Topo

Opinião: Além do governo, justiceiros restringem liberdade de expressão na internet chinesa

Homens navegam na internet em Pequim, na China - Gilles Sabrié/The New York Times
Homens navegam na internet em Pequim, na China Imagem: Gilles Sabrié/The New York Times
Exclusivo para assinantes UOL

Audrey Jiajia Li*

19/05/2019 00h01

Quando as redes sociais surgiram na China há quase dez anos, meus colegas e eu ficamos empolgados. Pensamos que aquele seria um espaço onde poderíamos compartilhar tudo, desde pitadas do cotidiano até nossas opiniões nuas e cruas sobre assuntos público...

Mais Jornais internacionais