Informações sobre o álbums
  • editoria:Geral
  • galeria: Enquete
  • link: http://noticias.uol.com.br/album/2013/10/07/atentados-no-iraque.htm
  • totalImagens: 307
  • fotoInicial: 0
  • imagePath:
  • baixaResolucao: 0
  • ordem: ASC
  • legendaPos:
  • timestamp: 20110610213816
Fotos
26.ago.2014 - Forças de segurança e civis observam uma cratera aberta no asfalto após a explosão de um carro-bomba em Bagdá, no Iraque, nesta terça-feira (26). O carro explodiu em uma área de grande circulação de pessoas. Ao menos oito pessoas morreram durante o ataque Khalid Mohammed/APMais
26.ago.2014 - Iraquianos passam diante do local da explosão de um carro-bomba em Bagdá. Na segunda-feira (25), dois carros-bomba mataram pelo menos 11 pessoas e feriram 25 em um bairro de maioria xiita da capital iraquiana. Um deles foi detonado em uma rua movimentada, e outro em frente a um restaurante, segundo a polícia. Outros ataques pela cidade causaram mais de 30 mortes Ahmed Malik/ReutersMais
25.ago.2014 - Homem observa os destroços deixados por um atentado a bomba que matou sete pessoas no último domingo (24) em uma área predominantemente xiita de Bagdá. Um carro-bomba explodiu e destruiu a fachada de um edifício Ahmed Malik/ReutersMais
21.ago.2014 - Combatentes fazem patrulha em um veículo com uma bandeira curda na represa de Mosul, no norte do Iraque. Apesar das falhas estruturais, a maior barragem do país com 3,6 km de extensão, construída por um consórcio alemão-italiano na década de 1980, é fonte vital de energia para Mosul, a maior cidade do norte do Iraque com 1,7 milhões de habitantes. Os insurgentes do Estado Islâmico havia tomado o controle da barragem nas últimas semanas. As forças iraquianas e curdas conseguiram retomar o controle do local com a ajuda de ataques aéreos dos EUA Youssef Boudlal/ReutersMais
21.ago.2014 - Combatentes curdos patrulham área da represa de Mosul, no norte do Iraque. Apesar das falhas estruturais, a maior barragem do país com 3,6 km de extensão, construída por um consórcio alemão-italiano na década de 1980, é fonte vital de energia para Mosul, a maior cidade do norte do Iraque com 1,7 milhões de habitantes. Os insurgentes do Estado Islâmico havia tomado o controle da barragem nas últimas semanas. As forças iraquianas e curdas conseguiram retomar o controle do local com a ajuda de ataques aéreos dos EUA Youssef Boudlal/ReutersMais
20.ago.2014 - Membros da ONU observam avião com 100 toneladas de ajuda humanitária ser descarregado no aeroporto na cidade curda iraquiana de Erbil. A agência de refugiados da ONU disse que iniciou uma operação para levar ajuda a meio milhão de iraquianos expulsos de suas casas pelo Estado Islâmico (EI) Safin Hamed/AFPMais
18.ago.2014 - Fumaça preta é vista durante ataques aéreos feitos por militantes do Estado islâmico (EI) na represa de Mosul, no Iraque. Impulsionados por dois dias de ataques aéreos dos EUA, as forças iraquianas e curdas tomaram o controle da maior barragem do país Khalid Mohammed/APMais
18.ago.2014 - Forças curdas, conhecidas como o Peshmerga, patrulham linha de frente na represa de Mosul, no Iraque. Impulsionados por dois dias de ataques aéreos dos EUA, as forças iraquianas e curdas tomaram o controle da maior barragem do país Khalid Mohammed/APMais
13.ago.2014 - Mulher caminha em frente a prédio destruído pela explosão de um carro-bomba durante ataque suicida em Bagdá, no Iraque Ahmed Saad/ReutersMais
12.ago.2014 - Iraquianos membros da minoria étnica yazidi aguardam por entrega de alimentos no campo de refugiados de Nowruz, na Síria, nesta terça-feira (12), após dias de fuga. Os refugiados ganharam novos heróis: combatentes curdos sírios que lutam contra militantes islâmicos para esculpir uma rota de fuga para dezenas de milhares presos no topo da montanha. Militares americanos e iraquianos também ajudam lançando comida e água para o grupo yazidi Khalid Mohammed/ APMais
12.ago.2014 - Refugiados iraquianos membros da minoria étnica yazidi selecionam roupas doadas por uma organização de caridade no campo de Nowruz, na Síria, nesta terça-feira (12). Os refugiados ganharam novos heróis: combatentes curdos sírios que lutam contra militantes islâmicos para esculpir uma rota de fuga para dezenas de milhares presos no topo da montanha. Militares americanos e iraquianos também ajudam lançando comida e água para o grupo yazidi Khalid MohammedMais
12.ago.2014 - Refugiados iraquianos membros da minoria étnica yazidi descansam no campo de Nowruz, na Síria, nesta terça-feira (12). Os refugiados ganharam novos heróis: combatentes curdos sírios que lutam contra militantes islâmicos para esculpir uma rota de fuga para dezenas de milhares presos no topo da montanha. Militares americanos e iraquianos também ajudam lançando comida e água para o grupo yazidi Khalid Mohammed/ APMais
12.ago.2014 - Em foto divulgada nesta terça-feira (12), membros da minoria étnica yazidis, fogem de ataques de militantes islâmicos em direção à Síria. Pelo menos 500 yazidis foram mortos durante uma ofensiva no norte do país Rodi Said/ReutersMais
12.ago.2014 - Em foto divulgada nesta terça-feira (12), membros da minoria étnica yazidis, fogem de ataques de militantes islâmicos em direção à Síria. Pelo menos 500 yazidis foram mortos durante uma ofensiva no norte do país Rodi Said/ReutersMais
11.ago.2014 - Deslocados iraquianos da comunidade yazidi atravessam a fronteira entre Iraque e Síria. Cerca de 20 mil civis pertencentes conseguiram escapar do cerco dos jihadistas do Estado Islâmico em torno do monte Sinjar, no norte do Iraque, onde estavam em situação desesperada por falta de água e comida Rodi Said/ReutersMais
11.ago.2014 - Crianças iraquianas da comunidade yazidi atravessam a fronteira entre Iraque e Síria. Cerca de 20 mil civis conseguiram escapar do cerco dos jihadistas do Estado Islâmico em torno do monte Sinjar, no norte do Iraque, onde estavam em água e comida Rodi Said/ReutersMais
11.ago.2014 - Deslocados iraquianos da comunidade yazidi atravessam a fronteira entre Iraque e Síria. Cerca de 20 mil civis pertencentes conseguiram escapar do cerco dos jihadistas do Estado Islâmico em torno do monte Sinjar, no norte do Iraque, onde estavam em situação desesperada por falta de água e comida Rodi Said/ReutersMais
11.ago.2014 - Deslocados iraquianos da comunidade yazidi atravessam a fronteira entre Iraque e Síria. O grupo decidiu voltar ao Iraque após os ataques aéreos dos EUA contra a organização Estado Islâmico Ahamad Al Rubaye/AFPMais
11.ago.2014 - Iraquianos curdos fazem passeata de agradecimento em frente ao Consulado Geral dos EUA em Arbil, no Iraque, por atacarem os jihadistas no norte do país. A Liga Árabe condenou nesta segunda-feira (11) ?os crimes contra a humanidade? perpetrada pela organização Estado Islâmico contra os cristãos e yazidis, e pediu que os culpados sejam julgados perante a justiça internacional. Safin Hamed/AFPMais
10.ago.2014 - Iraquianos da etnia yazidi cruzam a fronteira com a Síria; o governo iraquiano acusou o Estado Islâmico do norte do país a enterrar vivos vítimas yazidis Khalid Mohammed/APMais
10.ago.2014 - Iraquianos da etnia yazidi cruzam a fronteira com a Síria; o governo iraquiano acusou o Estado Islâmico do norte do país a enterrar vivos vítimas yazidis Khalid Mohammed/APMais
10.ago.2014 - Refugiados da minoria yazidi, que fugiram da violência na cidade iraquiana de Sinjar, em abrigo na província de Dohuk. Militantes do Estado Islâmico mataram ao menos 500 pessoas da minoria étnica yazidi no norte do Iraque, chegando a enterrar suas vítimas com vida e sequestrando centenas de mulheres, informou uma fonte do governo iraquiano neste domingo (10) Ari Jalal/ReutersMais
10.ago.2014 - Refugiados da minoria yazidi, que fugiram da violência na cidade iraquiana de Sinjar, em abrigo na província de Dohuk, no sábado (9). Militantes do Estado Islâmico mataram ao menos 500 pessoas da minoria étnica yazidi no norte do Iraque, chegando a enterrar suas vítimas com vida e sequestrando centenas de mulheres, informou uma fonte do governo iraquiano neste domingo (10) Ari Jalal/ReutersMais
09.ago.2014 - Membro das forças curdas ("peshmergas") reforça ação em Makhmur, a cerca de 280 km ao norte de Bagdá, no Iraque, na tentativa de recuperar os territórios da região ocupados pelo Estado Islâmico. Segundo o presidente dos Estados Unidos, Barack Obama, os ataques aéreos americanos contra os jihadistas continuarão enquanto "for necessário" Safin Hamed/AFPMais
09.ago.2014 - Membro das forças curdas ("peshmergas"), fortemente armado, vigia região de Makhmur, a cerca de 280 km ao norte de Bagdá, no Iraque, em uma tentativa de recuperar os territórios ocupados pelo Estado Islâmico. Segundo o presidente dos Estados Unidos, Barack Obama, os ataques aéreos americanos contra os jihadistas continuarão enquanto "for necessário" Safin Hamed/AFPMais
9.ago.2014 - Soldados do Curdistão observam frente de batalha em Makhmur, 280 km ao norte de Bagdá, durante confronto com militantes do Estado Islâmico. Makhmur é uma das áreas que foi atacada por militantes jihadistas recentemente Safin Hamed/AFPMais
9.ago.2014 - Famílias iraquianas da minoria étnica yazidi, que fugiram da violência na cidade de Sinjar, no norte do Iraque, recebem comida em abrigo na cidade de Dohuk, na região autônoma curda do país Safin Hamed/AFPMais
9.ago.2014 - Iraquianos se reúnem na praça Firdos, em Bagdá, em manifestação de apoio ao primeiro-ministro do Iraque, Nuri al-Maliki, neste sábado (9). Em julho, os Estados Unidos começaram a pressionar o recém-eleito presidente iraquiano, Fuad Masum, para que este formasse um "governo coeso" para ajudar na luta contra militantes islâmicos. A eleição de Masum pode representar mais um passo em direção à queda do primeiro-ministro iraquiano, mesmo com a vitória do partido de Maliki nas eleições parlamentares de abril Sabah Arar/AFPMais
