PUBLICIDADE
Topo

Vídeos

Alvo da ameaça de Braga Netto era o STF, não Congresso | Thaís Oyama

28/07/2021 14h47

Foram os ministros do Supremo Tribunal Federal e do TSE —e não o presidente da Câmara, Arthur Lira (PP)— os reais destinatários da ameaça feita pelo general Walter Braga Netto de que não haveria eleições em 2022 sem o voto impresso. A colunista do UOL Thaís Oyama comentou os bastidores do "recado-ameaça".

Vídeos