UOL BichosUOL Bichos
UOL BUSCA
ÚLTIMAS NOTÍCIAS

24/05/2007 - 18h03

Galeses fazem exame de sangue após apresentarem sintomas da gripe aviária

Londres, 24 mai (EFE).- Duas pessoas se submeteram a exames de sangue depois de apresentarem sintomas parecidos com os da gripe aviária, após a descoberta de um foco da variação H7N2 do vírus causador da gripe, em uma fazenda do norte de Gales, informou hoje o Serviço Nacional de Saúde galês.

As duas supostas vítimas são adultas, e viviam na fazenda afetada. Elas foram examinadas pelos médicos, e estão sendo tratadas por sintomas de gripe e conjuntivite. Segundo fontes, os possíveis infectados ainda não tiveram que ser internados.

"Até o momento, em quase todos os casos de seres humanos infectados com H7N2, o vírus só causou uma doença leve", afirmou uma porta-voz do Serviço de Saúde. Ela ressaltou que essa gripe é, "ainda, basicamente, uma doença de aves".

A variante mais perigosa da gripe aviária, que causou dezenas de mortes humanas em todo o mundo, é a causada pelo H5N1, que os especialistas temem que possa sofrer mutações e chegar a ser contagioso entre humanos.

A veterinária-chefe do Governo galês, Christianne Glossop, confirmou hoje que havia sido detectado um foco de gripe aviária causada pelo H7N2 em um área agrícola do norte de Gales. Isso forçou o sacrifício de 30 aves. Outras 15 morreram infectadas.

As autoridades locais delimitaram um cordão de segurança, de cerca de um quilômetro, ao redor da fazenda, situada em Corwen, em Gales, para restringir os movimentos de aves e de produtos alimentícios derivados desses animais.

Ao observar a morte das primeiras aves, nas últimas duas semanas, os donos da fazenda chamaram seu veterinário, que, por sua vez, alertou o serviço veterinário galês, disse Christianne Glossop.

Em fevereiro, as autoridades britânicas aplicaram fortes medidas de controle em torno de uma fazenda de Holton, no condado de Suffolk, no leste da Inglaterra, para conter um surto de gripe aviária, que levou ao sacrifício de milhares de perus.

Hospedagem: UOL Host