UOL Últimas NotíciasUOL Últimas Notícias
UOL BUSCA


 

27/10/2005 - 09h58
"Poliamor" ganha cada vez mais visibilidade na sociedade

Por Alejandra Villasmil Nova York, 27 out (EFE).- Apesar de os relacionamentos entre três ou mais pessoas permanecerem às margens da sociedade, os que os praticam ficam cada vez mais visíveis ao compartilharem suas experiências em seminários, documentários e sites.

Um dos melhores exemplos é o grupo nova-iorquino Polyamorous NYC, composto por "poliamantes", pessoas que praticam o "poliamor", isto é, relações amorosas sérias, íntimas e de longo prazo entre mais de duas pessoas.

O "poliamor" não é igual a uma relação aberta, que permite o sexo casual fora do casamento, nem se trata de uma infidelidade, que implica traição.

Esse novo tipo de relação se baseia mais no amor do que no sexo.

Além disso, se estabelece com o conhecimento e o consentimento de todas as partes, sejam estas um casal com amantes, participantes de "ménage a trois" ou uma pessoa solteira que se relaciona com vários casais.

O "poliamor" tem como valores - ou ideais - a lealdade - mais que a fidelidade -, a confiança, a honestidade, a dignidade, o respeito, a comunicação, a negociação e o estabelecimento de uma relação não possessiva.

Essa forma de relação pode demonstrar incapacidade ou falta de vontade da pessoa de se unir a longo prazo com uma outra. Mas os "poliamantes" se defendem dizendo que são capazes de assumir "vários" compromissos, como faz um pai com seus filhos.

"É preciso muita estabilidade emocional", admite Nan Wise, uma psicoterapeuta que pratica o "poliamor".

Nan e John Wise, com quem é casada há 24 anos, mantêm uma relação amorosa com outro casal, Julio e Amy.

Como em muitas dessas relações, Nan tem com John uma "relação primária", e com Julio e Amy, uma "relação secundária", termos usados para atribuir níveis de importância aos que participam de um mesmo grupo de relacionamento.

As modalidades e escalas de valores em relações desse tipo podem ser complexas para os que não sabem como elas operam, mas o chamado "poliamor" está vindo à tona através de grupos de discussão, sites, eventos e documentários.

"Three of Hearts: A Postmodern Family" ("Três Corações: Uma Família Pós-moderna") é um documentário que acaba de estrear em Nova York e que expõe a relação "poliamorosa" entre Samantha Singh e o casal de homossexuais Sam Cagnina e Steven Margolin.

Qualquer um que queira saber mais sobre o "poliamor" também pode recorrer às reuniões mensais do grupo Polyamorous NYC ou participar do seu desfile anual, o Poly Pride Day, realizado no Central Park de Nova York.

A internet é outra rica fonte de informação.

Sites como o www.polyamory.com e o www.polyamory.org oferecem desde "métodos cuidadosamente demonstrados para que erros não sejam cometidos numa relação entre poliamantes" a canções, ensaios, artigos de opinião, filmes e literatura sobre o assunto.

A Polyamory Society, por sua vez, é uma organização sem fins lucrativos que "promove e apóia os interesses de indivíduos com relações ou famílias múltiplas".

"Achamos que o amor, não o sexo, é a chave do 'poliamor'. Com freqüência, é o aspecto do amor múltiplo, e não o do sexo múltiplo, o que é mais problemático para os que o praticam", diz Gaylen Moore, de Kent (Ohio), em carta aberta publicada no site do Polyamory Society.

Na Filadélfia, a organização Poly Living tem planejado para fevereiro de 2006 uma conferência na qual os "poliamantes" dos Estados Unidos estão convidados a compartilhar suas experiências. No encontro, serão abordados temas como "Criando Intimidade" e "Assuntos Legais para 'poliamantes'".

Segundo Barbara Foster, que estuda o "poliamor" e o pratica com seu marido há mais de 20 anos, esse é "um movimento social muito importante e que está na moda".

ÍNDICE DE ÚLTIMAS NOTÍCIAS   IMPRIMIR   ENVIE POR E-MAIL

Folha Online
Reforma visual da Folha facilita a leitura; conheça as mudanças
UOL Esporte
Após fiasco de público, CBF reduz preços de ingressos para partida
UOL Economia
Bovespa reduz ritmo de perdas
perto do fim dos negócios

UOL Tecnologia
Fãs do iPhone promovem encontro no Brasil; veja mais
UOL Notícias
Chuvas deixam quatro mortos e afetam mais de 4 mil no Paraná
UOL Vestibular
Cotista tem nota parecida com de não-cotista aponta Unifesp
UOL Televisão
Nova novela da Record terá máfia e Gabriel Braga Nunes como protagonista
UOL Música
Radiohead entra em estúdio para trabalhar em disco novo
UOL Diversão & Arte
Escritor indiano Aravind Adiga ganha o Booker Prize
UOL Cinema
Novo filme dos irmãos
Coen tem maior bilheteria nos EUA