Topo

Terroristas desafiam controle nas redes sociais para barrar a violência

Tashfeen Malik, 29, em foto sem data fornecida pelo FBI, acusada de ser um dos atiradores de San Bernardino, na Califórnia, em que 14 pessoas morreram - FBI/Reuters
Tashfeen Malik, 29, em foto sem data fornecida pelo FBI, acusada de ser um dos atiradores de San Bernardino, na Califórnia, em que 14 pessoas morreram Imagem: FBI/Reuters
Exclusivo para assinantes UOL

Nicole Perlroth e Mike Isaac

Em San Francisco (EUA)

09/12/2015 00h02

Nas horas que se seguiram ao assassinato de 14 pessoas em San Bernardino, na Califórnia (EUA), uma voz conhecida comemorou os ataques no Twitter: "Califórnia, chegamos com nossos soldados. Decida como será seu fim, com faca ou...

Mais Jornais internacionais