Topo

Tecnologia

Dicas de tecnologia


Autenticação em 2 fatores: como ativar o recurso que te salva de ciladas

Gabriel Francisco Ribeiro

Do UOL, em São Paulo

2019-01-09T04:00:00

09/01/2019 04h00

Você deve ter ouvido falar recentemente de uma tal "autenticação de dois fatores" presente em sites, aplicativos e redes sociais. A configuração, que dá mais segurança para o dono da conta, está presente na maioria dos serviços na atualidade. Mas como ativar?

A autenticação de dois fatores (ou verificação em duas etapas, dependendo do site) não é nenhuma novidade e existe há anos. Nos últimos tempos, contudo, ganhou mais destaque por casos de contas invadidas em serviços como WhatsApp, Instagram e Facebook - os próprios aplicativos e sites recomendam ativar essa proteção.

Veja também:

No vídeo acima, você pode ver como ativar essa autenticação nos principais aplicativos e redes sociais do momento: WhatsApp, Facebook e Instagram. Mas vale dizer que isso serve para quase tudo na internet: Google, Twitter, Microsoft e muito mais.

A autenticação de dois fatores serve para ter dar mais segurança. Assim, se um hacker ou outra pessoa obtiver uma senha sua, isso não bastará para ele invadir suas contas: na hora do login, é pedido um código enviado por SMS para o número que você cadastrou ou gerado por um aplicativo autenticador (como o Google Authenticator ou Microsoft Authenticator, que servem como um gerador de números que são trocados em intervalos de tempo).

Mas é bom frisar também que essa necessidade de colocar um código também valerá para quando você fizer um novo login em suas contas. Pense que é melhor sempre provar que você é você mesmo do que perder acesso ou ter informações expostas.

Em todos os sites, aplicativos e serviços, a verificação costuma estar presente dentro das configurações da sua conta - normalmente na aba de segurança. É bom dizer, claro, que ativar o procedimento não vai impedir totalmente que sua conta seja invadida, mas diminuirá as chances disso acontecer.