UOL Notícias Cotidiano
 

10/06/2009 - 11h11

Tempo na área de buscas do Airbus deve piorar, mas não atrapalha operações, diz Aeronáutica

Carlos Madeiro*
Especial para o UOL Notícias
Em Recife
Atualizado às 11h52

As condições de meteorologia e visibilidade nas áreas de buscas do acidente com o Airbus A330 da Air France devem piorar nesta quarta-feira (10), mas neste momento as operações da Marinha e da Aeronáutica não são prejudicadas. As informações são do brigadeiro Ramon Cardoso, da Força Aérea Brasileira.

Não foram encontrados mais corpos de vítimas do voo AF 447 nesta manhã. Os 16 corpos que chegaram a Fernando de Noronha (PE) na terça-feira (9) já passaram pela perícia preliminar e chegarão ao Recife por volta das 15h, segundo previsão das Forças Armadas. O transporte até a capital pernambucana será feito por um avião Hércules C-130. Já os 25 corpos a bordo da fragata Bosísio devem chegar à base de operações na ilha amanhã (11).

Nesta quarta-feira (10), as buscas se concentram na área jurisdicional de Dacar, no Senegal. Segundo a Aeronáutica, as correntes marítimas conduziram corpos e destroços em sentido norte, onde passam a se concentrar as buscas a partir de hoje.

A Polícia Federal e a Secretaria de Defesa Social de Pernambuco informaram que a equipe de perícia no arquipélago realizou a inspeção visual, coleta de DNA, coleta de impressões digitais e catalogação dos primeiros 16 corpos recolhidos. Também foram catalogados vestimentas e objetos resgatados junto aos corpos, que estão sendo conservados em câmaras frigoríficas a 8°C negativos.

Estão em Fernando de Noronha três peritos federais, um papiloscopista federal, um médico-legista de Pernambuco e um auxiliar de necropsia. No IML (Instituto Médico Legal) de Recife serão feitos os exames médicos legais. Os exames de DNA serão feitos no laboratório da PF em Brasília, caso haja necessidade.
  • FAB/Divulgação

    Imagem de satélite mostra condições do tempo na área de buscas nesta quarta-feira (10)



Após o resgate dos corpos a 50 km de Fernando de Noronha, a fragata Constituição está navegando de volta às áreas de buscas, para reforçar as operações. "Porém, não há previsão para chegada dela", afirmou o capitão-de-fragata Giucemar Tabosa, lembrando que a velocidade média da embarcação é de 40 km/h.

Navios da França
Cinco embarcações francesas chegam a partir de hoje às áreas onde estão sendo realizadas as buscas, a cerca de 1.350 km de Recife, para colaborar com as investigações. Segundo um porta-voz do Estado-maior do Exército francês, o submarino nuclear Émeraude já chegou ao local e irá ajudar nas buscas à caixa preta do Airbus.

Segundo a Marinha, as embarcações francesas pediram autorização para ingressar em águas brasileiras e têm como missão principal a busca por destroços. "Elas vão trabalhar de forma independente da Marinha brasileira. Vão apenas participar de um planejamento de localização, exceto o submarino, que fica no fundo do mar", explicou Giucemar Tabosa, da Marinha.

Tabosa disse ontem (9) que o navio francês Mistral era esperado hoje com um helicóptero a bordo. "Um navio-pesquisa e dois rebocadores de alto mar devem chegar na sexta-feira", informou Tabosa.

Região de sombra
Uma reportagem do jornal espanhol "El País" publicada nesta quarta-feira explicou que os aviões que fazem rotas da América do Sul para a Europa passam até três horas em uma espécie de "região de sombra" dos radares sobre o oceano Atlântico. O trecho sem cobertura dos radares de controladores aéreos se localiza entre Fernando de Noronha (PE) e a ilha do Sal, em Cabo Verde, justamente onde aconteceu a tragédia com a aeronave da Air France.

No entanto, diz a reportagem, muitos especialistas opinam que a área de sombra não representa um grande problema porque as comunicações por rádio entre pilotos e controladores são contínuas.

GRÁFICO DA AERONÁUTICA MOSTRA DISTÂNCIAS NO TRANSPORTE DOS CORPOS

  • FAB/Divulgação


*Com reportagem do UOL Notícias, em São Paulo

Siga UOL Notícias

Tempo

No Brasil
No exterior

Trânsito

Cotações

  • Dólar comercial

    16h59

    -0,54
    3,265
    Outras moedas
  • Bovespa

    17h20

    1,36
    64.085,41
    Outras bolsas
  • Hospedagem: UOL Host