UOL Últimas NotíciasUOL Últimas Notícias
UOL BUSCA


 

07/11/2007 - 19h21
Estudante finlandês mata oito pessoas e suicida-se em massacre anunciado pela Web

Juanjo Galán
de Helsinqui

Um estudante de 18 anos é acusado de ter matado hoje oito pessoas em um colégio de Tuusula, no sul da Finlândia, no que parece ter sido um massacre previamente anunciado em um vídeo postado em um site da Internet, contra o que chama de "vergonhas da raça humana". Pekka-Eric Auvinen, acusado da agressão, morreu no hospital depois de ter atirado em sua própria cabeça, anunciaram os meios de comunicação finlandeses.

O vídeo, intitulado "Jokela High School Massacre - 11/7/2007" ("Massacre do Colégio Jokela"), mostra a fachada do edifício do colégio e em seguida duas fotografias de um jovem apontando uma pistola sobre fundo vermelho, aparentemente o mesmo que realizou o massacre hoje.

Almeida Rocha/Folha Imagem
Imagem de vídeo que teria antecipado o ataque em escola na Finlândia
MAIS IMAGENS DO DIA
O autor dos assassinatos entrou no colégio pouco antes de meio-dia (hora local) e começou a disparar contra uma turma da instituição de Tuusula, cerca de 50 quilômetros ao norte de Helsinque.

Uma das testemunhas, a mãe de uma estudante, disse que cruzou com o assassino no corredor do Colégio Jokela pouco após o começo do massacre.

"Aonde você vai?", perguntou o jovem com a pistola nas mãos. A mulher respondeu, tremendo, que tinha uma reunião com a professora de sua filha.

"Não há mais reunião", retrucou o jovem antes de dar meia volta e se afastar pelo corredor, segundo relatou a assustada mãe, que aproveitou para fugir correndo.

Quando os policiais chegaram ao colégio, o assassino atirou contra eles uma vez, sem ferir ninguém, e pouco depois tentou o suicídio.

"A situação era caótica. Os estudantes tentavam escapar pelas janelas e fugiam correndo do edifício", disse um porta-voz policial.

Embora não haja confirmação policial, parece que o autor dos assassinatos é um jovem que ontem postou um vídeo de um minuto e 17 segundos de duração com o nome de usuário "Sturmgeist89" ("espírito da tempestade", em alemão), e se apresenta como um finlandês de 18 anos cujo nome verdadeiro é Pekka-Eric Auvinen.

Na ficha do autor, o jovem se define como um "existencialista cínico, um humanista anti-humano, um darwinista social anti-social, um idealista realista e um ateu endeusado".

"Já tive o bastante. Não quero fazer parte desta m... de sociedade", afirmou em sua página, que já foi suspensa.

"Estou preparado para lutar e morrer pela minha causa. Eu, como um seletor natural, eliminarei todos aqueles que considerar deficientes, vergonhas da raça humana e fracassos da seleção natural", acrescentou.

O jovem tinha uma conta anterior com o apelido de "Natural Selector89" ("Seletor natural" e seu ano de nascimento), mas o portal a suspendeu devido ao seu conteúdo.

No entanto, conseguiu abrir uma nova conta com o apelido "Sturmgeist89" e postou vários outros vídeos, entre eles aquele no qual anunciava o massacre em seu colégio na véspera de realizá-lo.

Entre estes vídeos, figurava um intitulado "Just testing my gun" ("Apenas testando minha pistola"), no qual um jovem dispara a curta distância várias vezes sobre uma maçã em uma floresta coberta de neve.

Em um terceiro vídeo, de título "Me & Catherine" ("Eu e Catherine"), "Sturmgeist89" mostra uma pistola, um carregador e várias balas, e depois é possível ver um jovem empunhando a arma com uma camiseta onde se lê: "a humanidade é supervalorizada".

"Podem perguntar por que fiz isto, e é isso o que procuro. Bom, a maioria de vocês é arrogante e tem a mente fechada demais para entender...", declarou.

Os cerca de 300 alunos do ensino fundamental e 160 de ensino médio do colégio foram evacuados em ônibus até uma igreja próxima, onde receberam os primeiros socorros e foram atendidos por psicólogos.

Vários estudantes sofreram ferimentos leves ao pularem do segundo andar do edifício ou ao se cortarem com os vidros das janelas.

Por enquanto, a única vítima que tem os dados conhecidos é a diretora da instituição, enquanto os trabalhos de identificação dos sete estudantes assassinados continuam.

A polícia local também investiga as circunstâncias que levaram o jovem estudante a cometer um massacre que comoveu a sociedade finlandesa.



Folha Online
Reforma visual da Folha facilita a leitura; conheça as mudanças
UOL Esporte
Após fiasco de público, CBF reduz preços de ingressos para partida
UOL Economia
Bovespa reduz ritmo de perdas
perto do fim dos negócios

UOL Tecnologia
Fãs do iPhone promovem encontro no Brasil; veja mais
UOL Notícias
Chuvas deixam quatro mortos e afetam mais de 4 mil no Paraná
UOL Vestibular
Cotista tem nota parecida com de não-cotista aponta Unifesp
UOL Televisão
Nova novela da Record terá máfia e Gabriel Braga Nunes como protagonista
UOL Música
Radiohead entra em estúdio para trabalhar em disco novo
UOL Diversão & Arte
Escritor indiano Aravind Adiga ganha o Booker Prize
UOL Cinema
Novo filme dos irmãos
Coen tem maior bilheteria nos EUA