UOL Notícias Internacional
 

27/06/2008 - 18h56

Democratas fazem "teatrinho" para levar Obama à Casa Branca, diz Dávila

da Redação
Barack Obama e Hillary Clinton juntos. A primeira aparição do senador, virtual candidato à Casa Branca pelo Partido Democrata, ao lado de sua ex-rival está dando o que falar.



Segundo Sérgio Dávila, colunista do UOL e correspondente da Folha de S.Paulo nos EUA, os dois políticos democratas "fizeram o teatrinho que eles têm de fazer para que Obama chegue à Casa Branca".

"É um toma-lá-dá-cá. A Hillary precisa pagar US$ 22 milhões de dívida de campanha e precisa continuar relevante no processo político. Pra isso ela precisa do Obama. Já ele tem a oferecer a capacidade de pagar essa dívida de campanha, mas, ao mesmo tempo, precisa dos milhões de eleitores que votaram na Hillary", afirmou.

O momento de união dos dois candidatos aconteceu na cidade de Unity (que quer dizer unidade, em inglês), cidadezinha de New Hampshire. "Nessa cidade, cada um dos candidatos obteve exatamente 107 votos", disse. O objetivo era ter bastante simbolismo no encontro.

Siga UOL Notícias

Tempo

No Brasil
No exterior

Trânsito

Cotações

  • Dólar comercial

    16h59

    -1,33
    4,076
    Outras moedas
  • Bovespa

    17h21

    1,28
    107.381,11
    Outras bolsas
  • Hospedagem: UOL Host