UOL Notícias Notícias
 

26/10/2009 - 10h21

Novo Governo Constitucional português toma posse

Lisboa, 26 out (Lusa) - O 18º Governo Constitucional português toma posse nesta segunda-feira no Palácio da Ajuda, em Lisboa, numa cerimônia que contará com os discursos do presidente da República e do primeiro-ministro.

A tomada de posse de José Sócrates como primeiro-ministro e dos 16 novos ministros acontece na Sala dos Embaixadores do Palácio da Ajuda e começará com a leitura do auto de posse do chefe do Governo.

Sócrates prestará depois juramento e assinará o auto de posse.

Depois da tomada de posse dos ministros e do secretário de Estado da Presidência do Conselho de Ministros, o presidente Aníbal Cavaco Silva fará uma intervenção.

Após o discurso de Cavaco Silva, será a vez de José Sócrates fazer uma intervenção.

No final da cerimônia de tomada de posse, irão seguir-se os tradicionais cumprimentos, primeiro do residente da República, acompanhado pelo primeiro-ministro, a todos os membros do Governo.

Em seguida o líder português irá cumprimentar as altas entidades do Estado presentes e, por último, os membros do governo que termina.

O novo Governo de José Sócrates, anunciado na quinta-feira, tem cinco mulheres em 16 ministros e apresenta no seu conjunto oito novos ministros.

Num total de 16 ministros, são novos Alberto Martins (Justiça), António Serrano (Agricultura, Desenvolvimento Rural e Pescas), António Mendonça (Obras Públicas, Transportes e Comunicações), Dulce Pássaro (Ambiente e Ordenamento do Território), Helena André (Trabalho e Solidariedade Social), Isabel Alçada (Educação), Gabriela Canavilhas (Cultura) e Jorge Lacão (Assuntos Parlamentares).

Transitam do 17º para o 18º Governo Constitucional, mantendo as mesmas pastas, seis ministros: Luís Amado (Estado e Negócios Estrangeiros), Teixeira dos Santos (Estado e Finanças), Pedro Silva Pereira (Presidência), Rui Pereira (Administração Interna), Ana Jorge (Saúde), Mariano Gago (Ciência, Tecnologia e Ensino Superior).

Embora mudando de ministério, continuam também no Governo Augusto Santos Silva (transita dos Assuntos Parlamentares para a Defesa Nacional), Vieira da Silva (muda do Trabalho e da Solidariedade Social para a Economia, Inovação e Desenvolvimento).

João Tiago Silveira, que foi secretário de Estado da Justiça, assume agora as funções de secretário de Estado da Presidência do Conselho de Ministros.

Siga UOL Notícias

Tempo

No Brasil
No exterior

Trânsito

Cotações

  • Dólar comercial

    16h59

    0,05
    3,921
    Outras moedas
  • Bovespa

    18h20

    0,59
    86.419,57
    Outras bolsas
  • Hospedagem: UOL Host