões romanas e agora é a nova descoberta em termos de controle ecológico de pestes.

Cheyenne tem seis meses de vida e foi criada na Alemanha. Ela tem dois metros de envergadura e pode levantar até 18 quilos, quase três vezes o seu peso.

A operadora do aeroporto de Bari espera que o pássaro imponha respeito suficiente para afastar as raposas e outros animais, particularmente quando vierem os filhotes, dentro de poucos meses.

Cerca de dois milhões de passageiros passam pelo aeroporto todos os anos, e o fechamento da pista pode se mostrar bastante caro.

Nos Estados Unidos, outras operadoras já usaram equipamentos de ultrassom, venenos e armadilhas para afastar animais da pista, mas acredita-se que esta seja a primeira vez que se recorra a uma ave de rapina.

Mas ao preço de 15 mil dólares por animal (cerca de R$ 26 mil), alguns aeroportos podem considerar a solução um pouco cara.

O treinamento de Cheyenne já está chegando ao fim e o primeiro vôo teste deve ser realizado já nas próximas semanas. A partir de então, a águia estará pronta para começar seu trabalho.

Hospedagem: UOL Host