PUBLICIDADE
Topo

Coronavírus

Bolsonaro acusa Dória de "levar o terror" à opinião pública ao defender a vacinação compulsória

19/10/2020 19h19

O presidente Jair Bolsonaro (sem partido) repetiu hoje que a vacinação contra o coronavírus, quando iniciada, não será obrigatória, embora caiba ao Ministério da Saúde a responsabilidade de definir essa questão. Bolsonaro também acusou — sem citá-lo diretamente — o governador de São Paulo, João Doria (PSDB), de "levar o terror" à opinião pública ao defender a vacinação compulsória.

Coronavírus