8.ago.2014 - Fumaça sobe após ataques aéreos nos arredores de Erbil, no norte do Iraque, nesta sexta-feira (8). A força aérea iraquiana, assim como os EUA, bombardearam áreas controladas pelo Estado Islâmico que controlam grandes áreas da Síria e do Iraque Khalid Mohammed/APMais
8.ago.2014 - Combatentes curdos prendem um homem suspeito de ser um militante do grupo Estado Islâmico logo após ataques aéreos nos arredores de Irbil. Os EUA lançaram na noite desta sexta-feira (8) uma segunda rodada de bombardeios contra posições dos militantes jihadistas Khalid Mohammed/APMais
8.ago.2014 - Em imagem de vídeo da agência de notícias AP, fumaça sobe após bombardeio efetuado por caças norte-americanos na região de Khazer, próxima à cidade de Irbil, no norte do Iraque. Este foi o primeiro ataque de operação militar dos EUA contra posições da milícia Estado Islâmico (EI) APMais
8.ago.2014 - Caça norte-americano é manobrado no porta-aviões George H.W. Bush no Golfo Pérsico, durante operações militares no Iraque, nesta sexta-feira (8). Agência Federal de Aviação (FAA) dos EUA proibiu que aviões comerciais americanos sobrevoem o Iraque, onde o Exército americano está realizando os seus primeiros ataques aéreos contra os jihadistas do Estado Islâmico (EI) Marinha dos EUA/AFPMais
8.ago.2014 - Refugiados iraquianos que fugiram de carro da violência na província de Nineveh, chegam a Sulaimaniya, no Iraque. Os Estados Unidos bombardearam posições de artilharia da milícia Estado Islâmico que ameaçavam funcionários americanos baseados em Erbil, no Curdistão iraquiano, segundo anúncio feito pelo Pentágono nesta sexta-feira (8) ReutersMais
8.ago.2014 - Tanque de tropa curda em operação durante conflito contra os milicianos do Estado Islâmico, em Makhmur, no subúrbio da província de Nineveh, no Iraque. Os Estados Unidos bombardearam posições de artilharia da milícia que ameaçavam funcionários americanos baseados em Erbil, no Curdistão iraquiano, segundo anúncio feito pelo Pentágono nesta sexta-feira (8) ReutersMais
7.ago.2014 - Estátua de Jesus Cristo é colocada em cima de mochila de cristão, que fugiu da violência na aldeia de Qaraqosh, após a chegada na igreja Saint-Joseph, na cidade curda de Arbil, no Curdistão. Militantes do Estado Islâmico ampliaram as conquistas no norte do país, tomando mais cidades e fortalecendo sua posição próximo à região curda, em uma ofensiva que tem preocupado o governo de Bagdá e potências regionais Safin Hamed/AFPMais
7.ago.2014 - Cristãos iraquianos, que fugiram da violência na aldeia de Qaraqosh, descansam após chegada na igreja Saint-Joseph, na cidade curda de Arbil, no Curdistão. Militantes do Estado Islâmico ampliaram as conquistas no norte do país, tomando mais cidades e fortalecendo sua posição próximo à região curda, em uma ofensiva que tem preocupado o governo de Bagdá e potências regionais Safin Hamed/AFPMais
7.ago.2014 - Soldados iraquianos patrulham rua da aldeia de Jurf al-Sakhr, a 45 km de Bagdá, localizada entre a província de Anbar e a província Babil, depois de recuperarem o controle da região. Militantes do Estado Islâmico ampliaram as conquistas no norte do Iraque, tomando mais cidades e fortalecendo sua posição próximo à região curda, em uma ofensiva que tem preocupado o governo de Bagdá e potências regionais AFPMais
7.ago.2014 - Soldados iraquianos disparam morteiros da aldeia de Jurf al-Sakhr, a 45 km de Bagdá, localizada entre a província de Anbar e a província Babil, contra jihadistas, que ampliaram as conquistas no norte do Iraque AFPMais
7.ago.2014 - Soldados iraquianos patrulham rua da aldeia de Jurf al-Sakhr, a 45 km de Bagdá, localizada entre a província de Anbar e a província Babil, depois de recuperarem o controle da região. Militantes do Estado Islâmico ampliaram as conquistas no norte do Iraque, tomando mais cidades e fortalecendo sua posição próximo à região curda, em uma ofensiva que tem preocupado o governo de Bagdá e potências regionais AFPMais
7.ago.2014 - Cristãos iraquianos, que fugiram da violência na aldeia de Qaraqosh, descansam após chegada na igreja Saint-Joseph, na cidade curda de Arbil, no Curdistão. Militantes do Estado Islâmico ampliaram as conquistas no norte do país, tomando mais cidades e fortalecendo sua posição próximo à região curda, em uma ofensiva que tem preocupado o governo de Bagdá e potências regionais Safin Hamed/AFPMais
7.ago.2014 - Soldados iraquianos disparam morteiros da aldeia de Jurf al-Sakhr, a 45 km de Bagdá, localizada entre a província de Anbar e a província Babil, contra jihadistas, que ampliaram as conquistas no norte do Iraque AFPMais
7.ago.2014 - Cristãos iraquianos, que fugiram da violência na aldeia de Qaraqush, comem após chegar na igreja Saint-Joseph, na cidade curda de Arbil, na região autônoma do Iraque do Curdistão. Militantes do Estado Islâmico ampliaram as conquistas no norte do país, tomando mais cidades e fortalecendo sua posição próximo à região curda, em uma ofensiva que tem preocupado o governo de Bagdá e potências regionais Safin Hamed/AFPMais
7.ago.2014 - Cristãos iraquianos, que fugiram da violência na aldeia de Qaraqosh, descansam na igreja Saint-Joseph, na cidade curda de Arbil, no Curdistão. Militantes do Estado Islâmico ampliaram as conquistas no norte do país, tomando mais cidades e fortalecendo sua posição próximo à região curda, em uma ofensiva que tem preocupado o governo de Bagdá e potências regionais Safin Hamed/AFPMais
7.ago.2014 - Menina descansa no colo da mãe após chegarem na igreja Saint-Joseph, na cidade curda de Arbil, na região autônoma do Iraque do Curdistão. Militantes do Estado Islâmico ampliaram as conquistas no norte do país, tomando mais cidades e fortalecendo sua posição próximo à região curda, em uma ofensiva que tem preocupado o governo de Bagdá e potências regionais Safin Hamed/AFPMais
7.ago.2014 - Menina carrega colchão após a chegada de cristãos na igreja Saint-Joseph, na cidade curda de Arbil, na região autônoma do Iraque do Curdistão. Militantes do Estado Islâmico ampliaram as conquistas no norte do país, tomando mais cidades e fortalecendo sua posição próximo à região curda, em uma ofensiva que tem preocupado o governo de Bagdá e potências regionais Safin Hamed/AFPMais
7.ago.2014 - Cristãos iraquianos, que fugiram da violência na aldeia de Qaraqosh, descansam após chegar na igreja Saint-Joseph, na cidade curda de Arbil, no Curdistão. Militantes do Estado Islâmico ampliaram as conquistas no norte do país, tomando mais cidades e fortalecendo sua posição próximo à região curda, em uma ofensiva que tem preocupado o governo de Bagdá e potências regionais Safin Hamed/AFPMais
7.ago.2014 - Voluntários iraquianos, que se juntaram as forças do governo para lutar contra os jihadistas, patrulham área do posto de controle em Udhaim, na província de Diyala, ao norte da capital Bagdá AFPMais
7.ago.2014 - Voluntários iraquianos, que se juntaram as forças do governo para lutar contra os jihadistas, patrulham área do posto de controle em Udhaim, na província de Diyala, ao norte da capital Bagdá AFPMais
7.ago.2014 - Iraquianos deslocados pelo conflito em curso no país cehgam na cidade iraquiana Kirkuk, controlada pelos curdos. Militantes do Estado Islâmico ampliaram as conquistas no norte do país, tomando mais cidades e fortalecendo sua posição próximo à região curda, em uma ofensiva que tem preocupado o governo de Bagdá e potências regionais Marwan Ibrahim/AFPMais
7.ago.2014 - Cristãos iraquianos, que fugiram da violência na aldeia de Qaraqosh, descansam após chegada na igreja Saint-Joseph, na cidade curda de Arbil, no Curdistão. Militantes do Estado Islâmico ampliaram as conquistas no norte do país, tomando mais cidades e fortalecendo sua posição próximo à região curda, em uma ofensiva que tem preocupado o governo de Bagdá e potências regionais Safin Hamed/AFPMais
7.ago.2014 - Civis iraquianos se reúnem após uma série de atentados com carros-bomba nas ruas comerciais em vários bairros de Bagdá, no Iraque, 2014 Pelo menos 50 pessoas foram mortas, enquanto o Exército anunciou que um de seus ataques aéreos tinham matado dezenas de militantes no norte da cidade de Mosul Karim Kadim/APMais
7.ago.2014 - Homem passa por local onde carro-bomba explodiu nesta quarta-feira (6) em Bagdá, capital iraquiana Ahmed Saad/ReutersMais
25.jul.2014 - Iraquianos observam, nesta sexta-feira (25), local de explosão ocorrida na noite anterior no distrito de Karrada, de maioria xiita, de Bagdá (Iraque). Explosões de dois carros-bomba causaram a morte de pelo menos 13 pessoas na capital iraquiana. As explosões se concentraram em Karrada, bairro repleto de lojas e restaurantes, logo após o momento em que as pessoas se reúnem para o desjejum do Ramadã - mês sagrado do islã em que muçulmanos fazem jejum entre o nascer e o por-do-sol Ali Al-Saddi/AFPMais
22.jul.2014 - Soldados iraquianos entoar hinos durante a implantação de segurança intensiva em Samarra, ao norte de Bagdá ReutersMais
22.jul.2014 - Soldados iraquianos carregam suas armas antes de uma patrulha na Universidade de Tikrit, onde as forças especiais entraram em confronto com combatentes jihadistas em junho ReutersMais
19.jul.2014 - Jovem limpa destroços após um ataque a bomba no bairro de Jihad, em Bagdá. A explosão de pelo menos quatro carros-bomba em diferentes regiões da capital iraquiana deixaram pelo menos 11 mortos e 45 pessoas feridas Hadi Mizban/APMais
