Exclusivo para assinantes UOL

Na Rússia de Putin, uma "bomba-relógio" chamada Lênin

Isabelle Mandraud

  • Ivan Sekretarev/AP

    21.jan.2016 - Moscovitas comunistas seguram retratos de Lênin e bandeiras vermelhas para lembrar o 92º aniversário da morte do líder da Revolução Russa, em Moscou

    21.jan.2016 - Moscovitas comunistas seguram retratos de Lênin e bandeiras vermelhas para lembrar o 92º aniversário da morte do líder da Revolução Russa, em Moscou

O centenário da revolução de outubro de 1917 se aproxima e a dúvida continua: o que fazer com Lênin? Noventa e dois anos após sua morte, o líder da revolução bolchevique continua presente em cada esquina na Rússia, no metrô de Moscou e, é claro, na Praça Vermelha, onde seu corpo embalsamado repousa em um mausoléu de granito.

UOL Cursos Online

Todos os cursos