UOL Notícias Ciência e Saúde
 

16/01/2008 - 19h29

Cientistas descobrem variações genéticas que predispõem ao câncer de próstata

Da AFP
Em Washington
Pesquisadores americanos e suecos descobriram uma série de variações genéticas que aumentam de maneira significativa a predisposição hereditária ao câncer de próstata, segundo trabalhos publicados nesta quarta-feira nos Estados Unidos.

Os médicos identificaram 16 variações genéticas em cinco regiões diferentes dos cromossomos 8 e 17, mais freqüentes entre os homens que sofriam de câncer de próstata, comparado àqueles que não apresentavam este tipo de tumor.

Os pesquisadores então analisaram amostras de sangue de 2.893 pacientes com câncer de próstata, e de 1.781 homens saudáveis na Suécia.

Eles perceberam que as variações genéticas poderiam ser responsáveis por quase metade dos casos desse tipo de câncer no grupo estudado.

Os médicos determinaram também que, quanto mais variações, maior o risco de desenvolver um tumor. Os homens com quatro ou cinco destas variações genéticas tinham quase 4,5 vezes mais risco de desenvolver câncer de próstata.

Quando esses homens, além das variações genéticas, tiverem uma quantidade significativa de membros próximos de sua família (pai, tios, avós) afetados pelo câncer de próstata, seu risco de desenvolver a doença passa a 9,5, comparados a indivíduos sem antecedentes familiares, segundo os autores da pesquisa, divulgada no New England Journal of Medicine de 17 de janeiro.

Os autores destacam que as variações genéticas identificadas não permitiam prever a taxa de avanço do tumor.

Calculadoras

Massa corporal e gasto calórico

m

kg

Sexo

anos

* Os campos "Altura" e "Peso" são obrigatórios

* Esta avaliação não dispensa a orientação de um profissional de saúde. Procure um médico.

Hospedagem: UOL Host