UOL Notícias Internacional
 

30/09/2009 - 03h23

Tsunamis deixam pelo menos cem mortos em ilhas do Pacífico Sul

Do UOL Notícias
Em São Paulo*
Atualizada às 23h28

Uma série de tsunamis provocados por um tremor matou pelo menos cem pessoas em várias ilhas do Pacífico Sul. As ondas gigantes deixaram ao menos 90 mortos nos arquipélago de Samoa e Samoa Americana, e dez em Tonga. Os tsunamis se formaram após um terremoto de 8 graus de magnitude. O epicentro do tremor foi identificado a cerca 190 quilômetros da costa do arquipélago.

O subdiretor do Centro de Gestão de Desastres do Estado de Samoa, Ausegalia Mulipola, disse ao canal australiano "ABC" que os serviços de resgate começaram a buscar corpos e sobreviventes, embora a tarefa seja difícil, uma vez que grande parte do sistema de telecomunicações está danificado.

Veja onde fica o arquipélago:



Nesta quarta-feira, autoridades do arquipélago de Samoa lançaram um novo alerta de tsunami. "As sirenes tinham parado de tocar após policiais alertarem para nos movermos em direção ao curso superior e longe do mar, quando houve um novo alerta de tsunami, disse à France Presse Cherelle Jackson, morador da capital. "Começou tudo de novo", completou.

Segundo o representante de Samoa no Congresso dos Estados Unidos, Eni Faleomavaega, milhares ficaram desabrigadas. "Foi um terremoto, que provocou uma onda de 4,5 metros de altura. Algumas áreas estão pouco acima do nível do mar, então é possível imaginar a destruição", disse o representante em entrevista à agência de notícias AFP.

De acordo com Lemau Fiu, médico do principal hospital de Ápia, a capital de Samoa, o número de mortos deve crescer assim como o de feridos vindos das regiões costeiras.

O Instituto Geológico dos EUA cancelou um alerta de tsunami para o Pacífico, lançado após o terremoto e dirigido, em particular, a Nova Zelândia, ilhas Fiji, Polinésia Francesa e Tonga.

"Baseados em todos os dados disponíveis, o terremoto pode ter gerado um tsunami que poderia ser destrutivo nas áreas litorâneas, mesmo afastadas do epicentro. Foi aberta uma investigação para determinar se existe uma ameaça de tsunami contra o Havaí", afirmou o Centro de Alerta de Tsunami para o Pacífico.
  • Fili Sagapoluteleü/AP

    Avenida na cidade de Fagatogo, na Samoa Americana, fica completamente alagada após tsunami


O tremor, cujo centro foi localizado a cerca de 50 quilômetros de profundidade - distância relativamente baixa -, ocorreu às 14h48 de Brasília.

O epicentro ficou 180 quilômetros ao noroeste de Hihifo, em Tonga, e 200 quilômetros ao sul-sudoeste de Ápia, em Samoa. Os terremotos pouco profundos tendem a causar mais danos que outros com epicentro a muitos quilômetros sob a terra.

Tsunamis e terremoto matam pelo menos cem pessoas no Pacífico Sul



As ilhas Samoa incluem duas entidades separadas. A Samoa Americana possui 65 mil habitantes. Pertence aos Estados Unidos desde 1900 e chegou a ser utilizada como campo de treinamento dos fuzileiros navais americanos durante a Segunda Guerra Mundial. Apesar de ter representantes no Congresso americano, os cidadãos da ilha não podem votar para presidente e vice dos EUA.

Já o Estado Independente de Samoa foi um protetorado da Alemanha de 1900 até a Primeira Guerra Mundial. Administrado pela Nova Zelândia até 1962, quando conquistou a independência e elegeu um parlamento democrático. Tem uma população estimada em 179 mil pessoas.

Obama envia ajuda à Samoa Americana
O presidente dos Estados Unidos, Barack Obama, determinou, na terça-feira (29), a liberação imediata de recursos federais para socorrer a Samoa Americana. "O presidente declara nesta noite que ocorre um grande desastre no território da Samoa Americana e ordenou ajuda federal para apoiar os esforços locais e territoriais de ajuda na zona afetada por um terremoto, um maremoto e inundações", afirma um comunicado da Casa Branca.

A Agência Americana de Gestão de Crises (Fema) informou na terça-feira ter enviado duas equipes ao território americano no arquipélago. "Trabalhando em colaboração com a Guarda Costeira americana, a Fema enviou uma equipe de assistência e outra de planejamento e resposta à Samoa Americana para dar apoio e assessoramento", revelou o diretor do órgão federal, Craig Fugate.

Entenda o tsunami

Artigo explica as causas e os impactos de um tsunami, além de mostrar os esforços dos cientistas para monitorar e prever este fenômeno que, em 2004, matou mais de 200 mil pessoas


Vilarejo desaparece
Na Samoa Americana, o neo-zelandês Graeme Ansell disse a uma rádio local que o vilarejo de Sau Sau Beach Fale tinha sido coberto pelas águas. "Foi muito rápido", disse. "Não sobrou nenhuma construção. Nós todos subimos as colinas e um dos nossos quebrou uma perna. Teremos muita gente em dificuldade por aqui."

A capital da Samoa Americana, Pago Pago, também sofreu com as águas, embora com prejuízo aparentemente menor, logo após o terremoto, deixando alguns carros e destroços presos na lama. Houve falta de energia elétrica e as linhas de telefone estavam congestionadas.

O governo da Nova Zelândia divulgou comunicado para alertar que "existe uma ameaça de um tsunami poderoso impactar a costa". Não havia informações imediatas sobre danos depois de as primeiras ondas após o terremoto atingirem a orla. A Defesa Civil neozelandesa recomendou distância das praias.

Terremoto atinge Indonésia
Um forte tremor no mar atingiu a região oeste da Indonésia nesta quarta-feira (30). Um alerta de tsunami chegou a ser emitido pelo Centro de Alerta de Tsunamis do Pacífico, mas foi cancelado. O terremoto de 7,6 graus na escala Richter atingiu a ilha de Sumatra, na Indonésia.

Ao menos 200 pessoas morreram, afirmam autoridades locais.

* Com informações das agências de notícias e da BBC

Siga UOL Notícias

Tempo

No Brasil
No exterior

Trânsito

Cotações

  • Dólar comercial

    16h59

    -1,03
    3,146
    Outras moedas
  • Bovespa

    17h20

    1,09
    68.714,66
    Outras bolsas
  • Hospedagem: UOL Host