UOL BichosUOL Bichos
UOL BUSCA
ÚLTIMAS NOTÍCIAS

13/10/2004 - 09h40

Cites revoga lei que proibia comercialização de crocodilo em Cuba

Bangcoc, 13 out (EFE)- A Convenção Internacional sobre o Comércio de Espécies Ameaçadas de Flora e Fauna Silvestres (Cites) anulou nesta quarta-feira a lei que proibia a comercialização do crocodilo americano originário de Cuba.

Membro da Cites desde 1990, Cuba argumentou em sua proposta que a população nacional de crocodilos não está à beira da extinção e que o rápido aumento do número de animais registrado durante a última década representa, atualmente, um perigo para sua sobrevivência.

Cuba solicitou à Cites que transfira o crocodilo americano ao Apêndice II para poder colher entre 1.500 e 2 mil ovos e filhotes nascidos recentemente nos mangues da ilha, a fim de apoiar as operações de criação em fazenda para a exportação.

O crocodilo americano foi incluído em 1975 no Apêndice I da Cites, o que significava que sua comercialização internacional estava proibida.

A população de crocodilos na ilha caribenha diminuiu de maneira progressiva devido a sua caça indiscriminada, até que, na década de 60, o governo cubano impôs a proibição.

Hospedagem: UOL Host