19.jul.2014 - Mulher iraquiana distribui doces para soldados em frente à sede da União Patriótica do Curdistão (PUK), em Bagdá. O presidente do Iraque, Jalal Talabani (no cartaz), é esperado após 18 meses de recuperação na Alemanha, depois de sofrer um acidente vascular cerebral Sabah Arar/AFPMais
19.jul.2014 - Mulher chora ao deixar o local de um ataque a bomba no bairro de Jihad, em Bagdá, neste sábado (19). A explosão de pelo menos quatro carros-bomba em diferentes regiões da capital iraquiana deixaram pelo menos 11 mortos e 45 pessoas feridas Hadi Mizban/APMais
7.jul.2014 - Veículo militar transporta caixão do principal general do Iraque Negm Abdullah Ali para o enterro, em Bagdá, nesta segunda-feira (7). Ali foi morto em combate com insurgentes na área de Ibrahim Bin Ali. O exército luta para prender militantes islâmicos sunitas Stringer/ReutersMais
1º.jul.2014 - O mês de junho foi o de maior número de mortes este ano no Iraque, segundo a ONU Jaber al-Helo/APMais
1º.jul.2014 - Iraquianas cristãs mostram desânimo ao rezar em igreja de Mosul, no norte do Iraque Karim Sahib/AFPMais
1º.jul.2014 - Temendo desabastecimento, motoristas de Kirkuk fazem fila para abastecer seus carros Marwan Ibrahim/AFPMais
1º.jul.2014 - Parlamentares não chegaram a um acordo na primeira sessão Hadi Mizban/APMais
1º.jul.2014 - Xiitas e sunitas discutiram com curdos na tentativa de nomear um novo governo de unidade nacional Hadi Mizban/APMais
Crianças que fugiram da violência em Mosul jogam futebol em um campo de refugiados na região curda do Iraque ReutersMais
30.jun.2014 - Militantes do EILL (Estado Islâmico do Iraque e do Levante) sobem em carros militares em parada na província de Raqqa ReutersMais
30.jun.2014 - Integrante do EILL (Estado Islâmico do Iraque e do Levante) comemora enquanto participa de parada na província de Raqqa ReutersMais
30.jun.2014 - Militantes do EIIL (Estado Islâmico do Iraque e do Levante) participam de parada na província de Raqqa ReutersMais
30.jun.2014 - Militares reforçam a segurança na fronteira entre Kirku e Tirik, no norte do Iraque Khalil al-A'nei/EFEMais
30.jun.2014 - Militares descansam em um posto de controle na estrada que leva ao norte do Iraque Marwan Ibrahim/AFPMais
30.jun.2014 - Policiais iraquianos cruzam mata durante operação de busca por armar ilegais em Bagdá. Ahmed Saad/ReutersMais
30.jun.2014 - Iraquianos observam tanque de guerra usado no reforço da segurança em Bagdá Ahmed Saad/ReutersMais
30.jun.2014 - Iraquianos transitam perto de guardas em Bagdá Ahmed Saad/ReutersMais
30.jun.2014 - Homens passam por revista em posto de checagem da polícia iraquiana em Bagdá. Ahmed Saad/ReutersMais
30.jun.2014 - Policiais iraquianos checam o bagageiro de um carro em uma base em Bagdá Ahmed Saad/AFPMais
30.jun.2014 - Policial assume posição em área de vigilância em operação para intensificar a segurança no norte de Bagdá Ahmed Saad/ReutersMais
30.jun.2014 - Policiais iraquianos vasculham casa em operação de busca por armas em residência de Bagdá Ahmed Saad/ReutersMais
30.jun.2014 - Policiais iraquianos checam caixas em uma casa durante uma operação de busca por armas ilegais. Ahmed Saad/AFPMais
30.jun.2014 - Um combatente do EILL (Estado Islâmico do Iraque e do Levante) foi flagrado agitando uma bandeira do movimento em Mosul ReutersMais
25.jun.2014 - Carros ficam parados em congestionamento no sentido da cidade curda de Irbil, no norte do Iraque Hussein Malla/APMais
25.jun.2014 - Crianças se preparam para seguir em direção à cidade curda de Irbil, no norte do Iraque Hussein Malla/APMais
25.jun.2014 - Insurgentes atacaram uma das maiores bases aéreas do Iraque APMais
25.jun.2014 - Iraquianos fogem da cidade de Mosul, alvo de ataques de insurgentes sunita Hussein Malla/APMais
24.jun.2014 - Iranianos vão às ruas de Teerã em apoio ao governo do Iraque Atta Kenare/AFPMais
24.jun.2014 - O secretário de Estado americano, John Kerry, chega ao norte do Iraque para se encontrar com líderes curdos Brendan Smialowski/APMais
24.jun.2014 - Voluntários começam treinamento como soldados do exército iraquiano. O governo pede que civis peguem em armas para lutar contra a milícia Haidar Mohammed Ali/AFPMais
24.jun.2014 - Soldado iraquiano ensina voluntários como montar uma arma. Rebeldes islâmicos vem rapidamente ocupando cidades do país Ahmad Mousa/ReutersMais
24.jun.2014 - Homens se alistam como voluntários do exército iraquiano em Bagdá. Governo pediu ajuda à população para combater os insurgentes islâmicos Karim Kadim/AP PhotoMais
24.jun.2014 - Mulher compra legumes em Bagdá, nesta terça-feira. O secretário de Estado americano, John Kerry, se encontrou com líderes curdos no norte do Iraque Ahmed Saad/ReutersMais
24.jun.2014 - Homens iraquianos fazem exames no principal centro de recrutamento do Exército para o serviço militar em Bagdá. Pelo menos mil civis morreram e mais de 1.200 ficaram feridos em várias regiões do Iraque entre os dias 5 e 22 de junho à medida que os militantes sunitas avançavam no norte do país Karim Kadim/APMais
22.jun.2014 - Acampamento de refugiados iraquianos perto de Irbil, no norte do país. Segundo autoridades do governo, militantes sunitas conquistaram dois postos neste domingo, um na fronteira com a Jordânia e outro na fronteira com a Síria neste domingo (22) Hussein Malla/AP PhotoMais
22.jun.2014 - Refugiada iraquiana dá banho em seu filho neste domingo (22), em um campo no norte do país que acolhe civis fugidos de Mosul e outras cidades. Militantes sunitas conquistaram dois postos neste domingo, um na fronteira com a Jordânia e outro na fronteira com a Síria Hussein Malla/AP PhotoMais
19.jun.2014 - O presidente americano, Barack Obama, fala sobre a situação do Iraque ante crescentes pressões para responder à ofensiva dos rebeldes sunitas em direção a Bagdá Pablo Martinez Monsivais/APMais
18.jun.2014 - Voluntários que se juntaram às forças de segurança iraquianas para lutar contra os insurgentes sunitas se reúnem na cidade sagrada de Najaf, nesta quarta-feira (18). O Iraque pediu aos Estados Unidos apoio aéreo na luta contra o grupo extremista Estado Islâmico do Iraque e do Levante (EIIL) Alaa Al-Marjani/ ReutersMais
18.jun.2014 - Soldados do Exército Mehdi leais ao clero xiita Moqtada al-Sadr marcham durante um treinamento militar em Bagdá, nesta quarta-feira (18). O Iraque solicitou apoio aéreo aos Estados Unidos para combater rebeldes sunitas nesta quarta-feira (18), depois que militantes ocuparam grandes cidades em um avanço-relâmpago contra o Exército do governo liderado por xiitas Wissm al-Okili/ReutersMais
18.jun.2014 - O presidente dos Estados Unidos, Barack Obama, se reúne com líderes do congresso para discutir a situação no Iraque, no Salão Oval as Casa Branca, em Washington, nesta quarta-feira (18). O Iraque solicitou apoio aéreo aos Estados Unidos para combater rebeldes sunitas nesta quarta-feira (18), depois que militantes ocuparam grandes cidades em um avanço-relâmpago contra o Exército do governo liderado por xiitas Kevin Lamarque/ReutersMais
18.jun.2014 - O presidente dos EUA, Barack Obama, reúne-se com líderes do Congresso para discutir a situação do Iraque no salão oval da Casa Branca, em Washington, nesta quarta-feira (18) Kevin Lamarque/ ReutersMais
18.jun.2014 - Voluntários xiitas mostram armas em Kerbala, no sul do Iraque, nesta quarta-feira (18). Mais de dois milhões de iraquianos se ofereceram como voluntários para lutar contra os militantes do grupo jihadista EIIL (Exército Islâmico do Iraque e do Levante) Alaa Al-Shemaree/EFEMais
18.jun.2014 - Crianças iraquianas brincam em campo de refugiados próximo da cidade de Mosul, no norte do país, nesta quarta-feira (18). Mais de dois milhões de iraquianos se ofereceram como voluntários para lutar contra os militantes do grupo jihadista EIIL (Exército Islâmico do Iraque e do Levante) EFEMais
18.jun.2014 - Família iraquiana se aloja em campo de refugiados próximo da cidade de Mosul, no norte do país, nesta quarta-feira (18). Mais de dois milhões de iraquianos se ofereceram como voluntários para lutar contra os militantes do grupo jihadista EIIL (Exército Islâmico do Iraque e do Levante) EFEMais
18.jun.2014 - Familiares e amigos de soldado iraquiano que morreu em confronto choram durante enterro, nesta quarta-feira (18), em Nayaf, no sul do país.Mais de dois milhões de iraquianos se ofereceram como voluntários para lutar contra os militantes do grupo jihadista EIIL (Exército Islâmico do Iraque e do Levante) Khider Abbas/EFEMais
17.jun.2014 - Membros de tribos xiitas erguem suas armas para demonstrar vontade de se juntar às forças de segurança iraquianas e lutar contra os militantes jihadistas que tomaram várias cidades do norte do país, nesta terça-feira (17), na cidade santuário xiita de Najaf, no sul do Iraque Haidar Hamdani/AFPMais
17.jun.2014 - Refugiados formam fila para se registrarem em um acampamento temporário em Aski Kalak, (a 40 km da região autônoma curda Arbil), criado para abrigar pessoas que fugiram da violência no norte do Iraque Katim Sahib/ AFPMais
17.jun.2014 - Homens formam fila do lado de fora do principal centro de recrutamento do Exército, localizado em Bagdá, para se voluntariarem ao serviço militar Khalid Mohammed/ APMais
17.jun.2014 - Homens lotam caminhões militares para se juntarem ao Exército iraquiano no principal centro de recrutamento em Bagdá Khalid Mohammed/ APMais
17.jun.2014 - Crianças de abrigam dentro de uma tenda em um acampamento temporário em Aski Kalak (a 40 km da região autônoma curda Arbil). A maior refinaria de petróleo do Iraque, que fica em Baiji (220 km de Bagdá), foi fechada após ser cercada por militantes do grupo jihadista EIIL (Exército Islâmico do Iraque e do Levante), de acordo com informações de autoridades da instalação. Nesta terça-feira (17), estrangeiros foram retirados do local, que continua sob controle do Iraque, e funcionários regionais são mantidos em seus postos Karim Sahib/ AFPMais
