PUBLICIDADE
Topo

Cotidiano

SP: Entregador morre após sofrer grave acidente e ser lançado a outro veículo

Simone Machado

Colaboração para o UOL, em São José do Rio Preto (SP)

26/10/2020 17h55

O entregador Weverton Pinto Felício, de 42 anos, morreu na noite de ontem depois de sofrer um grave acidente na cidade de Franca, interior de São Paulo. Ele seguia de moto quando bateu em um carro e foi lançado sobre outro veículo que estava estacionado na rua. Tudo foi registrado pelas câmeras de segurança de uma casa.

Nas imagens, é possível ver quando o entregador vem pela rua Ângelo Melani e, no cruzamento, não respeita o sinal de parada. Ele avança e atinge a lateral de um carro que seguia pela rua Ângelo Scarabucci. O acidente aconteceu na Vila Scarabucci.

Com a força do impacto, Weverton foi arremessado para o alto, atingiu um carro que estava estacionado e só parou ao bater no muro de uma casa. Com a batida, o capacete do entregador de comida se desprendeu da cabeça do motociclista e voou por vários metros.

A batida foi tão forte que o vidro traseiro do carro que estava estacionado ficou destruído, assim como a lateral do veículo que foi atingido pelo motociclista.

O motorista do carro que o entregador atingiu parou para prestar socorro. O Corpo de Bombeiros foi chamado e o entregador foi socorrido e encaminhado para a Santa Casa da cidade. Segundo o hospital, o motociclista teve traumatismo craniano e sofreu uma parada cardiorrespiratória. Ele chegou a ser intubado, mas não resistiu à gravidade dos ferimentos e morreu no início da noite.

O corpo de Weverton foi velado no Velório São Vicente. O sepultamento aconteceu na manhã de hoje, no Cemitério da Saudade.

Comoção nas redes sociais

A morte do entregador de comidas gerou comoção nas redes sociais. Familiares e amigos usaram as redes para lamentar o acidente com o rapaz.

"Nada supera a tristeza de ter que dar adeus ao amor da minha vida. Meu marido partiu e meu coração estará para sempre partido em dois. A saudade nunca irá embora, eu sei. Agarro-me nas nossas lembranças, porque é tudo que me resta. Vivemos momentos inesquecíveis que levarei sempre comigo. Meu amor, sei que você pode me ouvir, porque nossa conexão vai além de tudo. Saiba que meu amor por você é eterno e que nunca me esquecerei de todos os anos que passamos lado a lado. Sei que um dia iremos nos reencontrar, mas até lá, guardarei nossas lembranças no fundo do meu coração!", escreveu Vanessa Braga, esposa do entregador.

Cotidiano