PUBLICIDADE
Topo

Cotidiano

Conteúdo publicado há
5 meses

Idoso bloqueado nas redes envia dezenas de Pix com recado para ex e é preso

Suspeito, de 67 anos, enviou mensagens pedindo para que ex retirasse denúncias de importunação  - Divulgação/SSPDS
Suspeito, de 67 anos, enviou mensagens pedindo para que ex retirasse denúncias de importunação Imagem: Divulgação/SSPDS

Do UOL, em São Paulo

11/03/2022 08h37Atualizada em 11/03/2022 22h19

Um idoso de 67 anos foi preso por importunação em Fortaleza (CE), após enviar uma série de mensagens para a ex-namorada usando o Pix.

A vítima, de 56 anos, já possui uma medida protetiva contra o suspeito, que não aceitava o fim do relacionamento e passou a perseguir e ameaçar a ex com ligações e mensagens, segundo informações da Polícia Civil do estado do Ceará.

Em uma tentativa de fugir do assédio do idoso, a mulher bloqueou o ex-namorado de todas as redes sociais e também restringiu ligações e mensagens feitas pelo número de celular do suspeito, com quem havia terminado o relacionamento há cerca de quatro meses.

Além dos bloqueios, ela também registrou um boletim de ocorrência contra o homem, obtendo uma medida protetiva que deveria obrigá-lo a não tentar contato com a vítima.

Mas nem mesmo as denúncias foram suficientes para parar o investigado.

Ele continuou perseguindo a ex com depósitos de valores baixos, por meio de Pix. A ferramenta permite o envio de mensagens breves junto às quantias transferidas.

Em uma delas, divulgada pela Polícia Civil, o idoso diz "estar com saudade" da vítima. Em outra, pede que ela retire o processo contra ele.

O suspeito, que tem passagem pela polícia por estelionato, descumpriu os termos da medida protetiva. Ele foi detido na terça-feira (8), em sua casa no bairro Damas, em Fortaleza, e conduzido para a DDM (Delegacia de Defesa da Mulher) da capital, sob um mandado de prisão preventiva.

O inquérito policial que investigava o caso foi concluído na quarta-feira (9). Os nomes do suspeito e da vítima não foram divulgados, o que impossibilitou a busca pelo posicionamento de ambos os lados.

Acompanhe esta e outras notícias do dia no UOL News:

Cotidiano