UOL Últimas NotíciasUOL Últimas Notícias
UOL BUSCA


 

27/03/2006 - 21h02
Cronologia da crise, que culminou com renúncia de Palocci

Brasília, 27 mar (EFE).- O ministro da Fazenda, Antonio Palocci, renunciou hoje após uma série de denúncias feitas desde meados de 2005, quando estourou no país uma grave crise de corrupção que desde então coloca o Governo contra a parede.

Quem sucederá Palocci é Guido Mantega, até agora presidente do Banco Nacional de Desenvolvimento Econômico e Social (BNDES).

A seguir, a cronologia da crise: MAIO 2005: -dia 14: A revista Veja divulga um vídeo no qual Maurício Marinho, chefe de compra dos Correios, recebe R$ 3.000 de supostos empresários e diz que tem apoio do deputado Roberto Jefferson, presidente do Partido Trabalhista (PTB). Começa o escândalo.

- 17: O presidente Luiz Inácio Lula da Silva defende Jefferson.

"Eu lhe daria um cheque em branco", afirmou o governante.

- 25: O Congresso cria a primeira CPI para investigar as denúncias.

JUNHO 2005: - 6: Jefferson denuncia que o PT pagou a vários deputados durante dois anos para obter o apoio da bancada governista.

- 7: Lula substitui a diretoria dos Correios - 8: O tesoureiro do PT, Delúbio Soares, nega o pagamento do mensalão.

- 11: Jefferson diz que o dinheiro dos subornos era manuseado pelo publicitário Marcos Valério Fernandes.

- 14: Jefferson denuncia o ministro da Casa Civil, José Dirceu, como "chefe da máfia" e o aconselha a "sair rápido, para não transformar Lula em réu".

- 16: Dirceu renuncia.

- 28: Fernanda Karina Somaggio, ex-secretária do publicitário Marcos Valério, diz que seu chefe distribuía "malas de dinheiro" entre parlamentares.

- 29: O Congresso cria outra comissão para investigar denúncias contra Dirceu e vínculos do PT com o jogo ilegal.

JULHO 2005: - 1: Jefferson afirma que "todas" as campanhas eleitorais de 2002, incluindo a de Lula, foram financiadas com dinheiro não declarado às autoridades fiscais e eleitorais.

- 4: Sílvio Pereira renuncia à Secretaria-Geral do PT, acusado de receber um carro de luxo de presente de uma petrolífera.

- 5: Delúbio Soares renuncia à Tesouraria do PT.

- 6: Mudanças no gabinete de Lula. Saem três ministros do PT e entram três do Partido do Movimento Democrático Brasileiro (PMDB) - 6: Marcos Valério admite que negociou empréstimos para o PT e diz que o partido lhe deve US$ 2 milhões.

- 7: Surgem denúncias de que uma empresa do ministro de Comunicação, Luiz Gushiken, aumentou seu faturamento em 600% negociando com fundos de pensão estatais.

- 8: Um irmão de José Genoíno, presidente do PT, é detido em um aeroporto com US$ 85.000 em uma mala e outros US$ 100.000 escondidos na cueca.

- 9: Genoíno renuncia à Presidência do PT.

- 10: A revista Veja acusa Fábio Luiz Inácio Lula da Silva, filho do presidente do Brasil, de enriquecer à sombra do Governo.

- 13: Um empresário de jogos de azar confirma que dirigentes do PT ofereceram contratos com o Governo em troca do financiamento de campanhas.

- 30: Um funcionário do Partido Progressista confirma que distribuiu malas cheias de dinheiro que recebeu de Marcos Valério entre parlamentares.

AGOSTO 2005: - 2: Jefferson acusa Zé Dirceu de fazer contatos com a Portugal Telecom para financiar campanhas.

- 3: O presidente da Casa da Moeda, Manoel Severino dos Santos, renuncia após ser acusado de receber dinheiro de Marcos Valério.

