! Tribunal impõe advogado a Karadzic e adia julgamento até março - 05/11/2009 - EFE
UOL Notícias Notícias
 

05/11/2009 - 13h48

Tribunal impõe advogado a Karadzic e adia julgamento até março

[selo]
Haia, 5 nov (EFE).- O Tribunal Penal Internacional para a Antiga Iugoslávia (TPII) impôs hoje um advogado ao ex-líder servo-bósnio Radovan Karadzic e adiou o julgamento dele até 1º de março, para que o novo responsável pela defesa prepare o caso.

A decisão indica que não se pode esperar de "nenhum advogado, nem mesmo o mais experiente e eficiente", que possa ajudar o acusado sem tempo de preparação "suficiente".

O julgamento de Karadzic começou em 26 de outubro, mas o acusado não compareceu, argumentando que não teve tempo suficiente para preparar sua defesa.

Antes de adotar essa atitude, o TPII rejeitou duas moções de Karadzic, nas quais pedia mais dez meses para estudar todos os materiais da acusação e, assim, poder se apresentar na audiência assumindo sua própria defesa.

Os juízes do TPII advertiram a Karadzic, desde o primeiro dia do julgamento, que, se persistisse na ausência, seria designado um advogado para ele.

Na terça-feira passada, aconteceu uma audiência na qual os juízes ouviram as preferências da promotoria e de Karadzic sobre como seguir com o julgamento.

Enquanto os promotores se mostraram partidários quanto à designação de um advogado, Karadzic continuou reivindicando mais tempo para se preparar.

O ex-presidente da República servo-bósnia é acusado de crimes de guerra e lesa-humanidade supostamente ocorridos durante a Guerra da Bósnia (1992-1995).

As acusações de genocídio contra ele se referem ao massacre de quase 8 mil muçulmanos homens na cidade bósnia de Srebrenica e à morte de cerca de 12 mil civis durante o cerco a Sarajevo.

Siga UOL Notícias

Tempo

No Brasil
No exterior

Trânsito

Cotações

  • Dólar comercial

    11h00

    -0,15
    3,261
    Outras moedas
  • Bovespa

    11h00

    0,91
    63.235,30
    Outras bolsas
  • Hospedagem: UOL Host