UOL Notícias Cotidiano
 

11/06/2009 - 09h23

Perícia dos corpos do voo AF 447 no Recife só deve começar à tarde

Carlos Madeiro*
Especial para o UOL Notícias
No Recife
Os primeiros 16 corpos das vítimas do acidente com o Airbus A-330 da Air France resgatados no mar chegaram ao IML (Instituto de Medicina Legal) do Recife à 00h38 desta quinta-feira (11). Após uma operação delicada que durou pouco mais de duas horas, os corpos foram levados em três viaturas da Base Aérea do Recife para o IML da cidade.

O traslado dos corpos entre Fernando de Noronha e a capital pernambucana foi feito por avião Hércules C-130, que saiu do arquipélago às 21h10 e pousou no Recife às 22h20. A previsão inicial de chegada à Base Aérea era às 15h, mas a demora dos peritos e o mau tempo atrasaram a operação em mais de sete horas.

Além dos corpos, também já estão no IML alguns objetos pessoais recolhidos no mar de propriedade dos passageiros. Cerca de 60 policiais e funcionários do instituto participaram da operação de traslados da Base Aérea do Recife até o IML - trecho que tem aproximadamente 15 km.

Segundo a SDS-PE (Secretaria de Defesa Social de Pernambuco), a previsão de início das necropsias é para o meio-dia. Esse é o tempo calculado para o descongelamento dos corpos. Não há estimativa de quanto tempo irá durar a perícia, diz a SDS-PE.

No total, 39 profissionais de quatro Estados participam da operação, sendo 20 deles de Pernambuco. Além deles, sete técnicos franceses (entre eles um médico legista) -especialistas em identificação de vítimas de catástrofes- chegaram ao Recife na terça-feira.

Segundo a assessoria de imprensa da SDS-PE, uma entrevista coletiva será marcada assim que os peritos repassarem informações sobre os corpos.

"Todo corpo técnico envolvido no trabalho de identificação das vítimas garante aos familiares que será prestada total celeridade ao trabalho pericial", diz nota divulgada ontem pela SDS-PE.

Segundo funcionários do IML, as 13 mesas de necropsia e as 36 gavetas frigoríficas foram lavadas na segunda-feira (8). Já as paredes da sala de necropsia foram pintadas para receber os corpos do Airbus.

IML
Para reservar toda a estrutura do IML exclusivamente para os corpos do Airbus, um contêiner foi alugado do Porto de Recife e abriga desde ontem os serviços de atendimento para liberação de documentos como o atestado de óbito, de atendimento ao público em geral e o trabalho burocrático.

Além disso, os exames de corpo de delito, dos custodiados e sexológicos foram transferidos provisoriamente para a Vila da PM, num bairro vizinho, no período de 7h às 21h. Fora desse horário, os casos serão atendidos na sede do IML, segundo nota divulgada ontem pela SDS-PE.

Mais corpos
Hoje pela manhã, 12 dos 25 corpos de vítimas do voo 447 chegaram a Fernando de Noronha. Agora, eles passarão pelo processo de pré-identificação na estrutura montada no hangar do Destacamento Militar. Depois, serão enviados também ao Instituto Médico Legal de Recife.

Os corpos foram recolhidos da fragata Bosísio, que está a 40 km do arquipélago, pelo helicóptero Super Puma. O aparelho decolou perto das 6h00 da manhã e voltou pouco depois das 7h30. O bom tempo permitiu a execução do traslado dentro do horário previsto. Para esta manhã, está programada uma segunda viagem para a remoção dos outros 13 corpos.

*Com informações da Agência Estado

Siga UOL Notícias

Tempo

No Brasil
No exterior

Trânsito

Cotações

  • Dólar comercial

    14h39

    0,78
    3,282
    Outras moedas
  • Bovespa

    14h41

    -1,75
    61.541,35
    Outras bolsas
  • Hospedagem: UOL Host