- 8: Processados 19 deputados pelo caso do mensalão. Entre eles, Roberto Jefferson e Zé Dirceu.

- 11: O publicitário Duda Mendonça, responsável pela campanha de Lula, admite que o PT pagou seu trabalho por meio de Marcos Valério e que depositou parte do dinheiro em um banco das Bahamas.

- 12: O presidente do Partido Liberal, Valdemar Costa Neto, revela que sua legenda entrou na coalizão com o PT em troca de US$ 4 milhões.

- 18: Reaberta da investigação sobre a morte de Celso Daniel, dirigente do PT e prefeito do município de Santo André, assassinado em circunstâncias ligadas à corrupção no partido.

- 19: O advogado Rogério Buratti acusa o ministro da Fazenda, Antonio Palocci, de receber comissões quando era prefeito de Ribeirão Preto.

SETEMBRO 2005: - 1: Um irmão de Celso Daniel acusa o PT do assassinato e sugere que o chefe de gabinete de Lula, Gilberto Carvalho, sabia do assunto.

- 3: O presidente da Câmara dos Deputados, Severino Cavalcanti, é acusado de extorquir dono do restaurante que funciona no Congresso.

- 14: A Câmara dos Deputados cassa Roberto Jefferson.

- 21: Severino Cavalcanti renuncia à Presidência da Câmara e à sua cadeira de deputado.

OUTUBRO 2005: - 11: O PT elege sua nova diretoria.

- 22: Delúbio Soares é expulso do PT.

- 29: A revista Veja denuncia que o PT recebeu US$ 3 milhões de Cuba para a campanha eleitoral de Lula.

- 11: Rogério Buratti acusa Palocci de estar envolvido no caso do dinheiro cubano.

- 22: O advogado Paulo Okamoto, amigo de Lula, admite que pagou do seu bolso as dívidas que o presidente tinha com o PT.

- 30: A Câmara dos deputados aprova a cassação de Zé Dirceu.

DEZEMBRO 2005: - 29: Lula define os escândalos como uma "punhalada nas costas".

MARÇO 2006: - 2: A família de Celso Daniel deixa o país denunciando ameaças e volta a acusar o PT do assassinato do prefeito.

- 15: O presidente do Partido Progressista, Pedro Corrêa, perde sua cadeira de deputado devido à denúncias de subornos.

- 16: O caseiro de uma mansão de Brasília diz que viu Palocci em festas organizadas na casa por seus ex-colaboradores.

- 22: A oposição volta a pedir a renúncia de Palocci. Lula o confirma no cargo.

- 23: É comprovada a violação do sigilo bancário das contas do caseiro.

- 24: A situação de Palocci se complica, diante de suspeitas de que esteve envolvido na violação do sigilo bancário do caseiro.

- 27: Palocci renuncia ao Ministério da Fazenda.

ÍNDICE DE ÚLTIMAS NOTÍCIAS   IMPRIMIR   ENVIE POR E-MAIL

Folha Online
Reforma visual da Folha facilita a leitura; conheça as mudanças
UOL Esporte
Após fiasco de público, CBF reduz preços de ingressos para partida
UOL Economia
Bovespa reduz ritmo de perdas
perto do fim dos negócios

UOL Tecnologia
Fãs do iPhone promovem encontro no Brasil; veja mais
UOL Notícias
Chuvas deixam quatro mortos e afetam mais de 4 mil no Paraná
UOL Vestibular
Cotista tem nota parecida com de não-cotista aponta Unifesp
UOL Televisão
Nova novela da Record terá máfia e Gabriel Braga Nunes como protagonista
UOL Música
Radiohead entra em estúdio para trabalhar em disco novo
UOL Diversão & Arte
Escritor indiano Aravind Adiga ganha o Booker Prize
UOL Cinema
Novo filme dos irmãos
Coen tem maior bilheteria nos EUA