EleiçõesEleições
BUSCA

GO/Goiânia - 2º turno
PMDB desafia PT no 2º turno

Da Redação

Em terceiro lugar em todas as pesquisas de opinião e desacreditado pelo desempenho na prefeitura, o atual prefeito de Goiânia, Pedro Wilson (PT), chegou ao segundo turno com 23,03%, passando o deputado federal Sandes Júnior (PP), que terminou em terceiro com 18,73%.

Saiba resultados de pesquisas eleitorais na cidade.

Em busca da reeleição, Wilson disputará com o ex-prefeito e ex-governador de Goiás Iris Rezende (PMDB). Alguns institutos de pesquisa chegaram a apontar a vitória de Iris Rezende já no primeiro turno. Mas o peemedebista obteve 47,47% dos votos válidos, pouco menos que a metade exigida para evitar o segundo turno.

Leia abaixo os perfis dos dois candidatos:



Iris Rezende (PMDB)
Vice:
Valdivino José de Oliveira (PMDB)
Coligação:
Goiânia: Ação e Participação (PMDB, PSC e Prona)
Gasto máximo previsto:
R$ 2,5 milhões
Site oficial:
www.iris15.can.br

Iris Rezende Machado, 70, nasceu em Cristianópolis (GO). Já foi vereador, prefeito, deputado, governador, senador e ministro.

Vereador em 1958, deputado estadual em 1962, prefeito de Goiânia em 1965, Rezende teve o mandato cassado pelo regime militar em 1969.

Governou Goiás pela primeira vez de 1983 a 1986. Depois, foi ministro da Agricultura do Governo José Sarney (15 de fevereiro de 1986 a 14 de março de 1990).

Governou o Estado pela segunda vez de 1991 a abril de 1994. Voltou a ser ministro na primeira gestão de Fernando Henrique Cardoso, quando comandou a pasta da Justiça (22 de maio de 1997 a 6 de abril de 1998).

Em 1998, candidatou-se a governador goiano, quando foi derrotado por Marconi Perillo.

Em 2002, concorreu a senador, sendo derrotado por Demostenes Torres (PFL) e Lúcia Vânia (PSDB).

VOTAÇÃO NO 1º TURNO
299.272 dos votos / 47,47%
Pedro Wilson (PT)
Vice:
Misael Pereira de Oliveira (PTB)
Coligação:
Trabalho e Confiança (PT, PTB, PCB, PMN, PC do B do PT do B)
Gasto máximo previsto:
R$ 5 milhões
Site oficial:
www.pedrowilson13.can.br

Pedro Wilson Guimarães, 62, nasceu na cidade de Marzagão (GO). Começou na política pelo movimento estudantil. Na vida acadêmica, foi um dos fundadores da Sociedade Goiana de Sociologia (1968) e, em 1969, iniciou suas atividades na Universidade Católica de Goiás (UCG) como professor.

Em 1985 foi eleito reitor da UCG e exerceu a atividade até 1988. Também foi presidente do Comitê Goiano pela Anistia (1979 a 1980).

É fundador e dirigente da Abong (Associação Brasileira de Organizações Não-Governamentais).

Wilson é um dos fundadores do PT em Goiânia e em Goiás: foi presidente dos diretórios municipal e estadual. Em 1992 foi eleito vereador em Goiânia. Em 1994 foi eleito deputado federal, reeleito em 1998.

Foi eleito prefeito de Goiânia em 2000 no primeiro turno, com 55,77% dos votos válidos.
VOTAÇÃO NO 1º TURNO
145.239 dos votos / 23,04%