UOL Últimas NotíciasUOL Últimas Notícias
UOL BUSCA


 Esporte

29/12/2005 - 14h13
Ronaldinho Gaúcho e Tévez são os reis do futebol, segundo "El País"

MONTEVIDÉU, 29 dez (AFP) - O brasileiro Ronaldinho Gaúcho foi coroado pela segunda vez o melhor futebol da Europa em 2005 e o argentino Carlos Tévez sagrou-se, pelo terceiro ano consecutivo, como o melhor jogador das Américas, segundo os resultados da tradicional pesquisa feita pelo jornal uruguaio "El País".

Na Europa, Ronaldinho, do Barcelona, sagrou-se melhor jogador pelo segundo ano consecutivo, com 59 votos, seguido pelos ingleses Frank Lampard (33) e John Terry (24). Em quarto lugar, aparece o goleiro tcheco Petr Cech (18). Esses três atletas defendem o Chelsea, na Inglaterra.

Em seguida, foram classificados o inglês Steven Gerrard e o francês Thierry Henry (ambos 17), o ucraniano Andrei Shevchenko (15), o italiano Alessandro Nesta, o camaronês Samuel Eto'o, o italiano Paolo Maldini e o brasileiro Cafu.

Nas Américas, Tévez, artilheiro do Corinthians, recebeu 77 votos, e em segundo lugar ficou o uruguaio Diego Lugano, zagueiro do São Paulo, com 54 votos. Na terceira posição aparece o lateral direito do São Paulo, Cicinho (37 votos), transferido para o Real Madrid, seguido do goleiro da equipe paulista Rogério Ceni (31), o argentino Rodrigo Palacio (26), do Boca Juniors, o brasileiro Gustavo Nery, do Corinthians, e o argentino Fernando Gago (ambos com 25).

A lista dos melhores jogadores continua com o zagueiro paraguaio do Palmeiras, Carlos Gamarra (22), o volante argentino do Corinthians, Javier Mascherano, seu compatriota Daniel Bilos, do Boca (21), e os também argentinos Sergio Agüero, do Independiente, e Sergio Abbondanzieri (19), goleiro boquense.

Entre os melhores jogadores das Américas, apenas Tévez e Lugano são reincidentes, já que o atacante argentino foi eleito melhor jogador pela terceira vez consecutiva, e o zagueiro uruguaio aparece na lista pela segunda vez, após o nono lugar em 2004.

A presença de Agüero entre os melhores do continente é notável, uma vez que o atacante do Independiente tem apenas 17 anos.

Em relação aos técnicos, o uruguaio Aníbal Ruiz, que comanda a seleção do Paraguai, foi eleito o melhor das Américas, enquanto o português José Mourinho recebeu o título da Europa, segundo o resultado da pesquisa. Em uma vitória apertada, Ruiz recebeu 32 votos, superando por apenas três os brasileiros Paulo Autuori e Carlos Alberto Parreira, ambos com 29.

Em quarto lugar ficou o colombiano Luis Fernando Suárez (26), que dirige a seleção do Equador, a qual conseguiu se classificar para a Copa do Mundo da Alemanha, em 2006. O uruguaio Jorge Fossati, que comandou a seleção celeste nas eliminatórias, ficou em quinto lugar, com 14 votos, superando os argentinos Américo Gallego, Alfio Basile, José Pekerman (os três com 12), Ricardo Lavolpe (10) e Miguel Russo (8).

Mourinho, técnico do Chelsea, recebeu 48 votos, seguido do espanhol Rafael Benítez e do italiano Fabio Capello (ambos com 32). Em seguida, aparecem o holandês Frank Rijkaard, o francês Gerard Houllier, o chileno Mauricio Pellegrini, o italiano Marcello Lippi, o suíço Jakob Kuhn, e os holandeses Gus Hiddink e Marco Van Basten.

ÍNDICE DE ÚLTIMAS NOTÍCIAS  IMPRIMIR  ENVIE POR E-MAIL

UOL Esporte
Após fiasco de público, CBF reduz preços de ingressos para partida
Pelé Net
Sereias Ketlen e Thaís 'desbancam' Neymar e Ganso
Folha Online Esporte
Palmeiras se despede do Parque Antarctica com vitória