17.jun.2014 - Voluntários, recém-recrutados pelo Exército iraquiano, participam de uma sessão de treinamento na cidade xiita de Karbala. O primeiro-ministro Nuri al-Maliki anunciou no dia 15 de junho que o governo do Iraque irá armar e equipar os civis que se voluntariarem para lutar contra os militantes do grupo jihadista EIIL (Exército Islâmico do Iraque e do Levante) Mohammed Sawaf/ AFPMais
17.jun.2014 - Homens iraquianos compram uniformes militares em uma loja, em Bagdá. A maior refinaria de petróleo do Iraque, que fica em Baiji (220 km de Bagdá), foi fechada após ser cercada por militantes do grupo jihadista EIIL (Exército Islâmico do Iraque e do Levante), de acordo com informações de autoridades da instalação. Nesta terça-feira (17), estrangeiros foram retirados do local, que continua sob controle do Iraque, e funcionários regionais são mantidos em seus postos Ahmed Saad/ ReutersMais
17.jun.2014 - Voluntários, recém-recrutados pelo Exército iraquiano, participam de uma sessão de treinamento na cidade xiita de Karbala. O primeiro-ministro Nuri al-Maliki anunciou no dia 15 de junho que o governo do Iraque irá armar e equipar os civis que se voluntariarem para lutar contra os militantes do grupo jihadista EIIL (Exército Islâmico do Iraque e do Levante) Mohammed Sawaf/ AFPMais
16.jun.2014 - Um garoto iraquiano segura uma arma sentado na janela de um carro enquanto pessoas se aglomeram em ato para mostrar prontidão para ingressa nas forças de segurança do país e lutar contra os militantes jihadistas que tomaram diversas cidades do norte do Iraque, nesta segunda-feira (16), em Bagdá. Insurgentes sunitas assumiram no domingo (15) o controle de uma cidade no noroeste do Iraque de maioria turcomana, após um pesado tiroteio Ahmad al-Rubaye/AFPMais
16.jun.2014 - Membros das forças de segurança iraquianas patrulham área próxima à divisa entre as províncias de Karbala e Anbar, nesta segunda-feira (16). Os Estados Unidos afirmaram que poderiam fazer ataques aéreos e atuar em conjunto com o Irã para apoiar o governo iraquiano, após onda de violência protagonizada por insurgentes sunitas Mushtaq Muhammed/ReutersMais
16.jun.2014 - Membros das forças de segurança iraquianas patrulham área próxima à divisa entre as províncias de Karbala e Anbar, nesta segunda-feira (16). Os Estados Unidos afirmaram que poderiam fazer ataques aéreos e atuar em conjunto com o Irã para apoiar o governo iraquiano, após onda de violência protagonizada por insurgentes sunitas Mushtaq Muhammed/ReutersMais
16.jun.2014 - Voluntários formam fila para recolher uniformes após discurso do primeiro-ministro iraquiano, Nuri al-Maliki, que anunciou que o governo irá armar e equipar os civis que se voluntariaram para lutar contra militantes jihadistas, na cidade de Karbala Mohammed Sawaf/ AFPMais
16.jun.2014 - Voluntários experimentam uniformes após um discurso do primeiro-ministro iraquiano, Nuri al-Maliki, que anunciou que o governo irá armar e equipar os civis que se voluntariaram para lutar contra militantes jihadistas, na cidade de Karbala Mohammed Sawaf/ AFPMais
16.jun.2014 - Insurgentes sunitas, de maioria turcomana, levantam suas armas durante um anúncio que proclamou a formação de um sistema de defesa para proteger a área controlada na cidade de Kirkuk (a 290 quilômetros ao norte de Bagdá). A cidade de Tal Afar, com uma população de cerca de 200.000 pessoas, foi tomada pouco antes do amanhecer Emad Matti/ APMais
16.jun.2014 - Voluntários, que se juntaram ao exército iraquiano para combater insurgentes sunitas, são transportados em caminhões de Bagdá para as áreas de conflito Ahmed Saad/ ReutersMais
16.jun.2014 - Refugiados iraquianos, que fugiram da violência causada por milícias jihadistas na provícia de Nineveh, carregam pertences ao chegarem a al-Hamdaniyah, na região da província autônoma curda. Os insurgentes sunitas do Estado Islâmico do Iraque e do Levante (EIIL) assumiram o controle de mais uma cidade no noroeste do Iraque de maioria turcomana, fortalecendo sua presença no norte do país Karim Sahib/ AFPMais
14.jun.2014 - Foto divulgada no último sábado (14) pelo site jihadista Welayat Salahuddin mostra o que seria uma execução coletiva realizada por militantes do grupo rebelde Estado Islâmico do Iraque e do Levante em uma área ainda não identificada do Iraque. Desde o início do mês, rebeldes separatistas iniciaram uma forte ofensiva contra tropas do governo central iraquiano e tomaram cidades importantes do país como Mossul Welayat Salahuddin/AFPMais
Mapa do Iraque com as cidades sob poder ou ameaça de insurgentes do EIIL Arte/UOLMais
13.jun.2014 - Policiais iraquianos cavam trincheiras no posto de controle na cidade de Taji, na entrada de Bagdá, enquanto as forças de segurança estão reforçando as defesas na capital Ahmad Al-Rubaye/ AFPMais
13.jun.2014 - Homem mascarado, da região autônoma curda do Iraque, guarda um acampamento temporário criado para abrigar iraquianos fugindo da violência do norte da província de Nínive, em Aski Kalak Safin Hamed/ AFPMais
13.jun.2014 - Voluntários se juntam ao Exército iraquiano para combater os insurgentes islamitas, que tomaram Mossul e outras províncias do norte do país Ahmed Saad/ ReutersMais
13.jun.2014 - Famílias iraquianas chegam a um acampamento temporário criado para abrigar civis que fogem da violência na província de Nínive, no norte do país Safin Hamed/ AFPMais
13.jun.2014 - Escavadeira é utilizada para limpar o lixo de uma rua na cidade de Mossul, no Iraque. A cidade foi atacada no fim de semana, estão entre as vítimas integrantes das forças de segurança iraquiana, ao menos 17 civis que trabalhavam para a polícia e um empregado do Judiciário APMais
13.jun.2014 - Crianças brincam com capacete que o Exército iraquiano deixou para trás depois que militantes do Estado Islâmico tomaram o norte da cidade de Mossul APMais
13.jun.2014 - Líderes tribais xiitas iraquianos entoam gritos contra o grupo jihadista EIIL (Estado Islâmico do Iraque e do Levante). Os líderes tribais se reuniram na cidade de Sadr e declararam a sua disponibilidade, junto com suas tribos, para enfrentar o grupo dissidente da Al Qaeda Karim Kadim/ APMais
13.jun.2014 - Voluntários aguardam antes de embarcar em caminhões em Bagdá, nesta sexta-feira (13), para se juntarem ao Exército iraquiano e combater os insurgentes islamitas, que tomaram Mossul (400 km de Bagdá) e outras províncias do norte Ahmed Saad/ ReutersMais
13.jun.2014 - Voluntários, que se juntaram ao Exército iraquiano para combater os insurgentes islamitas, viajam em um caminhão em Bagdá Ahmed Saad/ ReutersMais
13.jun.2014 - Policial iraquiano monta guarda em um posto de controle na cidade de Taji, nos arredores de Bagdá, enquanto as forças de segurança estão reforçando as defesas na capital Ahmad Al-Rubaye/ AFPMais
12.jun.2014 - Soldados jihadistas fincam bandeira na província de Salahuddin, no Iraque.Rebeldes sunitas do grupo Estado Islâmico do Iraque e do Levante prometeram tomar Bagdá, depois de invadirem as cidades de Tikrit e Mossul Welayat Salahuddin/AFPMais
12.jun.2014 - Iraquianos fogem da violência para acampamento temporário em Irbil, no Curdistão. Milhares de pessoas saíram de Mossul depois de a cidade ter sido invadida por jihadistas do Estado Islâmico do Iraque e do Levante APMais
12.jun.2014 - Iraquianos se voluntariam para lutar contra jihadistas, nesta quinta-feira (12), em Najaf. Rebeldes sunitas do grupo Estado Islâmico do Iraque e do Levante prometeram tomar Bagdá, depois de invadirem as cidades de Tikrit e Mossul Haidar Hamdani/AFPMais
12.jun.2014 - Imagem obtida pelo site do Ministério da Defesa, nesta quinta-feira (12), mostra as forças iraquianas fazendo ataques aéreos no campo militar de al-Ghazlani, na cidade de Mossul, ocupada por militantes jihadistas.Rebeldes sunitas do grupo Estado Islâmico do Iraque e do Levante prometeram tomar Bagdá, depois de invadirem as cidades de Tikrit e Mossul AFPMais
12.jun.2014 - Iraquianos se voluntariam para lutar contra jihadistas, nesta quinta-feira (12), em Najaf. Rebeldes sunitas do grupo Estado Islâmico do Iraque e do Levante prometeram tomar Bagdá, depois de invadirem as cidades de Tikrit e Mossul Haidar Hamdani/AFPMais
12.jun.2014 - Membros do batalhão de forças especiais da polícia iraquiana viajam em caminhão do exército após capturar soldados jihadistas, em Tikrit, nesta quinta-feira (12). Rebeldes sunitas do grupo Estado Islâmico do Iraque e do Levante prometeram tomar Bagdá, depois de invadirem as cidades de Tikrit e Mossul ReutersMais
12.jun.2014 - Soldados jihadistas ficam de guarda em posto na cidade de Mosul, no Iraque, nesta quinta-feira (12). Rebeldes sunitas do grupo Estado Islâmico do Iraque e do Levante prometeram tomar Bagdá, depois de invadirem as cidades de Tikrit e Mossul ReutersMais
12.jun.2014 - Iraquianos fogem da violência para acampamento temporário em Aski Kalak, no Curdistão. Milhares de pessoas saíram de Mosul depois de a cidade ter sido invadida por jihadistas do Estado Islâmico do Iraque e do Levante APMais
12.jun.2014 - A imagem mostra soldados jihadistas tomando as ruas da cidade de Samarra, no Iraque. Rebeldes sunitas do grupo Estado Islâmico do Iraque e do Levante prometeram tomar Bagdá, depois de invadirem as cidades de Tikrit e Mossul Welayat Salahuddin/AFPMais
12.jun.2014 - Tanque do exército iraquiano é queimado na rua de Mosul, nesta quinta-feira (12). Rebeldes sunitas do grupo dissidentes da Al Qaeda prometeram tomar Bagdá. Na quarta-feira (11), eles invadiram a cidade iraquiana de Tikrit, onde se encontra a maior refinaria de petróleo do país APMais
