Topo

Rede de apoio cresce para ajudar familiares de vítimas de tiroteios

Saul Martinez/The New York Times
Nicole Hockley perdeu o filho no massacre na escola Sandy Hook e hoje é codiretora de um grupo que advoga contra a violência causada pelas armas de fogo Imagem: Saul Martinez/The New York Times
Exclusivo para assinantes UOL

Vivian Yee

2018-02-20T00:04:00

20/02/2018 00h04

Uma criança é morta a tiros. Talvez em uma escola, talvez em um cinema. Passa em todos os canais de TV, está no Twitter, exatamente como foi no último tiroteio em massa.Depois as câmeras vão embora, e os pais se ve...