UOL Notícias Ciência e Saúde
 

04/06/2007 - 10h45

Papiro médico egípcio do Novo Império é adquirido pelo Museu do Louvre

Um papiro médico egípcio do Novo Império (1550-1050 AC), verdadeiro "tratado de medicina", foi adquirido pelo Museu do Louvre de Paris e será exposto neste templo da arte, anunciou esta segunda-feira o Ministério francês da Cultura.

O papiro é composto de oito folhas, que constituíam originalmente um rolo de aproximadamente sete metros de extensão.

O documento, declarado tesouro nacional e adquirido por 670.000 euros graças a um mecenas, será a peça-chave de uma exposição sobre a medicina egípcia que será realizada de 6 de junho a 6 de agosto no museu. Depois fará parte do departamento de antiguidades egípcias do Louvre.

Verdadeiro "tratado de medicina", o documento tem a rara particularidade de levar em suas duas faces textos relativos ao mesmo tema. Foi escrito de maneira contínua por dois escribas diferentes com uma escrita característica do Novo Império.

Esta obra, doze séculos anterior às escolas de medicina gregas, é um documento essencial para a história da medicina e da farmácia.

O papiro foi adquirido no Egito em 1953 por um colecionador particular, e leiloado após a morte de seu proprietário.

Calculadoras

Massa corporal e gasto calórico

m

kg

Sexo

anos

* Os campos "Altura" e "Peso" são obrigatórios

* Esta avaliação não dispensa a orientação de um profissional de saúde. Procure um médico.

Hospedagem: UOL Host