Topo

Sauditas teriam usado coerção e abuso para apreender bilhões de dólares

Tasneem Alsultan/The New York Times
O hotel Ritz-Carlton, em Riad, foi o local escolhido pelo governo saudita para deter empresários e membros da família real Imagem: Tasneem Alsultan/The New York Times
Exclusivo para assinantes UOL

Ben Hubbard, David D. Kirkpatrick, Kate Kelly e Mark Mazzetti

Em Riad (Arábia Saudita)

13/03/2018 00h04

Empresários que já foram considerados gigantes da economia saudita hoje usam tornozeleiras de rastreamento. Príncipes que chefiaram forças militares e apareciam em revistas de personalidades são monitorados por guardas q...