UOL Últimas NotíciasUOL Últimas Notícias
UOL BUSCA


 

11/10/2005 - 11h19
Em lugar do metrossexual, o homem do futuro será "übersexual"

Por Victor Martin Nova York, 10 out (EFE).- Os autores que inventaram o termo metrossexual defendem em seu novo livro que o homem que se depila será substituído como modelo masculino pelo "übersexual", mais próximo ao homem tradicional.

Pelo menos é o que dizem Marian Salzman, Ira Matathia e Ann O'Reilly, verdadeiros "gurus" do setor publicitário e autores do livro "The Future of Men" (O futuro dos homens), lançado recentemente nos Estados Unidos.

Apenas dois anos depois de popularizar o termo metrossexual - criado em 1994 pelo escritor inglês Mark Simpson, compatriota do jogador David Beckman, maior representante do estilo -, os autores propõem agora um novo conceito, o do "übersexual", para definir a nova tendência de masculinidade.

De acordo com este último conceito, homens que usam cremes, roupas e acessórios femininos, se depilam e fazem as unhas não estão mais na moda. A nova corrente se aproxima de homens como Bono, George Clooney, Bill Clinton e o governador da Califórnia, Arnold Schwarzenegger, que encarnam uma imagem muito mas clássica do homem.

Segundo o Urban Dictionary, que reúne expressões e termos coloquiais, "über" significa "acima" em alemão, e seu equivalente em inglês seria "super".

No entanto, os autores não mencionam uma intensa atividade sexual do "übersexual", mas a recuperação de uma certa masculinidade que, na sua opinião dos escritores, se perdera nos últimos anos.

Assim, o "übersexual" será aquele que confia em si mesmo sem se tornar detestável, tem um aspecto masculino, possui estilo e está determinado a alcançar os mais altos níveis de qualidade em todas as áreas de sua vida.

O homem do futuro "é apaixonado por seus interesses e relações", disse Matathia, acrescentando que o "übersexual" tem seus sentidos bem abertos a todos os estímulos que recebe.

"É apaixonado por fazer e ser o que lhe parece natural, e o que o faz sentir bem, em lugar daquilo que outros pensam que deveria fazer ou ser", ressalta o especialista, que concorda com seus companheiros ao afirmar que o novo homem reconhece que "precisa da mulher".

O novo perfil do homem moderno não representa uma mudança drástica em relação ao metrossexual, pois ele também se preocupa com imagem pessoal e vai às compras, mas sem ar narcisista e egocêntrico.

"Na nossa perspectiva, estes homens são os mais atraentes, dinâmicos e encantadores de suas gerações", dizem os autores sobre os novos modelos famosos a serem seguidos, entre eles o ator Brad Pitt e o milionário Donald Trump.

Os autores afirmam que seu livro, onde abordam outros aspectos sobre o homem do século XXI e sobre como este se relaciona com sua companheira, filhos e amigos, não pretende ser um manual para que os anunciantes orientem melhor seus produtos.

Ao contrário, ressaltam que a obra é uma perspectiva ampla que ajudará a entender como este novo homem dos países mais desenvolvidos se diferencia de seus antecessores, assim como os desafios e tendências que enfrenta.

Talvez o novo estudo traga algumas dúvidas àqueles que nos últimos anos se esforçaram para adotar o estilo metrossexual, e destinaram parte de seus salários a cosméticos e tratamentos de beleza.

No entanto, como muitos homens resistiram à depilação, manicures e tratamentos de beleza, talvez substituir o estilo Beckham pelo de Clooney não seja tão difícil.

ÍNDICE DE ÚLTIMAS NOTÍCIAS   IMPRIMIR   ENVIE POR E-MAIL

Folha Online
Reforma visual da Folha facilita a leitura; conheça as mudanças
UOL Esporte
Após fiasco de público, CBF reduz preços de ingressos para partida
UOL Economia
Bovespa reduz ritmo de perdas
perto do fim dos negócios

UOL Tecnologia
Fãs do iPhone promovem encontro no Brasil; veja mais
UOL Notícias
Chuvas deixam quatro mortos e afetam mais de 4 mil no Paraná
UOL Vestibular
Cotista tem nota parecida com de não-cotista aponta Unifesp
UOL Televisão
Nova novela da Record terá máfia e Gabriel Braga Nunes como protagonista
UOL Música
Radiohead entra em estúdio para trabalhar em disco novo
UOL Diversão & Arte
Escritor indiano Aravind Adiga ganha o Booker Prize
UOL Cinema
Novo filme dos irmãos
Coen tem maior bilheteria nos EUA