12.jun.2014 - Criança come em acampamento temporário em Aski Kalak, no Curdistão, nesta quinta-feira (12). Milhares de pessoas saíram de Mosul depois da cidade ter sido invadida por jihadistas Safin Hamed/AFPMais
12.jun.2014 - Família se reúne em acampamento temporário em Aski Kalak, no Curdistão, nesta quinta-feira (12). Milhares de pessoas saíram de Mosul, segunda maior cidade do Iraque, depois dela ter sido invadida por jihadistas Safin Hamed/AFPMais
12.jun.2014 - Iraquianos fogem da violência para acampamento temporário em Aski Kalak, no Curdistão, nesta quinta-feira (12). Milhares de pessoas saíram de Mosul depois da cidade ter sido invadida por jihadistas Safin Hamed/AFPMais
12.jun.2014 - Família iraquiana que fugiu da violência descansa em acampamento temporário em Aski Kalak, no Curdistão, nesta quinta-feira (12). Milhares de pessoas saíram de Mosul, no Iraque, depois da cidade ter sido invadida por jihadistas Safin Hamed/AFPMais
11.jun.2014 - Moradores limpam o local onde um carro-bomba explodiu em Sadr, em Bagdá, no Iraque, nesta quarta-feira (11). Um homem-bomba explodiu dentro de uma tenda onde membros de tribos se reuniam para resolver disputas entre elas, matando e ferindo dezenas de pessoas Karim Kadim/APMais
11.jun.2014 - Civis inspecionam local onde um carro-bomba explodiu em Sadr, em Bagdá, no Iraque, nesta quarta-feira (11). Um homem-bomba explodiu dentro de uma tenda onde membros de tribos se reuniam para resolver disputas entre elas, matando e ferindo dezenas de pessoas Karim Kadim/APMais
11.jun.2014- Um homem inspeciona um veículo ao lado do corpo de um membro das forças de segurança do Iraque, em Tikrit, nesta quarta-feira (11). Rebeldes sunitas do grupo dissidentes da Al Qaeda invadiram a cidade iraquiana de Tikrit nesta quarta-feira (11), onde se encontra a maior refinaria de petróleo do país, avançado contra as forças do governo, lidado por xiitas ReutersMais
11.jun.2014 - População limpa a calçada após um atentado suicida em Bagdá, capital do Iraque, nesta quarta-feira (11). Um homem-bomba detonou explosivos, que estavam presos ao cinto, dentro de uma tenda onde tribos se reuniam para resolver uma disputa Karim Kadim/ APMais
8.jun.2014 - Moradores observam o resultado da explosão de um carro-bomba em Bagdá (Iraque), neste domingo (8). Uma série de explosões de carros-bomba por toda capital do Iraque na noite de sábado causou a morte de dezenas de pessoas. No mesmo dia, um grupo armado invadiu a universidade de Anbar, fazendo reféns Khalid Mohammed/APMais
29.mai.2014 - Iraquianos se reúnem nesta quinta-feira (29) no local de um ataque com carro-bomba ocorrido em Bagdá. Pelo menos 54 pessoas morreram em carros-bomba no Iraque na quarta-feira, com ataques suicidas e assassinatos em todo o país Wissm al-Okili/ReutersMais
13.mai.2014 - Forças de segurança iraquianas fazem buscas por armas em esconderijos na cidade de Ramadi nesta terça-feira (13). O governo iraquiano está enfrentando uma série de ataques praticados por militantes do grupo terrorista islâmico Al Qaeda que oferece suporte ao grupo separatista que quer criar o Estado Islâmico do Iraque e Levante e que engloba as cidades de Ramadi e Fallujah ReutersMais
11.mai.2014 - Iraquiano descansa em frente a sua loja, que foi danificada por uma explosão provocada por um carro bomba, no bairro xiita de Habibiya, em Bagdá. Pelo menos 20 pessoas morreram neste sábado no Iraque em três diferentes atentados no país, informam as agências internacionais Karim Kadim/APMais
28.abr.2014 - Um soldado iraquiano inspeciona um carro destruído em atentado suicida em uma zona eleitoral na cidade de Kirkuk, no Iraque, nesta segunda-feira (28). Homens-bomba atacaram vários postos de votação matando pelo menos 18 pessoas e ferindo dezenas, segundo a polícia. Mais de um milhão de pessoas começaram a votar de forma antecipada nas eleições legislativas do país Marwan Ibrahim/AFPMais
25.abr.2014 - Pelo menos 28 pessoas morreram nesta sexta-feira (25), em um duplo atentado com carro-bomba durante um comício eleitoral em Bagdá, apenas alguns dias antes da realização de eleições gerais no Iraque Thaier al-Sudani/ReutersMais
22.abr.2014 - Homem passa por local de ataque com carro-bomba em Bagdá (Iraque), nesta terça-feira (22). Um veículo explodiu intencionalmente na segunda-feira perto de um mercado popular em um distrito xiita da capital matando seis pessoas. Ao menos 17 outros civis também foram feridos na explosão Wissm al-Okili/ReutersMais
21.abr.2014 - Fumaça emana do local onde um carro-bomba explodiu em Sadr City, em Bagdá, no Iraque, nesta segunda-feira (21). Ataques suicidas mataram e feriram dezenas de pessoas hoje, segundo autoridades iraquianas. A violência tem aumentado no país, que faz a contagem regressiva para as eleições parlamentares, marcadas para o final do mês Ali Sadr/APMais
21.abr.2014 - Um veículo destruído é removido do local de uma explosão de carro-bomba em um posto de controle em Bagdá, Iraque. O atentado deixou pelo menos 13 mortos e 35 feridos Ahmad Al-Rubaye/AFPMais
20.abr.2014 - Um atentado na Universidade Imam Kadhim, em Bagdá, a menos de duas semanas das eleições legislativas no Iraque, matou três pessoas e deixou nove feridas Ahmad Al-Rubaye/AFPMais
18.abr.2014 - Trabalhadores municipais limpam local da explosão de um carro-bomba em distrito comercial de Bagdá, nesta sexta-feira (18). Uma bomba em um carro estacionado explodiu na região de mercado lotada na noite de quinta-feira (17), matando ao menos oito pessoas e ferindo pelo menos 21, segundo fontes médicas Thaier al-Sudani/ReutersMais
18.abr.2014 - Iraquiano passa nesta sexta-feira (18) por trabalhadores limpando os detritos que resultaram da explosão de um carro-bomba em distrito comercial de Bagdá. O ataque matou ao menos três pessoas e feriu outras 12. Ontem foi o dia mais violento o exército iraquiano desde 11 de fevereiro, quando 17 soldados foram mortos Ali al-Saadi/AFPMais
17.abr.2014 - Funcionários limpam local de ataque a bomba que matou ao menos oito pessoas e feriu 26 em área comercial do distrito de maioria xiita Habibiya em Bagdá, no Iraque Thaier al-Sudani/ReutersMais
30.mar.2014 - Um atentado suicida em Ramadi, no oeste de Bagdá, matou sete pessoas e feriu ao menos dez. As forças de segurança iraquianas têm dificuldade em manter o controle de bairros tomados por militantes extremistas Azhar Shalal/AFP Mais
7.mar.2014 - Policiais iraquianos inspecionam local de explosão de carro-bomba, nesta sexta-feira (7). Uma dúzia de atentados na região central do Iraque, e dois tiroteios no norte do país, causaram a morte de 26 pessoas na quinta-feira, enquanto o país sofre sua pior onda de violência nos últimos anos Ali al-Saadi/AFPMais
5.mar.2014 - Funcionários da Prefeitura de Bagdá limpam área em que um carro-bomba explodiu nesta quarta-feira (5). Nove explosões em bairros de maioria xiita de Bagdá causaram a morte de ao menos 14 pessoas e deixaram dezenas de feridos, informaram as autoridades locais Karim Kadim/APMais
26.fev.2014 - Trabalhadores limpam nesta quarta-feira (26) o local de um ataque com carro-bomba em Bagdá. Um carro estacionado explodiu próximo a um mercado lotado na terça-feira, matando pelo menos 14 pessoas Thaier al-Sudani/ReutersMais
18.fev.2014 - Garoto iraquiano observa apartamento danificado após explosão em distrito comercial de Bagdá, nesta terça-feira (18). Ataques no Iraque, incluindo uma série de carros-bomba em Bagdá, mataram pelo menos 22 pessoas ontem, segundo as autoridades iraquianas. O país luta com sua pior onda de violência em seis anos Ali al-Saadi/AFPMais
15.fev.2014 - Soldados das Forças de Segurança do Iraque prendem militantes suspeitos de ligação com a organização terrorista Al-Qaeda em Jurf al-Sakhar, há cerca de 60 km da capital Bagdá, neste sábado (15). Militantes mataram, pelo menos, oito soldados em cobates noturnos na região, segundo o exército e a polícia local Reuters/Alaa Al-MarjaniMais
3.fev.2014 - Pessoas olham uma área onde um carro-bomba explodiu nesta segunda-feira (3), em Bagdá. Ao todo, quatro carros explodiram e ao menos 16 pessoas morreram nestes e e em outros atos de violência na capital do Iraque, indicaram fontes médicas e de segurança. A polícia encontrou os corpos de três homens e de uma mulher com tiros na cabeça e sinais de tortura no oeste da capital, segundo as fontes Ahmed Saad/ReutersMais
20.jan.2014 - Civis se aglomeram ao redor do local onde um ataque com carro-bomba matou duas pessoas e deixou outras dez feridas na cidade iraquiana de Tuz Khurmatu, ao norte de Bagdá. A cidade onde ocorreu o atentado é disputada por árabes e curdos Ako Rasheed/ReutersMais
14.jan.2014 - Moradores inspecionam o resultado de um ataque com carro-bomba em Bagdá (Iraque), nesta terça-feira (14). Ataques em Bagdá mataram ao menos 25 pessaos, no mesmo período em que o chefe da ONU visitava a cidade, pedindo aos líderes que respondam aos conflitos com combatentes do Al Qaeda na província ocidental do país Karim Kadim/APMais
7.jan.2014 - Policial ferido examina local de atentado suicida com carro-bomba em Kirkuk, 290 km ao norte de Bagdá, no Iraque. Segundo a polícia, o carro-bomba bateu em uma delegacia antes de explodir Emad Matti/APMais
25.dez.2013 - Homem olha para o local de um ataque a bomba em um mercado em Bagdá (Iraque). O atentado próximo a uma igreja deixou 35 mortos e mais de 50 feridos, anunciou o ministério do Interior iraquiano Ahmed Malik/ReutersMais
5.dez.2013 - Forças de segurança iraquianas ispecionam local em que ocorreu tiroteio entre insurgentes e policiais após ataque na cidade de Kirkuk, no Iraque, nesta quinta-feira (5). Ataques em série deixaram 11 mortos e 70 feridos no norte do país Emad Matti/APMais
