Exclusivo para assinantes UOL

Uma distinção sem diferença, e um gesto de desdém do topo

Maggie Haberman e Jonathan Martin

  • Mark Humphrey/AP

Durante um fim de semana prolongado em seu clube particular em Palm Beach, na Flórida, o presidente Donald Trump demonstrou pouca ou nenhuma preocupação sobre a reação irada às declarações obscenas que ele fez para descrever países do Terceiro Mundo de onde poderiam vir imigrantes sob uma nova lei de imigração. Sua base eleitoral adorou o que ele disse, segundo afirmou a convidados em seu clube de golfe, Mar-a-Lago. E o refrão foi repetido em telefonemas durante todo o fim de semana.

Veja também

UOL Cursos Online

Todos os cursos