Topo

PF investigará autores de curta de ficção sobre sequestro de filha de Moro

O ministro da Justiça e Segurança Pública, Sergio Moro  - REUTERS/ANDRE COELHO
O ministro da Justiça e Segurança Pública, Sergio Moro Imagem: REUTERS/ANDRE COELHO

Do UOL, em São Paulo

05/09/2019 10h55Atualizada em 05/09/2019 17h36

O ministro da Justiça e Segurança Pública, Sergio Moro, pediu que a Polícia Federal abra um inquérito para investigar os responsáveis por um curta-metragem de ficção em que a filha dele aparece como vítima de sequestro.

No vídeo de 15 minutos, publicado no Youtube, a jovem aparece em poder de criminosos que exigem a soltura do ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva para que ela seja liberada.

Em nota, o Ministério da Justiça informou que Moro solicitou a abertura de inquérito policial por ameaça e apologia ao crime contra os responsáveis e que a investigação está sendo conduzida pela Polícia Federal.

No roteiro, ela é apresentada como "a filha do ministro da Justiça e 'insegurança pública', Sério Mauro". Lula é identificado como "Luiz Jararaca da Silva".

Vestindo camiseta do Brasil, a adolescente aparece em um cativeiro com bandeiras e cartazes com "Lula Livre" pendurados na parede.

Política