26.nov.2013 - Familiares carregam caixão de vítima de ataque a bomba em Sadriya, distrito de Bagdá (Iraque) Thaier Al-Sudani/ReutersMais
20.nov.2013 - Iraquianos observam o que restou de furgão atingido por bomba em atentado em Bagdá nesta quarta-feira (20) Ali Abbas/EfeMais
8.nov.2013 - Homem iraquiano observa seu carro destruído em uma explosão de carro-bomba em Bagdá (Iraque), nesta sexta-feira (8). Ao menos 17 soldados iraquianos morreram nesta quinta (7) e outros 40 ficaram feridos em um duplo atentado suicida contra uma base militar ao norte de Bagdá, informam fontes policiais Khalid Mohamme/APMais
5.nov.2013 - Homem anda em meio a escombros após explosão em Kirkuk, no Iraque, nesta terça-feira (5). Um atentado terrorista com dois carros-bomba e três bombas caseiras deixou vários feridos na cidade Dena Assad/XinhuaMais
5.nov.2013 - Pessoas observam local de explosão em Kirkuk, no Iraque, nesta terça-feira (5). Um atentado terrorista com dois carros-bomba e três bombas caseiras deixou vários feridos na cidade Dena Assad/XinhuaMais
27.out.2013 - Curiosos são vistos próximos a ônibus destruído por uma explosão na estação de ônibus de Mashtal, no Iraque. Rebeldes explodiram uma série de carros bombas pelas imediações de Bagdá, matando dezenas de pessoas, segundo autoridades Khalid Mohammed/APMais
21.out.2013 - Membros das forças de segurança vistoriam o que sobrou de uma estação de eletricidade, destruída por um ataque ao departamento de polícia de Falluja, a 50 km a oeste de Bagdá, no Iraque, nesta segunda-feira (21). Ao menos, seis pessoas morreram durante a ação e outras 20 ficaram feridas Mohammed Jalil/EFEMais
19.out.2013 - Curiosos se reúnem no local de um ataque com carro-bomba, do lado de fora de uma sorveteria no bairro de Al-Mashtal, em Bagdá, neste sábado (19). Ao menos cinco pessoas morreram no ataque e outras 15 ficaram feridas, segundo a polícia Thaier Al-Sudani/ReutersMais
13.out.2013 - Forças de segurança iraquianas observam local onde um carro-bomba explodiu em Kut, a 150 km ao sul de Bagdá, no Iraque, neste domingo (13). Uma série de atentados a bomba mataram pelo menos dez pessoas, em sua maioria muçulmanos xiitas, em províncias do Iraque neste domingo, em pleno feriado de Eid al Adha, ou Festa do Sacrifício, informaram fontes oficiais Jaafer Abed/ReutersMais
13.out.2013 - Atentados deixam ao menos dez pessoas mortas e 66 feridas neste domingo (13) no Iraque. Um total de sete carros-bomba e três artefatos explodiram em diversas províncias do país, a maioria no sul. O atentado mais violento ocorreu ano centro de Al Hilla, capital da província de Babel, onde pelo menos cinco pessoas morreram e quinze ficaram feridas pela detonação de dois veículos carregados com explosivos. Na imagem, um veículo que explodiu na cidade de Kutu Ali Al-Alak/AFPMais
7.out.2013 - Ali Hamza, 8, senta-se em frente à sepultura de seu irmão, Mohammed, e sua irmã Asinat, que foram mortos no domingo (6) na escola onde estavam após um ataque suicida carro-bomba perto da aldeia xiitas de Qabak, a 420 km de Bagdá, no Iraque. Ataques mortais no Iraque mataram dezenas de pessoas no domingo, incluindo doze crianças que estavam em uma escola APMais
7.out.2013 - Homem observa carro em chamas após um atentado a bomba em Bagdá, no Iraque, nesta segunda-feira (7). Pelo menos 23 pessoas morreram e mais de 70 ficaram feridas nesta segunda-feira em uma série de explosões de carros-bomba em várias áreas de Bagdá, algumas de maioria xiita Ahmed Saad/ReutersMais
7.out.2013 - Civis observam carro em chamas após um atentado a bomba em Bagdá, no Iraque, nesta segunda-feira (7) 07 de outubro de 2013. Pelo menos 23 pessoas morreram e mais de 70 ficaram feridas nesta segunda-feira em uma série de explosões de carros-bomba em várias áreas de Bagdá, algumas de maioria xiita Ahmed Saad/ReutersMais
7.out.2013 - Mulher caminha perto do local de um ataque com carro-bomba em a leste de Bagdá, nesta segunda-feira (7). Pelo menos 23 pessoas morreram e mais de 70 ficaram feridas nesta segunda-feira em uma série de explosões de carros-bomba em várias áreas de Bagdá, algumas de maioria xiita Ahmed Saad/ReutersMais
7.set.2013 - Moradores observam nesta segunda-feira (7) local de atentado com bomba que deixou mortos neste domingo (6), no distrito de al-Jadidah, em Bagdá (Iraque). Ao menos 30 pessoas morreram em atentados no país no domingo Khalid Mohammed/APMais
6.out.2013 - Pelo menos 27 pessoas morreram e 125 ficaram feridas em vários ataques neste domingo contra xiitas em Bagdá e no norte do Iraque, informaram à Agência Efe fontes policiais e do Ministério do Interior Safin Hamed/AFPMais
5.ago.2013 - Supostos membros da Al Quaeda são presos e vendados em Bagdá, no Iraque. Eles são acusados de participam em atentado no país Sabah Arar/AFPMais
30.set.2013 - Mulheres iraquianas passam ao lado de escombros após explosão em Bagdá, que deixou dezenas de mortos e centenas de feridos, segundo as autoridades locais. Os carros-bomba explodiram em nove áreas da região, seis delas de maioria xiita, duas sunitas e uma mista Ahmad/AFPMais
30.set.2013 - Moradores locais caminham por entre escombros de casas após a série de explosões na capital do Iraque, Bagdá, que deixou ao menos 41 mortos e 130 ferido Ahmad/AFPMais
30.set.2013 - Iraquiano ferido em ataque é atendido em hospital da capital, Bagdá. Uma série de explosões com carros-bomba na hora do rush da manhã nesta segunda-feira (30) matou um total de ao menos 41 pessoas e feriu mais de 130 Safin Hamed/AFPMais
30.set.2013 - Iraquiano segura cópia do Corão ao lado dos escombros de uma mesquita, destruída em um ataque terrorista nesta segunda-feira (30), no sul de Bagdá Ahmad Al-Rubaye/AFPMais
30.set.2013 - Policiais recolhem destroços de carro ao lado de um dos locais que sofreram ataques a bomba nesta segunda-feira (30) no Iraque. De acordo com as autoridades locais, ao menos 42 pessoas morreram Ahmed Saad/ReutersMais
22.set.2013 - Iraquianos carregam o corpo de uma das vítimas de um ataque a bomba realizado no sábado (21) perto de Sadr City, subúrbio de Bagdá. Dois atentados ocorridos no mesmo dia em uma área xiita da capital iraquiana deixaram, ao menos, 56 mortos. A onda de violência que assola o país é considerada a pior desde 2008 Ali Al-Saadi/AFPMais
21.set.2013 - Atentado triplo com bomba deixa dezenas de mortos em Sadr City, reduto xiita de Bagdá, no Iraque. Um carro-bomba explodiu perto da tenda onde um funeral estava sendo realizado, um suicida dirigindo um carro detonou sua bomba e uma terceira explosão ocorreu em seguida, enquanto policiais, ambulâncias e bombeiros se reuniam no local Hadi Mizban/APMais
18.set.2013 - Curiosos observam local de explosão de um carro-bomba em Bagdá nesta quarta-feira (18). Ontem, ao menos 34 pessoas morreram, vítimas de uma série de ataques realizados em todo o Iraque Thaier Al-Sudani/ReutersMais
16.set.2013 - Homem observa local que foi alvo de atentado a bomba em Bagdá, no Iraque, nesta segunda-feira (16). Ato terrorista matou, ao menos, 36 pessoas e onda de atentados e tiroteios voltou a ameaçar a segurança no país Ahmed Saad/ReutersMais
15.set.2013 - Forças de segurança do Iraque analisam cena de carro-bomba na cidade de Nasiriyah, cerca de 375 quilômetros da capital Bagdá. Segundo a polícia, vários ataques foram registrados hoje no país, em especial nas províncias xiitas, que deixaram ao menos 21 mortos ReutersMais
12.set.2013 - Iraquianos carregam o caixão de uma das vítimas do ataque a uma mesquita xiita no bairro Kasra, norte de Bagdá, na última quarta-feira (11), durante o cortejo fúnebre na capital, nesta quinta-feira (12). O ataque suicida deixou pelo menos 39 mortos e foi um dos mais sangrentos da história do Iraque Ahmad al-Rubaye/AfpMais
12.set.2013 - Iraquianos andam nesta quinta-feira (12) próximo a local de ataque a mesquita xiita em Bagdá que matou ao menos 33 pessoas Thaier Al-Sudani/ReutersMais
4.set.2013 - Iraquianos avaliam local de explosão ocorrida nesta terça em Bagdá, na manhã desta quarta-feira (4). Uma onda de ataques coordenados atingiu zonas de maioria xiita da capital, matando ao menos 52 pessoas, na investida mais letal desde o começo dos distúrbios no país Ahmad Al-Rubaye/AFP'Mais
29.ago.2013 - Garoto anda nesta quinta-feira (29) por local onde aconteceu um atentado com carro-bomba no dia anterior, em Bagdá (Iraque). Uma série de ataques matou 86 pessoas e feriu ao menos 263 nesta quarta-feira (28), de acordo a polícia Ahmed Malik/ReutersMais
28.ago.2013 - Pedestres e curiosos observam local de ataque com carro-bomba em Bagdá nesta quarta-feira (28). Uma onda de ataques coordenados em zonas de maioria xiita da capital iraquiana deixou dezenas de mortos e feridos. Os alvos dos ataques foram pessoas indo para trabalho ou compras Khalid Mohammed/APMais
22.ago.2013 - Agente investiga nesta quinta-feira (22) destroços de carro que explodiu durante atentado em Kirkuk (Iraque), ferindo quatro pessoas, de acordo com a polícia Ako Rasheed/ReutersMais
11.ago.2013 - Jovem caminha sobre escombros de um prédio destruído após a explosão de um carro bomba na cidade de Tuz Khurmato, em Kirkuk, norte do Iraque. Ao menos 60 pessoas morreram e outras 200 pessoas ficaram feridas no país após uma onda de ataques terroristas no último sábado EPA/EFEMais
11.ago.2013 - Trabalhadores limpam local onde um carro-bomba explodiu em Bagdá (Iraque) Thaier al-Sudani/ReutersMais
10.ago.2013 - Restos de um carro bomba em uma rua de Nasiriyah city, 375 km ao sul de Bagdá, são observados por moradores. Pelo menos 61 pessoas morreram e cerca de 300 ficaram feridas em uma série de atentados neste sábado no país, durante as celebrações pelo fim do Ramadã, mês sagrado para os muçulmanos ReutersMais
