Informações sobre o álbums
  • editoria:
  • galeria:
  • link: http://noticias.uol.com.br/ciencia/album/2016/12/01/veja-imagens-de-ciencia-do-mes-dezembro2016.htm
  • totalImagens: 12
  • fotoInicial: 12
  • imagePath:
  • baixaResolucao: 0
  • ordem: ASC
  • legendaPos:
  • timestamp: 20161201202654
    • Notícias [35976]; Ciência [45097]; Ciência e Saúde [76752];
Fotos

FENDA NA ANTÁRTICA - A Nasa (Agência Espacial Norte-Americana) divulgou a fotografia de uma fenda maciça na plataforma de gelo Larsen, na Antártica. A imagem foi feita por um grupo de cientistas da missão IceBridge, que observa, mede e registra as mudanças do gelo nas áreas polares da Terra. Os pesquisadores temem que a fenda desestabilize a plataforma, fazendo com que o gelo quebre mais rápido e ajude a elevar o nível do mar Nasa/Maria-Jose Viñas Mais

GALÁXIA BRILHANTE - Nova imagem do telescópio espacial Hubble conseguiu mostrar detalhes nunca vistos da galáxia NGC 4696. Cientistas afirmaram que a galáxia elíptica tem uma bela estranheza cósmica e que ela entrou para a categoria de maiores e mais brilhantes galáxias conhecidas no Universo. A NGC 4696 está cerca de 150 milhões de anos-luz da Terra, na constelação de Centaurus Andy Fabian/ Nasa/ ESA Mais

ASTRONAUTA TAMBÉM FICA DOENTE - Buzz Aldrin, o segundo homem a pisar na Lua, em 1969, está se recuperando em uma clínica da Nova Zelândia depois de ter sido retirado de uma base do Polo Sul por problemas de saúde. Sua empresária Christina Korp divulgou uma foto no hospital após afirmar que Aldrin tinha líquido nos pulmões, mas está respondendo bem aos antibióticos Christina Korp/ AP Mais

NOVO APP PARA ASTRONAUTAS - Uma das principais preocupações de agências espaciais é com a saúde de astronautas no espaço. Por isso, a agência espacial francesa criou um app para monitorar quem está fora da Terra. Chamado de EveryWear, o app oferece uma interface para diferentes questões relacionadas à saúde. O astronauta poderá escanear os alimentos para ver os nutrientes que come no dia, monitorar por meio de um sensor como sua artéria reage à falta de gravidade, checar a temperatura de sua pele e contar com uma "camisa inteligente" que grava seu eletrocardiograma em exercícios. O EveryWear será testado pelo astronauta Thomas Pesquet durante permanência de seis meses no Espaço ESA Mais

IMAGEM COLORIDA DE LUA DE MARTE - A sonda ExoMars tirou sua primeira foto colorida de Phobos, uma lua de Marte. A câmera capturou a lua em 26 de novembro, a uma distância de 7.700 km. Uma composição colorida foi criada de diferentes imagens tiradas por meio de vários filtros. Os filtros da câmera da sonda são otimizados para revelar diferenças na composição mineral, vistos entre azul e vermelho na imagem processada feita para visualização em 3D. Os cientistas destacam a importância da imagem para calibrar a câmera ESA/Roscosmos/CaSSIS Mais

GELO QUE NÃO É ETERNO - Dois artigos publicados na revista Nature analisam o degelo da Groenlândia, que pode levar ao aumento do nível dos oceanos numa das consequências do aquecimento global. Entender esse comportamento em períodos quentes do passado pode ajudar prever o que vem pela frente. Os cenários traçados são diferentes. A pesquisa de Joerg Schaefer sugere que a Groenlândia quase não tinha gelo durante o Pleistoceno, há cerca de 2 milhões de anos. Já o de Paul Bierman aponta para uma flutuação da presença de gelo que estaria sempre presente nos últimos 7,5 milhões de anos. Embora cheguem a resultados contrastantes, ambos apontam como a alteração de gelo no local se comportou ao longo dos anos Paul Bierman Mais

