PUBLICIDADE
Topo

Vídeos

Vulcão nas Ilhas Canárias deixa rastro de caos

25/09/2021 11h57

Autoridades aeroportuárias espanholas confirmaram que a erupção do vulcão na ilha de La Palma provocou nesta sexta-feira pela primeira vez a suspensão de voos.

O fenômeno começou no domingo e uma gigantesca nuvem de cinzas foi o gatilho para a decisão tomada pelas companhias aéreas Binter, Canaryfly e Iberia.

De acordo com a empresa Binter, no momento não é possível fazer uma previsão de quando os voos poderão ser retomados em La Palma, uma das ilhas do arquipélago das Canárias na costa atlântica da África.

Além da suspensão dos voos, as autoridades decretaram novas evacuações em várias partes da ilha.

O Instituto Vulcânico das Ilhas Canárias disse nesta sexta-feira que explosões violentas e uma nova fissura eruptiva foram observadas no vulcão.

Já são mais de 6.000 pessoas desabrigadas por uma erupção que, segundo os especialistas, pode durar semanas.

Por outro lado, não existe mais a certeza de que a lava chegará ao mar, porque o fluxo cresceu de tal forma que o seu avanço diminuiu para alguns metros por hora.

Vídeos