Informações sobre o álbums
  • editoria:
  • galeria:
  • link: http://noticias.uol.com.br/album/2016/06/30/proteses-devolvem-mobilidade-a-elefantes-mutilados-na-tailandia.htm
  • totalImagens: 10
  • fotoInicial: 4
  • imagePath:
  • baixaResolucao: 0
  • ordem: ASC
  • legendaPos:
  • timestamp: 20160630203438
    • Tailândia [5595];
    • Elefante [11111]; Animais [17229];
Fotos

O engenheiro Boonyu Thippaya usa um molde para preparar a prótese a ser colocada na perna de um elefante que pisou em uma mina terrestre escondida em área próxima à fronteira entre a Tailândia e o Mianmar. O projeto é mantido pela Fundação Asiática para Elefantes, em Lampang, na Tailândia Athit Perawongmetha/Reuters Mais

Um desses elefantes é Motola. O animal recebeu uma prótese fabricada pela Fundação Asiática para Elefantes em Lampang, na Tailândia, para conseguir caminhar sem dificuldades Athit Perawongmetha/Reuters Mais

Motola fica quietinho esperando receber sua nova prótese. Ele perdeu uma das patas ao pisar em uma mina terrestre escondida em área próxima à fronteira entre a Tailândia e o Mianmar Athit Perawongmetha/Reuters Mais

O elefante chamado Motola testa uma prótese de pata para conseguir voltar a andar sem dificuldades na Fundação Asiática para Elefantes em Lampang, na Tailândia. O animal perdeu parte do corpo ao pisar em uma mina terrestre Athit Perawongmetha Mais

Motola testa a "perna" nova trocada por membros da Fundação Asiática para Elefantes em Lampang, na Tailândia Athit Perawongmetha Mais

A elefante Mosha tinha apenas sete meses quando sofreu o mesmo acidente que Motola, há dez anos. Foi levada às pressas para o hospital da fundação, mas foi apenas dois anos depois de pisar em uma mina explosiva que Mosha ganhou sua primeira prótese Athit Perawongmetha/Reuters Mais

Na medida em que crescia, Mosha recebia uma nova prótese adaptada ao seu peso e anatomia.Quando pedeu a perna, a elefante tinha 600 quilos; agora, pesa duas tolenadas. "A maneira como ela andava era desequilibrada e ia fazer sua espinha dobrar com o tempo. Ela teria morrido (se não recebesse a prótese)", afirma o cirurgião Therdchai Jivacate, que na foto avalia a prótese em Mosha Athit Perawongmetha/Reuters Mais

Às vezes, a prótese precisa de ajustes. Por isso o engenheiro Boonyu Thippaya está sempre a postos para reparar o membro artificial a ser implantado nos elefantes Athit Perawongmetha/Reuters Mais

Às vezes, a prótese precisa de ajustes. Por isso o engenheiro Boonyu Thippaya está sempre a postos para reparar o membro artificial a ser implantado nos elefantes Athit Perawongmetha/Reuters Mais

A Fundação Asiática para Elefantes foi criada em 1993, sendo o primeiro hospital de elefantes do mundo. Hoje, cuida de 17 desses animais Athit Perawongmetha/Reuters Mais

Próteses devolvem mobilidade a elefantes mutilados na Tailândia

Últimos álbuns de Notícias

UOL Cursos Online

Todos os cursos