POEIRA CÓSMICA NO SEU TELHADO? - A poeira cósmica é formada por partículas que estão no Universo desde a formação do Sistema Solar. Essa poeira tem caído na Terra há bilhões de anos e é usada no estudo da evolução. Anteriormente, as partículas de 0,01 milímetro eram procuradas no gelo de lugares como a Antártida, já que era difícil desenterrar as minúsculas poeiras cósmicas em áreas urbanas. Mas um estudo da Imperial College London, na Inglaterra, achou a poeira em plena cidade. Cientistas juntaram 300 kg de sedimentos presos em calhas e telhados de Paris, Oslo e Berlim. Como a poeira cósmica é magnética, eles usaram o magnetismo para separá-la do restante do material e encontraram cerca de 500 partículas. Pode ter um pedaço do universo no seu telhado Reprodução Mais

MERGULHO EM SATURNO - Imagens retratadas pela sonda espacial Cassini, da Nasa (Agência Espacial Americana), mostram o hemisfério norte de Saturno com quatro filtros espectrais diferentes. Cada filtro é sensível a diferentes comprimentos de onda de luz e revelam nuvens e neblina em altitudes diferentes. A Cassini passará vinte vezes através dos anéis de Saturno e depois se aproximará de Titã e em seguida mudará sua trajetória e terminará sua existência colidindo com o planeta Nasa Mais

LUTO - John Glenn, o primeiro astronauta americano a orbitar a Terra, morreu aos 95 anos. A causa não foi anunciada. Glenn também tinha outro feito marcante em sua carreira, ele foi o astronauta mais velho na história a viajar. Aos 77 anos, ele fez um voo de glória como membro da tripulação do ônibus espacial Discovery. Além disso, o astronauta também participou da política, trabalhando como senador dos Estados Unidos pelo Estado de Ohio Jay LaPrete/ AP Mais

BURACO NEGRO ENGOLE ESTRELA - Imagem artística divulgada pela Agência Espacial Europeia mostra uma estrela semelhante ao Sol perto de um buraco negro supermassivo. Com uma massa de cerca de 100 milhões de vezes a massa do Sol, localizado no centro de uma galáxia distante, o buraco negro faz com que sua atração gravitacional rasgue a estrela. Neste processo, ela sofre um "efeito macarrão" --como é chamado o alongamento vertical e a compressão horizontal de objetos, em formas longas e finas, em campos gravitacionais não-homogênios muito fortes--, proporcinando uma explosão de luz ESA/Hubble/AFP Mais

A MORDIDA MAIS FORTE DA HISTÓRIA - Se você pensou no leão ou no tigre-dente-de-sabre, errou. A mordida mais potente já registrada pelos cientistas entre os mamíferos é a do marsupial Didelphodon vorax, que viveu ao lado de dinossauros ferozes na era mesozoica. Ele era um predador de pequenos dinos, mostra estudo da Universidade de Washington. Os pesquisadores compararam um crânio fossilizado do Didelphodon descoberto nos EUA (foto em destaque na imagem ilustrativa) com o de mamíferos conhecidos pela forte mordida, como as hienas. Ele também tinha caninos similares aos de felinos e molares cortantes, o que permitia morder profundamente, matar, furar ovos e esmagar ossos. Burke Museum Mais

É FESTA EM MAGALHÃES? - O telescópio Hubble, da Nasa, foi iluminado com imagens coloridas da Pequena Nuvem de Magalhães, uma galáxia irregular situada a 200 mil anos-luz da Terra. Esta nuvem é visível a olho nu da Terra como uma mancha de luz enevoada e alongada. Na imagem acima, duas nebulosas emitem luzes que parecem festivas, em união que as faz parecer uma só. A coloração rosa é provocada por uma intensa radiação das brilhantes estrelas centrais, que afetam o hidrogênio da nebulosa NASA, ESA, STScI, K. Sandstrom (University of California, San Diego), and the SMIDGE team. Mais

Veja imagens de ciência do mês (dezembro/2016)

ÚLTIMOS ÁLBUNS DE UOL CIÊNCIA

UOL Cursos Online

Todos os cursos