31.jul.2013 - Homem ferido é carregado por hospital após ataque a bomba em Baquba, a 50 km de Bagdá (Iraque), nesta quarta-feira (31). Segundo a polícia, seis pessoas morreram depois que a bomba explodiu do lado de fora de um café no centro da cidade. O grupo terrorista Al Qaeda assumiu a autoria do ataque Mohammed Adnan/ReutersMais
29.jul.2013 - Iraquianos observam nesta segunda-feira (29) destroços de carro-bomba no distrito xiita de Sadr, em Bagdá. Uma onda de ataques no centro e no sul do Iraque deixou dezenas de mortos Karim Kadim/APMais
24.jul.2013 - Policial inspeciona local de atentado a bomba em Kirkuk, 250 km ao norte de Bagdá (Iraque), nesta quarta-feira (24). Duas explosões a bomba, ao lado de duas mesquitas sunitas mataram sete pessoas na cidade, na noite desta terça-feira. Outras explosões em Kut e na capital deixaram outros cinco mortos Ako Rasheed/ReutersMais
21.ju.2013 - Mulheres passam por local que foi destruído por um ataque com carro-bomba em Bagdá (Iraque) Thaier al-Sudani/ReutersMais
18.jul.2013 - Moradores observam cafeteria onde explodiu uma bomba que deixou diversos mortos em Bagdá, no Iraque Karim Kadim/APMais
15.jul.2013 - Mulher se senta perto do filho de cinco anos que sofreu queimaduras após um ataque de carro-bomba em Kut, a 100 km, de Bagdá, no Iraque Karim Kadim/APMais
13.jul.2013 - Iraquianos limpam local onde aconteceu um atentado suicida em frente a um café em Kirkuk Marwan Ibrahim/AFPMais
23.jun.2013 - Homem recebe tratamento em um hospital após ser ferido durante um ataque suicida em Bagdá, no Iraque, neste domingo (23). Um homem-bomba se explodiu dentro de uma mesquita xiita em uma aldeia ao norte de Bagdá, no sábado (22), matando e ferindo dezenas de pessoas, segundo a polícia Karim Kadim/APMais
17.jun.2013 - Curiosos observam e tiram fotos de escombros de um café após atentados a bomba em Bagdá (Iraque) Saad Shalash/ReutersMais
16.jun.2013 - Agentes de forças de segurança do Iraque inspecionam o local da explosão de um carro bomba, neste domingo (16), na cidade de Nasiriyah, 375km ao sul de Bagdá. O país registrou uma série de ataques terroristas na manhã de hoje. Segundo a agência de notícias EFE, pelo menos 23 pessoas morreram e dezenas ficaram feridas ReutersMais
16.jun.2013 - Agentes de forças de segurança do Iraque inspecionam o local da explosão de um carro bomba, neste domingo (16), na cidade de Nasiriyah, 375km ao sul de Bagdá. O país registrou uma série de ataques terroristas na manhã de hoje. Segundo a agência de notícias EFE, pelo menos 23 pessoas morreram e dezenas ficaram feridas ReutersMais
16.jun.2013 - Agentes de forças de segurança do Iraque inspecionam o local da explosão de um carro bomba, neste domingo (16), na cidade de Nasiriyah, 375km ao sul de Bagdá. O país registrou uma série de ataques terroristas na manhã de hoje. Segundo a agência de notícias EFE, pelo menos 23 pessoas morreram e dezenas ficaram feridas ReutersMais
16.jun.2013 - Policiais correm após explosão de carro-bomba em Nasiriyah (a 375 quilômetros de Bagdá), no Iraque. ReutersMais
2.jun.2013 - Autoridades iraquianas prenderam cinco supostos membros de grupos aliados à rede terrorista al-Qaeda, que são acusados de usar armas químicas em ataques no país, na América do Norte e na Europa. Segundo o ministro da Defesa iraquiano, Mohammed al-Askari, o grupo usava aviões de brinquedo para atingir os alvos dos ataques com substâncias venenosas como o sarin e o gás mostarda Efe/EPA/STRMais
28.mai.2013 - Policial iraquiano faz segurança em local de atentado a bomba em Sadr City, Bagdá. Uma onda de atentados no Iraque atingiu áreas majoritariamente xiitas da capital iraquiana, matando e ferindo dezenas de pessoas. A violência no país matou mais de 500 pessoas em maio, segundo dados a agência de notícias AFP Thaier al-Sudani/ReutersMais
28.mai.2013 - Moradores limpam local de ataque com carro-bomba no centro comercial de Bagdá, no Iraque. Uma onda de atentados no Iraque atingiu áreas majoritariamente xiitas da capital iraquiana, matando e ferindo dezenas de pessoas. A violência no país matou mais de 500 pessoas em maio, segundo dados a agência de notícias AFP Thaier al-Sudani/ReutersMais
28.mai.2013 - Mulher observa carros e edifícios danificados após ataque com carro-bomba no centro comercial de Bagdá, no Iraque.Uma onda de atentados no Iraque atingiu áreas majoritariamente xiitas da capital iraquiana, matando e ferindo dezenas de pessoas. A violência no país matou mais de 500 pessoas em maio, segundo dados a agência de notícias AFP Sabah Arar/AFP Mais
28.mai.2013 - Menino recolhe os vidros quebrados de uma loja danificada durante ataque com carro-bomba no centro comercial de Bagdá, no Iraque. Uma onda de atentados no Iraque atingiu áreas majoritariamente xiitas da capital iraquiana, matando e ferindo dezenas de pessoas. A violência no país matou mais de 500 pessoas em maio, segundo dados a agência de notícias AFP Sabah Arar/AFP Mais
28.mai.2013 - Residentes recolhem entulhos em frente a uma padaria danificada durante ataque com carro-bomba no centro comercial de Bagdá, no Iraque. Uma onda de atentados no Iraque atingiu áreas majoritariamente xiitas da capital iraquiana, matando e ferindo dezenas de pessoas. A violência no país matou mais de 500 pessoas em maio, segundo dados a agência de notícias AFP Ali al-Saadi/AFPMais
28.mai.2013 - Homem caminha em frente ao local de ataque com carro-bomba no centro comercial de Bagdá, no Iraque. Uma onda de atentados no Iraque atingiu áreas majoritariamente xiitas da capital iraquiana, matando e ferindo dezenas de pessoas. A violência no país matou mais de 500 pessoas em maio, segundo dados a agência de notícias AFP Hadi Mizban/APMais
28.mai.2013 - Curiosos observam local de um ataque com carro-bomba no centro comercial de Bagdá, no Iraque. Uma onda de atentados no Iraque atingiu áreas majoritariamente xiitas da capital iraquiana, matando e ferindo dezenas de pessoas. A violência no país matou mais de 500 pessoas em maio, segundo dados a agência de notícias AFP Karim Kadim/APMais
28.mai.2013 - Vendedor ambulante inspeciona carrinho de suco destruído durante ataque a bomba em Sadr City, Bagdá (Iraque). Uma onda de atentados no Iraque atingiu áreas majoritariamente xiitas da capital iraquiana, matando e ferindo dezenas de pessoas. A violência no país matou mais de 500 pessoas em maio, segundo dados a agência de notícias AFP Karim Kadim/APMais
27.mai.2013 - Um carro-bomba explodiu em ataque em centro comercial de Bagdá, no Iraque, nesta segunda-feira (27). Vários pessoas morreram ou ficaram feridas. Ainda não há informações sobre número exato de vítimas APMais
20.mai.2013 - Dois carros-bombas explodiram em Basra, no Iraque, nesta segunda-feira (20), deixando alguns mortos e dezenas de feridos Ramzi Al-Shaban/AFPMais
16.mai.2013 - Iraquianos se concentram em local onde carro-bomba explodiu nesta quarta-feira (15) no distrito de Sadr, em Bagdá (Iraque) Qahtan al-Sudani/ReutersMais
16.abr.2013 - Moradores se reúnem em local onde um carro-bomba explodiu, no distrito de Habibya, a nordeste do centro de Bagdá. Ataques e explosões de carros-bomba, incluindo duas explosões em ponto de controle do lado de fora do aeroporto internacional de Bagdá, causaram a morte de pelo menos 33 pessoas, dias após as eleições provinciais iraquianas Saad Shalash/ReutersMais
15.abr.2013 - Garotos iraquianos observam restos de um veículo após uma explosão em um bairro do leste de Bagdá, no Iraque. Pelo menos 24 pessoas morreram e 200 ficaram feridas em uma série de atentados com 22 carros-bomba e vários explosivos em diversos pontos do Iraque, nesta segunda-feira (15) Ali Al-Saadi/AFPMais
17.jan.2012- Um atentado a bomba em um mercado de Dujail, ao norte de Bagdá, no Iraque, matou pelo menos oito pessoas e feriu outras 27 ReutersMais
18.dez.2012 - Homem passa em frente a local onde um ataque a bomba matou 11 pessoas e feriu outras 44, em Bagdá, no Iraque Mohammed Ameen/ReutersMais
17.dez.2012 - Estudantes observam casa danificada após um ataque a bomba em Kirkuk, no Iraque Ako Rasheed/ReutersMais
29.nov.2012 - Funcionários da prefeitura limpam destroços no local onde um carro-bomba explodiu, nesta quinta-feira (29), em Kerbala (Iraque). O atentado ocorreu ao lado de um terminal de ônibus usado como ponto de encontro por muçulmanos xiitas. Segundo as autoridades, duas pessoas morreram Mushtaq Muhammed/ReutersMais
28.nov.2012 - Pessoas observam casa destruída após a explosão de três carros-bomba, nesta quarta-feira (28), em Bagdá (Iraque). Ao menos 23 pessoas foram mortas nos atentados, a maioria delas muçulmanos xiitas que participavam de uma procissão Mohammed Ameen/ReutersMais
14.nov.2012 - Iraquiano examina destroços após a explosão de três carros-bomba em Kirkuk, nesta quarta-feira (14). Segundo as autoridades, nove pessoas morreram e 34 ficaram feridas Marwan Ibrahim/AFPMais
7.nov.2012 - Iraquianos carregam o caixão de um parente, nesta quarta-feira (7), em Al Tayi. Ao menos 25 pessoas morreram e 80 ficaram feriadas no atentado a bomba realizado ontem (6), segundo fontes do governo Khider Abbas/EFEMais
15.out.2012 - Homem observa carro destruído após explosão de duas bombas perto da sede do governo provincial na cidade de Kirkuk, no Iraque. Os ataques mataram um policial e deixaram seis pessoas feridas Marwan Ibrahim/AFPMais
30.set.2012 - Iraquianos observam carro destruído após ataque de carro-bomba em Bagdá Karim Kadim/APMais
