PUBLICIDADE
Topo

Vídeos

João Roma diz que Auxílio Brasil 'amplia aceitação do governo', mas nega viés eleitoreiro

18/01/2022 15h58

O ministro da Cidadania. João Roma, negou durante o UOL Entrevista que haja viés eleitoreiro no estabelecimento do valor mínimo de R$ 400 para o Auxílio Brasil somente em 2022, ano em que o presidente Jair Bolsonaro (PL) deve tentar a reeleição. João Roma é pré-candidato ao governo da Bahia. "Todas as ações do governo tem avaliação da população. Isso [Auxílio Brasil] amplia, obviamente, a aceitação do governo, consequência de uma política pública, o que é diferente de ação eleitoreira."

Vídeos