PUBLICIDADE
Topo

Vídeos

OPINIÃO

Texto em que o autor apresenta e defende suas ideias e opiniões, a partir da interpretação de fatos e dados.

Kennedy Alencar: Decisão do STF dá direito a Lula de dizer que é inocente

Do UOL, em São Paulo

16/04/2021 15h53

Tomada nesta semana, a decisão do plenário do STF (Supremo Tribunal Federal) que confirmou a elegibilidade do ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva (PT) reforçou sua candidatura ao Palácio do Planalto em 2022, opina o colunista do UOL Kennedy Alencar.

Segundo o jornalista, há uma avaliação de agentes políticos e econômicos de que o petista é favorito para vencer a corrida presidencial no ano que vem.

"As pesquisas indicam que Lula é o nome mais forte para enfrentar o presidente Jair Bolsonaro num segundo turno. Bolsonaro tem obstáculos que o enfraquece, como a CPI da Pandemia, a falta de resultados econômicos e a incapacidade de montar estratégia de reação contra Lula", analisa.

Para Kennedy, ao anular condenações de Lula, o plenário do STF devolve o estado de inocência para o ex-presidente. "Dizer que o petista não foi inocentado é uma narrativa política, mas está errado juridicamente", argumenta.

** Este texto não reflete, necessariamente, a opinião do UOL

Vídeos