9.set.2012 - Policiais observam local onde aconteceu um ataque à bomba em Kirkuk, a 250 quilômetros de Bagdá, neste domingo (9). De acordo com a agência de notícias Efe, pelo menos 31 pessoas morreram e 75 ficaram feridas em três atentados ocorridos no norte do país Ako Rasheed/ReutersMais
2.set.2012 - Mulher caminha por local onde aconteceu um ataque com carro-bomba neste domingo (2), em Bagdá, no Iraque Saad Shalash/ReutersMais
17.ago.2012 - Iraquianos olham, nesta sexta-feira (17), carro-bomba que explodiu na noite anterior em bairro xiita de Bagdá. Pelo menos 53 pessoas foram mortas nesta quinta-feira (16) em cerca de quinze atentados no Iraque Ahmad Al-Rubaye/AFPMais
1°.ago.2012 - Homem vasculha escombros no dia seguinte após explosão de dois carros-bomba em Bagdá, no Iraque Ahmad Al-Rubaye/AFPMais
1°.ago.2012 - Mulheres choram durante funeral de vítima de atentado em Bagdá, no Iraque Ali Abu Shish/ReutersMais
1°.ago.2012 - Iraquianas passam por escombros de prédio atingido pela explosão de dois carros-bomba em Bagdá, no Iraque Ahmad Al-Rubaye/AFPMais
24.jul.2012 - Parentes de vítimas dos ataques de segunda-feira (23) no Iraque preparam o enterro num cemitério de Najaf, 160 quilômetros ao sul de Bagdá, nesta terça (24). Ataques a bomba e com armas de fogo deixaram mais de cem mortos no país na segunda Ali Abu Shish/ReutersMais
23.jul.2012 - Populares observam veículo totalmente destruído em atentado na região de Kirkuk, no Iraque. Nesta segunda-feira, centenas de pessoas morreram em decorrência de onda de violência por várias regiões do país AFPMais
23.jul.2012 - Cidadão iraquiano observa local onde ocorreu explosão de carro-bomba, em Madain, no Iraque. Centenas de pessoas morreram em decorrência de onda de violência por várias regiões do país Karim Kadim/APMais
23.jul.2012 - Crianças observam local onde ocorreu explosão de uma bomba em Madain, no Iraque. Uma onda de ataques no país deixou centenas de mortos e feridos, nesta segunda-feira, no dia mais sangrento vivido pela nação iraquiana em mais de dois anos Karim Kadim/APMais
23.jul.2012 - Interior de carro destruído em atentado em Bagdá, no Iraque. Nesta segunda-feira, centenas de pessoas morreram em decorrência de onda de violência que atingiu várias regiões do país Karim Kadim/APMais
23.jul.2012 - Carros foram destruídos em explosão de carro-bomba em Bagdá, no Iraque. Uma onda de ataques no país deixou centenas de mortos e feridos, nesta segunda-feira, no dia mais sangrento vivido pela nação iraquiana em mais de dois anos Karim Kadim/APMais
23.jul.2012 - Onda de violência deixa centenas de mortos e feridos em Bagdá, no Iraque, e também em outras regiões do país, nesta segunda-feira AFPMais
23.jul.2012 - Onda de violência deixa centenas de mortos e feridos em Bagdá, no Iraque, e também atinge outras regiões do país, nesta segunda-feira AFPMais
23.jul.2012 - População observa local onde ocorreu explosão de uma bomba em Madain, no Iraque. Uma onda de ataques no país deixou centenas de mortos e feridos, nesta segunda-feira, no dia mais sangrento vivido pela nação iraquiana em mais de dois anos Karim Kadim/APMais
23.jul.2012 - Mohammed Jassim, um dos feridos de explosão de carro-bomba, recebe tratamento em hospital de Bagdá, no Iraque. Uma onda de ataques no país deixou centenas de mortos e feridos, nesta segunda-feira, no dia mais sangrento vivido pela nação iraquiana em mais de dois anos Karim Kadim/APMais
23.jul.2012 - População observa local onde ocorreu explosão de uma bomba em Madain, no Iraque. Uma onda de ataques no país deixou centenas de mortos e feridos, nesta segunda-feira (23), no dia mais sangrento vivido pela nação iraquiana em mais de dois anos Karim Kadim/APMais
23.jul.2012 - Menino espia carro de polícia destruído pela explosão de uma bomba na província de Diwaniya, no Iraque. Ao menos 100 pessoas morreram nesta segunda-feira (23) em ataques terroristas no país Imad al-Khozai/ReutersMais
23.jul.2012 - Pessoas observam carro-bomba que explodiu em Mahmudiya, ao sul de Bagdá, no Iraque, nesta segunda-feira (23). O país foi alvo de ataques e tiroteios em diversas cidades. Segundo a agência Reuters, centenas de pessoas foram mortas Mohammed Ameen/ReutersMais
13.jun.2012- Ataques a grupos de xiitas e curdos deixam mortos no Iraque EfeMais
13.jun.2012- Ataques a grupos de xiitas e curdos deixam mortos no Iraque EfeMais
13.jun.2012- Ataques a grupos de xiitas e curdos deixam mortos no Iraque AFPMais
13.jun.2012- Ataques a grupos de xiitas e curdos deixam mortos no Iraque AFPMais
13.jun.2012 - Veículo incendiado é removido de local de ataque a bomba em Bagdá, no Iraque Saad Shalash/ReutersMais
13.jun.2012 - Iraquianos observam local de explosão de carro bomba em Bagdá, no Iraque AFPMais
Forças de segurança inspecionam destroços de carro-bomba nesta terça-feira (20) em Kirkuk, no Iraque Khalil Al-A'nei/EFEMais
Iraquianos caminham em área atingida por explosão de carro-bomba em Baquba, no Iraque. Ali Mohammed/EFEMais
Atentado em Diyala, ao norte de Bagdá, no Iraque, destruiu propriedades Sabah Arar/AFPMais
Policial observa área atingida pela explosão de um carro-bomba em Ramadi, a oeste de Bagdá, no Iraque Mohammed Jalil/EFEMais
Explosão de carro-bomba atingiu veículos estacionados perto do Ministério das Relações Exteriores, em Bagdá, no Iraque Sabah Arar/AFPMais
Foto mostra veículos atingidos por explosão de carro-bomba em Bagdá, capital do Iraque Khalil Al-Murshidi/AFPMais
Civis e policiais observam área atingida pela explosão de um carro-bomba em Kirkuk, no Iraque Emad Matti/APMais
Iraquianos olham destroços de um carro-bomba em Kirkuk Emad Matti/APMais
Forças de segurança iraquianas inspecionam destroços de um carro-bomba na cidade de Kirkuk Ako Rasheed/ReutersMais
Policiais observam destroços de um carro-bomba na cidade de Hilla, no Iraque Habib/ReutersMais
Forças de segurança iraquianas inspecionam destroços de um carro-bomba na cidade de Kirkuk Ako Rasheed/ReutersMais
Forças de segurança iraquianas inspecionam destroços de carro-bomba na cidade de Kirkuk. Ako Rasheed/ReutersMais
Policiais observam destroços de um carro-bomba na cidade de Hilla, no Iraque Habib/ReutersMais
21.mar.2012 - Policiais observam destroços de um carro-bomba na cidade de Hilla, no Iraque. Mais de 40 pessoas morreram e pelo menos cem ficaram feridas nesta terça-feira (20) em uma série de oito atentados em várias cidades iraquianas, entre elas a capital Bagdá, Kirkuk (norte) e Karbala (sul) AFP/STRMais
21.mar.2012 - Iraquianos observam nesta terça-feira (20) local atingido pela explosão de um carro-bomba na cidade de Hilla, no Iraque. Pelo menos outros sete atentados semelhantes em diferentes cidades deixaram mais de 40 mortos no país AFP/STRMais
Explosão de carro-bomba deixa dezenas de feridos em Bagdá, capital do Iraque Mohammed Ameen/ReutersMais
Local de atentado no Iraque Ako Rasheed/ReutersMais
Atentado deixa dois mortos em refinaria de Beiji, norte do país EFEMais
TV mostra momento em que uma bomba é detonada no Iraque, matando quatro pessoas Imad Mitti/ APTN/ APMais
Policial observa região onde um suicida detonou a carga de explosivos que levava presa ao corpo e provocou a morte de no mínimo 60 pessoas em um centro de recrutamento da tolícia de Tikrit, a norte de Bagdá Mahmud Saleh/ AFPMais
Atentado com carro-bomba deixa 10 mortos e dezenas de feridos em Kerbala (Iraque) Mushtaq Muhammed/ReutersMais
Foto desta segunda-feira (20) mostra prédios destruídos em Bagdá, no Iraque, após ataque de dois carros bombas que provocou a morte de 12 pessoas e feriu dezenas no domingo (19) Mohammed Ameen/ReutersMais
Duplo atentado de sábado deixa ao menos 36 mortos e 110 feridos no Iraque Nabil al-Jurani/APMais
Atentado contra emissora de televisão deixa 6 mortos em Bagdá (Iraque) Ali Abbas/EFEMais
Atentado contra emissora de televisão deixa 6 mortos em Bagdá (Iraque) ReutersMais
Dois ataques similares contra milícias sunitas, que apoiam as forças de segurança iraquianas, deixaram ao menos 46 mortos no Iraque Stringer/ReutersMais
Explosões de dois carros-bomba matam 26 pessoas no Iraque Mohammed Jalil/APMais
Iraque tem segunda-feira (10/5) o dia mais violento do ano com a morte de dezenas de pessoas em diversos atentados ReutersMais
Em Fallujah, antigo reduto da Al-Qaeda a oeste de Bagdá, quatro pessoas, entre elas dois policiais, foram mortos em atentados contra casas de membros das forças de segurança APMais
Policiais inspecionam casa danificada por um ataque a bomba em Ramadi, a 100 km a oeste de Bagdá, no Iraque Ali al-Mashhdani/ReutersMais
Polícias inspecionam casa danificada por um ataque a bomba em Ramadi, a 100 km a oeste de Bagdá, no Iraque. Quatro bombas plantadas ao redor da casa de um policial explodiu antes do amanhecer, matando uma pessoa e ferindo outras três Ali al-Mashhdani/ReutersMais
Moradores observam carro destruído por um atentado a bomba em Sadr City, no nordeste de Bagdá ReutersMais
Iraque Sob Tutela: prisioneiros iraquianos observam grupo de presos libertados que estava saindo da prisão de Abu Ghraib, nos arredores de Bagdá Jewel Samad/AFPMais
Equipes de resgate trabalham nas buscas por sobreviventes de mais um atentado a bomba ocorrido em Bagdá, no Iraque. As explosões atingiram diversos prédios na cidade e pelo menos onze mortos e diversos feridos Karim Kadim/APMais
Ataques com carros-bomba atingiram área ocupada por embaixadas Karim Kadim/APMais
Iraquianos observam carro-bomba utilizado em atentado em Bagdá Karim Kadim/APMais
Bombeiro combate fogo; bombardeios no Iraque matam 42 em meio a resultado das eleições Helmiy al-Azawi/ReutersMais
Ataques a bomba mata dezenas às vésperas da eleição legislativa no Iraque APMais

Atentados no Iraque

Últimos álbuns de Notícias



Shopping UOL

UOL Cursos Online

Todos os cursos