UOL Últimas NotíciasUOL Últimas Notícias
UOL BUSCA

SP/Osasco - Eleito
Petista é eleito no 2º turno
Prefeito: Emidio de Souza (PT)
Vice: Faisal Cury (PTB)
Coligação: Frente Osasco Nossa Vida (PT, PTB, PTN, PCB, PL, PPS e PC do B)
Gasto máximo previsto: R$ 4 milhões
Votos: 179.206 (1º turno) e 201.060 (2º turno)
Site oficial: não tem
O candidato Emidio de Souza (PT) foi eleito neste domingo (31) prefeito de Osasco. Ele venceu o segundo turno com 52,54% dos votos válidos, ficando à frente de Celso Giglio (PSDB), que recebeu 47,46% (veja resultado da apuração dos votos).

Emídio venceu os dois turnos em Osasco, mas seu caminho não foi tranqüilo. O petista chegou a ter sua candidatura cassada às vésperas do primeiro turno, decisão que foi revogada pelo TSE (Tribunal Superior Eleitoral).

Além disso, o petista impediu a conquista do terceiro mandato de Giglio, um dos prefeitos tucanos mais próximos do governador Geraldo Alckmin.

Emidio Pereira de Souza, 45, nasceu em Inúbia Paulista, no interior de São Paulo, em 22 de maio de 1959.

É advogado e um dos fundadores do PT. Iniciou sua militância política em movimentos da juventude católica. Já foi metalúrgico e através dessa profissão se envolveu no sindicalismo.

Sua carreira na política formal começou com a eleição para a Câmara Municipal de Osasco em 1988, onde cumpriu três mandatos consecutivos de vereador, até 2000.

Em 2000, tentou chegar à Prefeitura, mas foi derrotado no primeiro turno pelo seu atual adversário e prefeito de Osasco, Celso Giglio.

Em 2002, foi eleito deputado estadual.