UOL NewsUOL News
UOL BUSCA
FALE COM UOL NEWS
 

17/05/2007 - 10h00
Pinacoteca abre exposição sobre reis da dinastia Bourbon

Veja a reportagem em vídeo

Da Redação

Palácio de Versalhes, séculos 17 e 18, Dinastia Bourbon. Apesar de tempos tão longínquos, já podem ser "vistos" mais de perto por nós - brasileiros do século 21. É que pela primeira vez, parte do acervo de Versalhes é trazido à América Latina. Entre as 60 obras de arte, 40 pinturas, 16 desenhos em papel, 3 esculturas e uma tapeçaria.

Na primeira parte da exposição está retratado o reinado do absolutista Luis 14, conhecido como "Rei Sol" e famoso pela frase "O Estado sou eu". As obras em estilo barroco - ricas nos mínimos detalhes - trazem referências da antiguidade clássica e da renascença italiana. Um dos retratos em exposição, por exemplo, foi o preferido do monarca que governou a França por 54 anos.

As esculturas eqüestres, também na linha do barroco classicista, demonstram o poderio militar do rei. E a tapeçaria enorme, feita a partir de um desenho em cartão, retrata a entrada das tropas francesas na Holanda, durante a guerra, em 1672.

Os desenhos em papel são esboços das pinturas dos tetos e afrescos do Palácio de Versalhes. Um deles foi projetado para a famosa Sala dos Espelhos e retrata Luis 14 como o invencível Hércules, mas foi rejeitado pelo próprio rei que acabou sendo retratado como um imperado romano.

Em outra parte da exposição, estão dispostas as obras de arte produzidas durante o reinado de Luis 15, período onde já se nota características do estilo rococó. Nos três principais quadros do rei - pintados durante a infância, adolescência e maturidade -, as poses são bastante parecidas... A diferença percebe-se nos detalhes...

As 4 telas principais de uma outra sala foram emprestadas pelo Museu de Arte de São Paulo e retratam as filhas de Luís 14 com a polonesa Maria Leszczyńska Aqui elas estão representadas como 4 alegorias: a terra, o fogo, o ar e a água. Os elementos foram escolhidos de acordo com as características de cada uma das irmãs. As roupas não oficiais indicam que as pinturas foram destinadas aos espaços mais íntimos da casa e da família.

A última parte da exposição traz o reinado de Luis 16. Rei por acaso, ele herdou um país endividado e por não conseguir lidar com o poder e com a política, acabou se afastando do povo. Casado com a austríaca Maria Antonieta, uma das mais retratadas do período, ambos foram acusados de traição e morreram guilhotinados em 1793, durante a Revolução Francesa.

A exposição "Imagens do Soberano" - Acervo do Palácio de Versalhes fica na Pinacoteca do Estado de São Paulo até 5 de agosto. Os ingressos custam R$ 4 (grátis aos sábados). Mais informações: (0/xx/11/3229-9844)

ÍNDICE DE NOTÍCIAS  IMPRIMIR  ENVIE POR E-MAIL

21/12/2012

15h14- *****MORREU HOJE RUTH ESCOBAR - BIOGRAFIA******

14h18- HAIRSPRAY

01/12/2012

18h00- BOLINHA

18h00- 2 ----TESTE TESTE TESTE

18h00- 1 ----TESTE_TESTE_TESTE_TESTE

08/10/2012

09h05- "O Homem-Aranha Ação e Aventura" estreia temporada em São Paulo; veja trailer

14/12/2011

15h09- Red Hot Chili Peppers e Incubus confirmam presença no Rock in Rio Madri

14h22- Ivete Sangalo, Maroon 5 e Springsteen encabeçam retorno do Rock in Rio a Lisboa

14h05- Radiohead vai estrear músicas inéditas na turnê de 2012

13h59- Joe Jonas 'ficou' com modelo brasileira; saiba quem é