Informações sobre o álbums
  • editoria:
  • galeria:
  • link: http://noticias.uol.com.br/album/bbc/2017/01/16/como-os-sovieticos-imaginavam-2017.htm
  • totalImagens: 10
  • fotoInicial: 1
  • imagePath:
  • baixaResolucao: 0
  • ordem: ASC
  • legendaPos:
  • timestamp: 20170116145853
    • Notícias [35976];
Fotos

A história futurista foi publicada em formatos de tiras para projetores de slides Sergey Pozdnyakov Mais

Em uma aula de geografia, crianças veem em uma tela de cinema especial as cidades futuristas construídas pelos soviéticos. Uma delas é Uglegrado, a cidade subterrânea que os alunos visitarão no dia seguinte. Sergey Pozdnyakov Mais

Os jovens também conhecem avanços tecnológicos como os foguetes de propulsão fotônica, que viajam na velocidade da luz para o sistema planetário mais próximo, Alfa-Centauri. Sergey Pozdnyakov Mais

Um relógio especial desperta Igor para que ele não perca a excursão Sergey Pozdnyakov Mais

Para preparar o café da manhã, Igor insere na cozinha automática uma receita deixada pela mãe. As máquinas escaneiam as instruções e misturam os ingredientes. Sergey Pozdnyakov Mais

Deixando para trás o clima frio de Moscou, Igor e seus colegas chegam a Uglegrado, cidade que vive em eterna primavera e cujos habitantes têm luz e calor fornecidos por uma estrela de cristal. Sergey Pozdnyakov Mais

Os soviéticos são capazes de construir cidades subterrâneas graças a potentes máquinas perfuradoras. Sergey Pozdnyakov Mais

Enquanto as crianças estão em Uglegrado, o Instituto Meteorológico Central soviético recebe notícias terríveis: os últimos "imperialistas" do mundo, que vivem em una remota ilha do Pacífico Sul, fazem testes com armas nucleares, que causam uma "explosão sem precedentes". Não só destroem a ilha como provocam "perturbações na atmosfera do planeta". Sergey Pozdnyakov Mais

A explosão cria tornados gigantescos que se aproximam de Moscou. Sergey Pozdnyakov Mais

Mas os soviéticos contam com estações climáticas voadoras, capazes de controlar o clima. Com elas, detêm as tormentas, salvam o mundo e podem continuar preparando as comemorações do centenário da "Grande Revolução de Outubro". Sergey Pozdnyakov Mais

Como os soviéticos imaginavam 2017 BBC

Últimos álbuns de Notícias

UOL Cursos Online

Todos os cursos