UOL Notícias Cotidiano
 

21/07/2009 - 18h39

Parentes de vítimas do voo AF 447 de vários países decidem trabalhar em conjunto

Da Agência Brasil
Parentes brasileiros, franceses, espanhóis e alemães das vítimas do voo Air France 447 decidiram trabalhar juntos para receber informações sobre as investigações do acidente e entrar com ações na Justiça. A informação foi divulgada na tarde de hoje (21) pela Associação dos Familiares das Vítimas do Voo AF 447.

De acordo com o presidente da associação, Nelson Faria Marinho, pelo menos quatro famílias de vítimas alemãs e francesas também decidiram aderir à associação.

A associação informou ainda que, nos próximos dias, fará um pedido para que o governo brasileiro designe um interlocutor para auxiliar e prestar informações às famílias, seguindo o exemplo do governo da França.

As famílias brasileiras querem também que as autoridades responsáveis pelas investigações promovam reuniões no Brasil com os parentes das vítimas para esclarecimentos a respeito das investigações sobre o acidente.

O voo AF 447 caiu no oceano Atlântico na noite do dia 31 de maio, com 228 pessoas a bordo, quando voava do Rio de Janeiro para Paris, na França. Cinquenta corpos foram resgatados. Nenhum sobrevivente foi encontrado.

Siga UOL Notícias

Tempo

No Brasil
No exterior

Trânsito

Cotações

  • Dólar comercial

    16h58

    -0,53
    3,128
    Outras moedas
  • Bovespa

    17h20

    -0,28
    75.389,75
    Outras bolsas
  • Hospedagem: UOL Host